Faltam testes ao Covid-19 nos privados. Ventiladores escasseiam na Europa

Franck Robichon / EPA

Os laboratórios privados estão a ter dificuldade em obter kits para testar utentes para o novo coronavírus. Na Europa, os fornecedores estão a ter dificuldades em responder a todos os pedidos de ventiladores.

De acordo com o Observador, os laboratórios privados estão a ter dificuldade em obter kits para testar utentes para o novo coronavírus. Ao matutino, Germano de Sousa, antigo bastonário da Ordem dos Médicos e proprietário do grupo laboratorial homónimo, disse que o pedido de análises ao Covid-19 aumentou mais de 14 vezes entre segunda e quinta-feira no Laboratório Germano de Sousa.

Os pedidos de análise levaram à diminuição abrupta das sondas em armazém. Contudo, mesmo depois de encomendadas, “as companhias estrangeiras não as despacham a tempo, a produção também não é suficiente e tem havido alguns atrasos na alfândega”, explicou o responsável.

Além de já serem caros – chegam a custar 200 euros – estão agora à venda para os laboratórios privados com preços inflacionados.

Germano de Sousa adiantou ainda que recebeu nove pedidos de análises ao novo coronavírus, mas na quinta-feira o número já tinha ultrapassado os 130. Em quatro dias, os laboratórios de Germano de Sousa fizeram mais de 330 análises, 14 das quais deram positivo.

Falhas de ventiladores a nível europeu

Segundo o Jornal de Notícias, os profissionais de saúde portugueses estão preocupados com os relatos que chegam de Itália sobre a falta de ventiladores nos hospitais. Há unidades hospitalares a solicitar a compra centralizada de ventiladores e outros a tentar adquirir diretamente, mas existem dificuldades por parte dos fornecedores em responder a todos os pedidos.

“Em Itália, os hospitais pediram ao Governo a compra de mais ventiladores, mas têm de esperar um mês”, disse ao jornal o coordenador do grupo de ventilação não evasiva da Sociedade Europeia Respiratória, João Carlos Wink.

Portugal não tem uma reserva estratégica destes dispositivos, tal como “existe nos Estados Unidos e no Canadá”. Nesse sentido, o responsável admite que podemos vir a ter dificuldades na compra de ventiladores, porque os principais fornecedores são europeus.

Segundo os cálculos do pneumologista Filipe Froes, coordenador do gabinete de crise da Ordem dos Médicos para o Covid-19, existirão entre 500 a 600 equipamentos destes no país.

António Sales, secretário de Estado da Saúde, informou que Portugal tem 968 lugares em unidades de cuidados intensivos, das quais 145 são neonatais e 85 pediátricas, e 593 camas em cuidados intermédios.

Entretanto, no boletim epidemiológico desta sexta-feira, a Direção-Geral de Saúde confirmou que há 112 casos de Covid-19 confirmados em Portugal, mais 34 do que quinta-feira. Há 1.308 casos suspeitos e 5.674 pessoas sob vigilância.

As autoridades de saúde identificaram 11 cadeias de transmissão no país — mais seis do que na quinta-feira. A região norte continua a ser a mais afetada.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Zap, estes numeros são reais e confirmados?

    500 a 600 ventiladores em todo o pais?
    é que se for, não conseguimos recuperar mais do que 500 pessoas de cada vez… o que é abismal

  2. pois também não percebo estes numeros. E também a noticia de que Ronaldo doa 5 ventiladores na Madeira. Então são de ouro ou que?

RESPONDER

Centeno deixa aviso à Zona Euro. Futuro da UE depende da resposta que der à pandemia

Mário Centeno escreveu aos ministros das Finanças da Zona Euro para os alertar que o futuro da União Europeia depende da forma como conseguir lidar com a crise económica devida à pandemia de Covid-19. Uma …

Governo quer desempregados e trabalhadores em lay-off a reforçar lares e hospitais

O Governo criou uma medida de Apoio ao Reforço de Emergência de Equipamentos Sociais e de Saúde com o objetivo de apoiar as entidades do setor social e solidário. De acordo com o ECO, o Governo …

Recibos verdes podem pedir apoio a partir desta quarta-feira. Será pago ainda este mês

O apoio por quebra de atividade destina-se a trabalhadores independentes que nos últimos 12 meses tenham tido obrigação contributiva em pelo menos 3 meses consecutivos. O formulário para os trabalhadores independentes pedirem apoio por redução de …

"Este mês é perigosíssimo!" Costa avisa que "não podem ir à terra" na Páscoa

"As pessoas não podem ir à terra!" O alerta é de António Costa que avisa que este mês de Abril "é perigosíssimo" por causa da Páscoa. O primeiro-ministro recomenda também aos emigrantes que não venham …

13% dos casos de covid-19 em Portugal são profissionais de saúde. Há 10 médicos nos cuidados intensivos

Um em cada oito infetados com o novo coronavírus em Portugal é profissional de saúde. O número de médicos, enfermeiros, auxiliares e outros trabalhadores de hospitais e centros de saúde que estão contagiados não pára …

Curva em Itália parece estar a aplanar. Confirmado primeiro caso num campo de refugiados grego

A Itália registou mais 4.053 casos positivos e mais 837 mortes em 24 horas, valores semelhantes aos de segunda-feira e que sugerem que a curva da covid-19 parede estar a estabilizar. De acordo com o Observador, …

Há mais de 8 mil infetados e 187 mortes por covid-19 em Portugal

Há mais 27 mortes em relação a terça-feira, aumentando o número total de óbitos para 87. O número de casos confirmados em Portugal já ascende as 8 mil pessoas. O boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da …

Há falhas no sistema que regista casos de covid-19. A "esmagadora maioria" não vai ser contabilizada

O sistema que regista os casos de covid-19 em Portugal é "um pesadelo burocrático", denunciam os infecciologistas. A "esmagadora maioria" dos casos vai acabar por não ser notificada, acrescentam. O problema tornou-se público quando a Direção-Geral …

Mais de 3600 empresas já pediram acesso ao lay-off simplificado

O Governo já recebeu 3600 pedidos de empresas para aderirem ao regime lay-off lançado na semana passada, disse, esta terça-feira, a ministra do Trabalho e da Segurança Social. Ana Mendes Godinho, que falava aos jornalistas no …

Em tempos de crise, os emprestados podem ser a solução do Benfica

Bruno Varela, Cristián Lema, Filip Krovinovic, Gedson Fernandes e Diogo Gonçalves são hipóteses que Bruno Lage tem a seu dispor para regressar dos empréstimos. A suspensão das competições desportivas deixa muitos clubes entre a espada e …