“Estamos a falar de doze zeros”, diz Centeno sobre plano de recuperação para a UE

Stephanie Lecocq / EPA

O presidente do Eurogrupo, Mario Centeno

Mario Centeno declarou que o plano de resposta à emergência económica da União Europeia (UE) face à pandemia, “que a presidente da Comissão e o presidente do Conselho Europeu têm agora a responsabilidade de preparar”, pode passar pela criação de um fundo de biliões de euros, com “doze zeros”.

“São doze zeros. As nossas calculadoras dos telemóveis não dão para introduzir esses números. Só calculadoras científicas conseguem lidar com doze zeros”, disse o presidente do Eurogrupo, Mario Centeno, em entrevista ao Público esta terça-feira.

O plano da UE para recuperação passa por “um fundo que possibilita uma repartição dos custos do período de recuperação ao longo do tempo”, disse, frisando o “compromisso de prolongar ou distribuir ao longo do tempo o custo financeiro que será muito concentrado no período de recuperação imediato”.

O também ministro das Finanças português explicou que a fase de resposta de emergência a nível europeu conta o programa SURE da Comissão Europeia – de apoio ao emprego -, no valor de 100 mil milhões de euros, bem como com os empréstimos do Banco Europeu de Investimento, no valor de 200 mil milhões de euros.

Essa resposta inclui ainda o recurso ao Mecanismo Europeu de Estabilidade, “uma rede de proteção, sem condicionalismos, sem troikas, sem programas de ajustamento, para que os Estados possam aceder a financiamento com custos equiparáveis entre todos”, indicou.

“Qual é a soma disto tudo? Era aí que queria chegar para comparar com os EUA. Até à data, a resposta orçamental dos Estados-membros soma cerca de 3% do PIB da UE. Estamos a falar de mais de 500 mil milhões de euros”, sublinhou.

Segundo Centeno, embora ainda existem “divergências” sobre o plano, estas tendem a ocorrer “antes de chegar a um consenso”. “Não devemos ficar muito ansiosos”, declarou.

“Estou muito confiante e muito seguro de que essa resposta vai aparecer. As forças que têm permitido construir a Europa vão estar presentes nesta discussão e vão levar-nos a um porto seguro”, disse, elogiando a capacidade das instituições europeias para “inovar” ao lidar com “uma crise que só conseguíamos imaginar num cenário de ficção”.

Na entrevista, Centeno sublinhou que, no segundo trimestre de 2020, haverá “uma recessão verdadeiramente avassaladora”. “Muitas das estimativas para o segundo trimestre deste ano a nível europeu apontam para uma queda do PIB de 20%. No pior dos trimestres da anterior crise, a queda do PIB foi de 4% ou 5%. É uma escala que não tem rigorosamente nada que ver com qualquer situação anterior”, referiu.

É agora necessário “perceber a vertigem que foi este mês para os governos, os Estados, as nossas comunidades e instituições, e ver a rapidez com que reagimos”, acrescentou.

A Europa, continuou, está a dar uma resposta à crise com mais “rapidez” do que aconteceu em 2008. Aquela, continuou, foi “pré-anunciada pelo menos com 10 anos de antecedência” por “analistas, académicos, políticos, economistas”, mas “a resposta foi tímida, nalgumas dimensões porventura mesmo errada”, demorando “quase quatro anos”.

“Desta vez, esta crise não foi anunciada. É uma crise que só conseguíamos imaginar num cenário de ficção. Levou-nos 10 dias, entre a primeira reunião do Eurogrupo em que a solução começou a ser desenhada e a sua aprovação final”, destacou ainda.

 

ZAP //

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. Vamos contar os zeros em 500.000.000.000€.
    1,2,3,4,5,6,7,8,9,10,11…ups está a faltar um zero.
    Este Centeno devia ir aprender a fazer contas.
    Tem de multiplicar o plano por 2 pelo menos, para chegar aos 12 zeros.

    • Até à data são 500 000 000 000€, mas poderá subir, quiçá até aos 1 000 000 000 000€, pronto… 12 zeros.

      • Não, o Centeno estava mesmo a falar dos 12 zeros do bilião.
        “…pode passar pela criação de um fundo de biliões de euros, com “doze zeros”.

    • Biliões tem 11 zeros?!
      E ainda dizes que o Centeno tem que ir aprender?!
      Enfim… aproveita as aulas do ensino básico da tele-escola…

      • “…pode passar pela criação de um fundo de biliões de euros, com “doze zeros”.
        Biliões tem 13 dígitos (e doze zeros)!…
        O Pedro não sabe ler as notícias antes de comentar e o resultado é o que se vê!…

  2. Biliões tem doze zeros, mas 500 mil milhões mencionados no artigo, tem 11 zeros.

    Aproveita tu as aulas que estás a precisar, tanto as de português para aprenderes a ler o artigo, como as de matemática para saber contar os zeros em 500.000.000.000.

    Eu fui bem claro no meu comentário.

RESPONDER

Mesmo longe da Casa Branca, Trump foi o político republicano que mais arrecadou dinheiro em 2021

O ex-Presidente dos Estados Unidos Donald Trump é o político do Partido Republicano que mais arrecadou dinheiro este ano, apesar de ter deixado o cargo a 20 de janeiro, segundo a imprensa local. Os comités políticos …

Marcelo satisfeito com reabertura “sensata”. Alívio das restrições arranca hoje

O levantamento gradual das restrições em função da vacinação contra a covid-19 arranca este domingo com regras aplicáveis em todo o território continental, inclusive o limite de horário de encerramento até às 2h00 para restauração …

Restos mortais de morcego-vampiro podem desvendar mistérios sobre a espécie extinta

A descoberta da mandíbula de um morcego que viveu há 100 mil anos pode ajudar a responder a algumas incógnitas sobre a espécie extinta. Os restos mortais foram encontrados numa caverna na Argentina. De acordo com …

Vacinação de crianças saudáveis está aberta à "livre escolha dos pais"

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, salientou este sábado que as autoridades de saúde não proibiram a vacinação contra a covid-19 para crianças saudáveis, considerando que “esse espaço continua aberto à livre escolha …

Tal como nos humanos, a cafeína ajuda as abelhas a aumentar o foco e a eficácia

Um novo estudo indica que, tal como em muitos humanos, uma injeção de cafeína ajuda as abelhas a manterem-se mais concentradas e a realizarem o trabalho com mais eficiência. Uma equipa da Universidade de Greenwich percebeu …

Astrónomos detetam, claramente e pela primeira vez, um disco a formar satélites em torno de exoplaneta

Com o auxílio do ALMA, do qual o ESO é um parceiro, os astrónomos detetaram pela primeira vez de forma clara a presença de um disco em torno de um planeta fora do nosso Sistema …

E se a Terra parasse subitamente de girar?

O nosso planeta demora 23 horas e 56 minutos a completar uma volta em torno do seu eixo, movendo-se a cerca de 1.770 quilómetros por hora. Aprendemos estes pormenores sobre o planeta azul na escola, …

Sporting 2 - 1 Braga | Leão entra em 2021/22 a rugir

O Sporting parece querer manter a senda de sucesso da época passada e entrou em 2021/22 com o pé direito. Os “leões” bateram o Sporting de Braga por 2-1, num jogo que valeu, sobretudo, pela primeira …

Ensinar crianças a dizer palavrões? Uma cientista acha que é boa ideia

A auto-intitulada "cientista dos palavrões" acredita que ensinar as crianças a usá-los de forma eficiente ajuda os mais novos a perceber como este palavreado afecta outras pessoas. Já se sabia que dizer palavrões é um sinal …

Fósseis misteriosos podem ser uma das provas mais antigas de vida animal na Terra

Elizabeth Turner, cientista numa universidade do Canadá, poderá ter encontrado a prova mais antiga de vida animal na Terra. Uma cientista encontrou possíveis sinais de vida animal multicelular em restos de recifes microbianos de há 890 …