Fisco deteta fuga de 217 milhões com cruzamento de dados

SXC

-

O cruzamento de dados fiscais e bancários permitiu às Finanças verificar que, no ano passado, houve uma fuga de, pelo menos, 217 milhões de euros.

De acordo com o Diário Económico, que teve acesso ao relatório do combate à fraude e evasão fiscais de 2014, existem diferenças substanciais entre os valores que os contribuintes recebem e os valores que os contribuintes gastam.

O cruzamento dos dados fiscais e dos pagamentos com cartões de crédito e de débito, recebidos pela Autoridade Tributária (AT) das instituições de crédito, permitiu ao Governo identificar, no ano passado, cerca de 217 milhões de euros que não foram declarados pelos contribuintes mediante a não emissão de faturas ou situações de subfaturação.

De acordo com o documento, foram detetadas “situações de potenciais irregularidades por omissões à matéria coletável/rendimento tributável de Imposto sobre o Rendimento (IRS e IRC) e base tributável de IVA, estimadas em cerca 217 milhões de euros”, dando conta de “um elevado volume de divergências existentes (valores de pagamentos por TPA e os valores declarados em IRC, IRS e IVA)”.

O relatório reporta ainda que contribuintes identificados neste cruzamento de dados “estão a ser alvo de centenas de ações de inspeção para controlo da situação tributária, tendo já sido recuperado milhões de euros através de regularizações voluntárias e coercivas“, cita o Económico.

No ano passado, as dívidas dos portugueses ao Fisco eram superiores a 14 milhões de euros, tendo sido instaurados 457 processos para levantar o sigilo bancário. Destes 366 foram resolvidos com a autorização voluntária dos respetivos contribuintes.

ZAP

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Eu avisei… Não pediram facturas até pelos cafés??
    Agora teem a vossa vida devassada..
    BEM FEITA.. voltou a PIDE!
    Agora quero ver como é que justificam gastar mais do que ganham hahahahahaha

  2. Sr. Rui Almeida, não vejo aonde existe o problema de pedir faturas.
    A titulo de exemplo se em sua casa entrarem 2000€ e você gastar 3000 das duas uma ou você tem uma arvore que dá dinheiro, ou então ganha-o ilicitamente.

  3. Ora, 70% dos portugueses realiza pequenos biscates nos fins de semana ou feriados. E é ai que está a diferença entre o que entra e o que se gasta. Ou quer que pague impostos até pelos biscates!? Neste caso vamos viver todos do RSI pois não vale a pena trabalhar…

    • Todos os ganhos são tributados…. E os biscates ou não biscates são ganhos. E deles todos temos de contribuir para que os impostos de outros sejam aliviados, poir não fazerem biscates…

  4. Das 2 uma ou o P.Coelho este ano pede factura na casa da manta rota ou é o dono da casa que lha vai passar senão é mais um para para ser detectado nas fugas.
    Mas acho que deve ser o dono a pedir pois o PC pensa assim: “eu não sabia que era preciso pedir factura…se soubesse disso até eu a tinha pedido e posto no e-factura”.
    Daqui a uns 10 anos ele vai pagar o IVA dessas facturas quando um jornalista lhe fizer essa pergunta e for PR pois o povinho com cérebro de uns poucos kilo bits de memória depressa esquece a votará nele daqui a uns anitos como fez com o senhor Aníbal.
    Ou não pois o arrendador deve estar numa lista vip da AT.

Viagens ao Espaço têm um novo perigo desconhecido para os astronautas

Há um perigo inerente às longas viagens espaciais dos astronautas desconhecido até aos dias de hoje. Um novo estudo aponta que os cosmonautas podem ver o seu fluxo sanguíneo revertido na parte superior do corpo. A …

Macrocilix maia, a misteriosa traça que tem moscas a comer fezes nas suas asas

Macrocilix maia é uma espécie de traça que se destaca pela forma como se camufla dos seus predadores. Nas suas asas vê-se duas moscas a comer excrementos de pássaro. A natureza nunca falha em surpreender-nos e …

Há provas que ligam misteriosa doença que paralisa crianças a vírus raro

Pela primeira vez, foram encontradas provas da associação do Enterovírus D68, um vírus raro até há algum tempo, à Mielite Flácida Aguda, uma doença semelhante à poliomielite que tem afectado centenas de crianças, provocando a …

Antigos egípcios podem ter encurralado milhões de pássaros só para os mumificar

Novas evidências de ADN sugerem que os antigos Egípcios capturavam pássaros selvagens para sacrifícios ritualísticos (e para os poderem mumificar depois). As catacumbas egípcias contêm milhares de pássaros mumificados, especificamente íbis-sagrados (Threskiornis aethiopicus), empilhados uns sobre …

Estudo mostra que sondagens tendenciosas enviesam eleições políticas

Através de experiências práticas, uma investigação recente sugere que as sondagens tendenciosas podem influenciar e enviesar as eleições políticas, até mesmo nas grandes democracias. Enquanto uma eleição se aproxima no Reino Unido e uma votação presidencial …

A Rússia criou a arma mais mortífera da história. Foi há 72 anos

Comummente conhecida por AK-47, a espingarda Kalashnikov foi responsável por milhões de mortes durante a nossa História, sendo uma das armas mais populares do mundo e a mais fabricada pela indústria de armamento. Segundo o The Conversation, …

Luxemburgo 0-2 Portugal | Campeão marca presença no Euro

Portugal venceu o Luxemburgo por 2-0 e apurou-se para a fase final do Euro2020 – a 11ª presença consecutiva da turma das “quinas” em fases finais de grandes competições. Num encontro mal jogado, em parte pelas …

Hologramas e outras tecnologias podem ajudar a combater incêndios florestais

Portugal continua a ser assombrado pela destruição sem precedentes dos incêndios florestais. Agora é a hora de aproveitar as nossas ferramentas tecnológicas e encontrar maneiras inovadoras de ajudar a aliviar o problema e também evitar …

Pombos estão a perder dedos ou patas por causa da poluição

Basta passar algum tempo na praça de uma cidade para ver que alguns pombos têm patas feridas ou dedos em falta. Embora possamos pensar que isto é causado por algum vírus ou pelos eventuais desentendimentos …

Descoberto no Japão fóssil de pássaro com 120 milhões de anos

O fóssil de um pássaro do Cretáceo recentemente descoberto no Japão pode levar os cientistas a repensarem alguns detalhes sobre a evolução do voo. Há cerca de 120 milhões de anos, um pássaro com o tamanho …