Fisco deteta fuga de 217 milhões com cruzamento de dados

SXC

-

O cruzamento de dados fiscais e bancários permitiu às Finanças verificar que, no ano passado, houve uma fuga de, pelo menos, 217 milhões de euros.

De acordo com o Diário Económico, que teve acesso ao relatório do combate à fraude e evasão fiscais de 2014, existem diferenças substanciais entre os valores que os contribuintes recebem e os valores que os contribuintes gastam.

O cruzamento dos dados fiscais e dos pagamentos com cartões de crédito e de débito, recebidos pela Autoridade Tributária (AT) das instituições de crédito, permitiu ao Governo identificar, no ano passado, cerca de 217 milhões de euros que não foram declarados pelos contribuintes mediante a não emissão de faturas ou situações de subfaturação.

De acordo com o documento, foram detetadas “situações de potenciais irregularidades por omissões à matéria coletável/rendimento tributável de Imposto sobre o Rendimento (IRS e IRC) e base tributável de IVA, estimadas em cerca 217 milhões de euros”, dando conta de “um elevado volume de divergências existentes (valores de pagamentos por TPA e os valores declarados em IRC, IRS e IVA)”.

O relatório reporta ainda que contribuintes identificados neste cruzamento de dados “estão a ser alvo de centenas de ações de inspeção para controlo da situação tributária, tendo já sido recuperado milhões de euros através de regularizações voluntárias e coercivas“, cita o Económico.

No ano passado, as dívidas dos portugueses ao Fisco eram superiores a 14 milhões de euros, tendo sido instaurados 457 processos para levantar o sigilo bancário. Destes 366 foram resolvidos com a autorização voluntária dos respetivos contribuintes.

ZAP

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Eu avisei… Não pediram facturas até pelos cafés??
    Agora teem a vossa vida devassada..
    BEM FEITA.. voltou a PIDE!
    Agora quero ver como é que justificam gastar mais do que ganham hahahahahaha

  2. Sr. Rui Almeida, não vejo aonde existe o problema de pedir faturas.
    A titulo de exemplo se em sua casa entrarem 2000€ e você gastar 3000 das duas uma ou você tem uma arvore que dá dinheiro, ou então ganha-o ilicitamente.

  3. Ora, 70% dos portugueses realiza pequenos biscates nos fins de semana ou feriados. E é ai que está a diferença entre o que entra e o que se gasta. Ou quer que pague impostos até pelos biscates!? Neste caso vamos viver todos do RSI pois não vale a pena trabalhar…

    • Todos os ganhos são tributados…. E os biscates ou não biscates são ganhos. E deles todos temos de contribuir para que os impostos de outros sejam aliviados, poir não fazerem biscates…

  4. Das 2 uma ou o P.Coelho este ano pede factura na casa da manta rota ou é o dono da casa que lha vai passar senão é mais um para para ser detectado nas fugas.
    Mas acho que deve ser o dono a pedir pois o PC pensa assim: “eu não sabia que era preciso pedir factura…se soubesse disso até eu a tinha pedido e posto no e-factura”.
    Daqui a uns 10 anos ele vai pagar o IVA dessas facturas quando um jornalista lhe fizer essa pergunta e for PR pois o povinho com cérebro de uns poucos kilo bits de memória depressa esquece a votará nele daqui a uns anitos como fez com o senhor Aníbal.
    Ou não pois o arrendador deve estar numa lista vip da AT.

RESPONDER

Investigadores desenvolvem tecnologia que permite datar as impressões digitais

Encontrar as impressões digitais numa cena de crime nem sempre é suficiente para haver condenação, podendo os suspeitos alegar que as mesmas foram deixadas antes de o crime ocorrer. Essa realidade pode estar prestes a …

Coronavírus abala mercados mundiais. Petróleo derrapa mais de 3%

A preocupação com as consequências económicas da propagação do coronavírus na China está a ter um efeito devastador nos mercados. A derrapagem nos mercados acontece numa altura em que o número de mortos pelo surto de …

Prémio Tyler 2020: Defensores de políticas verdes ganham "Nobel do Meio Ambiente"

O Prémio Tyler 2020, também conhecido como o "Nobel do Meio Ambiente", foi atribuído à bióloga Gretchen Daily e ao economista ambiental Pavan Sukhdev, foi hoje anunciado. A bióloga especialista em conservação e o economista são …

Subsídios estão a ser pagos e aumento de 15% no ordenado "não é realista", diz a Ryanair

A Ryanair está a pagar os subsídios de férias e Natal, afirmou hoje um responsável da companhia, salientando que o sindicato dos tripulantes de cabine tenta “forçar” aumentos salariais de 15%, o que “não é …

Tia de Kim Jong-un faz a primeira aparição pública em mais de seis anos

Kim Kyong-hui, tia paterna do líder norte-coreano Kim Jong-un, reapareceu em público este sábado pela primeira vez em mais de seis anos, escreve a BBC. A emissora britânica, que avança a notícia citando a Agência Central …

Coronavírus. Madeira está a preparar-se para eventual surto

Região da Madeira “já está a delinear” quartos com pressão negativa e áreas isoladas, além de “fármacos, oxigénio, fatos protetores, máscaras e capacidade laboratorial”. O presidente do Instituto de Saúde (Iasaúde) da Madeira anunciou esta segunda-feira …

Luanda Leaks. Isabel dos Santos vai processar o consórcio de jornalistas

Depois de Rui Pinto ter assumido a autoria da divulgação dos documentos do caso Luanda Leaks, Isabel dos Santos avança que vai processar o consórcio de jornalistas. A empresária angolana Isabel dos Santos vai processar o …

Portugal vende cinco F-16 à Roménia por 130 milhões de euros

O ministério da Defesa Nacional oficializou hoje, na Base Aérea de Monte Real, no distrito de Leiria, a venda de cinco aviões militares F-16 à Roménia, num negócio de 130 milhões de euros. "Com este processo …

Pedro Proença e a violência no futebol: "É chegada a altura de o Governo assumir responsabilidades"

O presidente da Liga Portuguesa de Futebol (LPFP), Pedro Proença, disse esta segunda-feira, depois de uma reunião no Ministério da Administração Interna (MAI), que o governo deve assumir responsabilidades sobre os recentes casos de violência …

Reconhecimento facial vai ser testado no acesso a serviços públicos online

O Governo quer criar um sistema de reconhecimento facial para usar a chave móvel digital, ferramenta que já permite aceder a vários serviços online do Estado. O Governo está a planear criar um sistema de reconhecimento …