Ex-presidente da Raríssimas só sai da associação com indemnização e subsídio de desemprego

Rarissimas / Facebook

A presidente da Raríssimas, Paula Brito e Costa

Paula Brito e Costa demitiu-se da presidência da Raríssimas, mas pretende continuar a exercer o cargo de diretora-geral do principal centro, a Casa dos Marcos, a não ser que a indemnizem.

Estamos estupefactos“: é esta a reação dos funcionários da instituição ao saber que Paula Brito e Costa continuará a exercer o cargo de diretora-geral da Casa dos Marcos. “Apesar de estar a ser investigada pela Polícia Judiciária, decidiu trabalhar a partir de casa para onde levou vários dossiers a que nem os próprios inspetores da Segurança Social têm acesso”.

Com a garantia do ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Vieira da Silva, de que uma equipa de técnicos da Segurança Social foi deslocada para os equipamentos da Raríssimas para assegurar a assistência aos doentes, entre os funcionários as questões são outras e contemplam o futuro imediato da instituição: “Quem vai pagar os salários?”, perguntam ao Público.

Ao Expresso, Paula Brito e Costa assegurou que continuará à frente da Casa dos Marcos. “É muito fácil fazer a gestão da Casa dos Marcos. Se não me quiserem, então vamos ter de chegar a acordo”. E com acordo, Paula, que está a ser investigada por por suspeitas de aproveitamento para uso pessoal do dinheiro da instituição, refere-se a “um despedimento, o pagamento da respetiva indemnização e o subsídio de desemprego“.

Paulo Olavo Cunha, presidente da assembleia-geral da Raríssimas, já confirmou as afirmações, explicando que a “comunicação de renúncia se reporta apenas à função de presidente da direção”.

A “contratação” de Paula Brito e Costa como diretora-geral da Casa dos Marcos terá sido rodeada de secretismo, num processo acelerado pelas primeiras demissões na instituição no primeiro trimestre deste ano e que levaram ao afastamento da até então vice-presidente da Raríssimas e responsável pela delegação do Norte da instituição, Joaquina Teixeira.

Joaquina Teixeira também está também a ser investigada pelo Ministério Público num processo que corre no Departamento de Investigação e Ação Penal do Porto.

João Galamba: “Há uma falha aqui, que é dos denunciadores à TVI”

O deputado do PS apontou falhas ao comportamento dos antigos tesoureiros da Raríssimas que denunciaram o caso à TVI. O socialista considera que responsável pela denúncia devia ser investigado.

Há uma falha aqui, que é dos denunciadores à TVI. Tendo essa informação, deveriam ter sinalizado as contas da instituição e os órgãos internos da Raríssimas, porque esses sim é que têm o dever de fiscalização do normal funcionamento do dia a dia da instituição”: é assim que o porta-voz do PS põe em causa o comportamento dos dois tesoureiros que denunciam o caso.

João Galamba desresponsabiliza o Ministério do Trabalho e da Segurança Social e defende que o comportamento do antigo tesoureiro que denunciou o caso “é que tem de ser investigado”, conforme cita o Observador.

Pessoas que não alertaram em 2011, 2012, 2013, 2014, 2015 e 2016, são as mesmas que já tendo essa informação, escolhem alertar um canal de televisão para o fazer quando já lá não estão. O comportamento do tesoureiro que forneceu essa informação à TVI é que tem de ser investigado”, denuncia.

Segundo o Correio da Manhã, no entanto, a queixa do ex-tesoureiro Jorge Nunes esteve quatro meses nos serviços da Segurança Social.

Vieira da Silva diz que só foi informado das alegadas irregularidades em outubro passado, mas desde 31 de julho que, alegadamente, o Instituto da Segurança Social estaria a averiguar a situação. Jorge Nunes disse também que estranhou o silêncio do ministro, do qual Paula Brito e Costa será “muito amiga”.

ZAP //

PARTILHAR

23 COMENTÁRIOS

  1. Esta personagem tem é de ser imediatamente presa p/ se acabar c/ esta VERGONHA. Anda a ROUBAR á anos e ainda faz exigências? Estamos onde?? Ela não vale NADA. Espero vivamente que se tome atitudes e c7 Maximo de Urgencia, ou estão c/ MEDO??

      • Eles também a montaram ou acham que esta senhora subiu na vida a trabalhar…
        Só se foi a trabalhar na horizontal!
        Pois a trabalhar não foi… só se roubar for considerado como trabalho… logo todos os larápios terão de se inscrever nas finanças e segurança social e pagar impostos como todos os trabalhadores!
        Só neste país de bananas moles e corruptos!

    • O que esta senhora quer dizer e que decerto só devia sair da prisão no dia em que devolve-se cêntimo por cêntimo que roubou!
      Nem sei que nome dar a esta P*, C*, Ladra, V*, C*, égua… pois já chega de insultar os animais se não ainda sou processado pelo PAN!

  2. “Há uma falha aqui, que é dos denunciadores à TVI. Tendo essa informação, deveriam ter sinalizado as contas da instituição e os órgãos internos da Raríssimas, porque esses sim é que têm o dever de fiscalização do normal funcionamento do dia a dia da instituição”

    Há é várias falhas do próprio sistema que não tem mecanismos que evitem este tipo de aldrabices.

  3. Despedimento por justa causa e com o dever de reparar e indemnizar quem ficou lesado (o pais).

    Uma indenização ou indemnização refere-se ao ressarcimento devido a alguém de maneira a extinguir ou reduzir um dano, geralmente, de natureza moral ou material, originado por incumprimento total, ou cumprimento deficiente de uma obrigação, ou através da violação de um direito absoluto.

    Se isto não acontecer será a prova de boa fé que temos dos governantes do nosso pais, vamos aguardar para ver.

  4. Se o Costa tivesse um pingo de vergonha e não tivesse receio que a senhora abra a boca, há muito que a teria exonerado de todos os cargos da Raríssimas, com justa causa, e não havendo direito a qualquer indemnização. Pode ter direito é a uns anitos de choldra !

    • Se se comprovarem o uso indevido das verbas da raríssimas, certamente não terá direito a qualquer subsidio de desemprego… mas como este país anda, ainda lhe vão atribuir um subsidio de desemprego de 3000 euros… (onde o máximo não chega aos 1200).

    • Caro Carlos. Anda aí alguma confusão. Esta senhora era presidente de uma associação particular. Não é uma associação pública. O estado quando muito pode deixar de a financiar. Agora, o Costa não pode demitir a senhora. Não tem competências para tal. Pode deixar de financiar mas isso também não interessa porque a instituição em si faz falta e é muito positiva. Não devemos confundir esta senhora com a associação… muito embora ela o fizesse.

      • Caríssimo…
        A Raríssimas é uma IPSS, e tem Estatuto…

        Estatuto das IPSS’S – Decreto Lei nº119/83 de 25 de fevereiro
        Artigo 35º ( Destituição de corpos gerentes )
        1 – … os orgãos de tutela poderão pedir judicialmente a destituição dos corpos gerentes… )
        Artigo 36º (Providência Cautelar )
        1 – Verificando-se a necessidade urgente de salvaguardar os interesses da instituição … poderá o ministério público requerer … a suspensão dos corpos gerentes.

        Como se vê , o governo tem meios para atuar.

        • Continua a haver alguma confusão. O ministério público não é o governo. Mal era se fosse!!!E o Estado apenas pode pedir uma destituição judicial. Isto é, a decisão será sempre de um tribunal e não do governo. Apenas a iniciativa poderá ser do governo.

    • Achas! Decerto que também a andou a “Montar” e “Desmontar”… só faltam as fotos!
      São todos iguais… larápios, corruptos…

  5. Ahahahah! Tenho a melhor justiça do mundo neste meu País, onde quem gama é condecorado, e quem trabalha é penhorado!! Mesmo.. espectacular!

  6. na minha opinião se a instituição é privada, o Governo nada tem haver com isso, tem é que lhe pedir contas do que o governo lhes deu. a justiça é que tem que investigar. mas atenção, isto é a minha opinião

  7. Acha que está a ser prejudicada? Só lhe paguem depois dela devolver todo o dinheiro que roubou, e com juros, pode ser que assim deixe de pensar só nela e nos seus e comece a pensar nas crianças, utentes da Associação, que não têm culpa nenhuma. É outra de deveria aguarda em prisão preventiva.

  8. O Sr deputado Carlos Galamba se fosse pessoa com inteligência e vergonha na cara ficava caladito durante o período suficiente para nós nos esquecermos da cara dele.
    Esse senhor é uma espécie de Jose Relvas do PS. Vai lhe acontecer o mesmo mais tarde ou mais cedo. As companhias com quem priva denunciam-no e quando abre a boca é sempre para defender alguém indefensável, sempre com aquela agressividade própria de um cão de fila.

  9. Um secretário de um ministério que garante financiamentos para si próprio de forma vegonhosa e em nome de crianças e famílias completamente fragilizadas, esse é o maior escândalo de todo este processo…
    Também escandaloso é o facto de haver processos na Segurança Social – à sombra desse ministério – que desaparecem ou são arquivados sem investigação minimamente credível…
    Os vários “Galambas” que querem desviar a responsabilidade, mediatizando questões secundárias para desviar a atenção, e protegendo compadrios políticos, esses deveriam ter consciência e proteger a dignidade e a honra de um serviço público para o qual foram eleitos.
    Quanto a ladrões e criminosos vulgares, apesar da especial gravidade deste caso e da absurda ousadia da dita senhora, esse é campo da justiça que deveria actuar de forma imediata, determinada e eficaz.

  10. Eu Desconheço os estatutos desta associação, que eu saiba é necessários três assinaturas para movimentar o dinheiro depositado em Bancos, normalmente é O Presidente, Vice Presidente e Tesoureiro. ou estes passarem procuração a um titular.
    Não é defici, Façam uma auditoria as contas, e vejam os resultados. aprovados ou não pela Assembleia Geral.

RESPONDER

Portugal foi o país da Europa que mais pagou a agentes de futebol

Em 2019, Portugal foi o país da Europa que mais gastou em comissões a agentes nos processos de venda de jogadores de futebol. Os números são de um relatório FIFA, citado esta quinta-feira pelo Jornal de …

"Agregar, agregar, agregar". Se vencer, Pinto Luz conta com Rio e Montengro

O candidato à liderança do PSD Miguel Pinto Luz disse que caso vença as diretas de 11 de janeiro quer contar os seus adversários nesta corrida - o antigo líder parlamentar Luís Montenegro e o …

Açores são o único arquipélago do mundo com certificado de destino turístico sustentável

Os Açores são a primeira região do país certificada como destino turístico sustentável, distinção atribuída a apenas 13 regiões no mundo e entregue esta quinta-feira com a categoria de "prata" pela certificadora Earthcheck. "É com profundo …

Kendrick Lamar atua em data extra do Alive

O rapper norte-americano Kendrick Lamar vai atuar a 8 de julho, num dia extra do festival Alive, no Passeio Marítimo de Algés, em Oeiras. Esta será a terceira vez que o rapper atua em Portugal, tendo …

Hugh Grant em campanha porta a porta contra Boris Johnson e o Brexit

Hugh Grant está em campanha contra o primeiro-ministro do seu país. O ator britânico decidiu juntar-se aos trabalhistas e liberais democratas para derrotar Boris Johnson e, nos últimos dias, tem participado em ações de campanha …

Sarah previu a vitória de Trump em 2016. Agora, alerta para o perigo das redes sociais

Sarah Kendzior, que previu a vitória de Donald Trump nas eleições presidenciais de 2016, diz que as redes sociais podem ser utilizadas como uma arma política. Quando quase todos menosprezavam a corrida eleitoral de Donald Trump …

Marcelo "afasta-se" do encontro entre Pompeo e Netanyahu

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, garantiu esta quinta-feira que o encontro, que decorre em Lisboa, entre o secretário de estado dos Estados Unidos e o primeiro ministro israelita "é uma realidade que …

Economia portuguesa cresce acima da média europeia

As economias da zona euro e da União Europeia (UE) mantiveram, no terceiro trimestre, o ritmo de crescimento do período homólogo, respetivamente 1,2% e 1,4%, com Portugal a avançar acima da média (1,9%). Segundo revelou o …

Atendimento a sem-abrigo passa a ser feito independentemente da morada

O atendimento de emergência a pessoas sem-abrigo passa a poder ser feito em qualquer centro distrital da Segurança Social, independentemente da morada em que a pessoa está registada ou da existência de um processo familiar, …

Catarina Martins presente na contra-cimeira do clima em Madrid

A coordenadora do BE integra a comitiva bloquista que, na sexta-feira, vai a Madrid para a manifestação da contra-cimeira do clima, enquanto decorre na capital espanhola a cimeira da Organização das Nações Unidas, a COP25. Em …