Luanda Leaks é um “escândalo chocante”. Eurodeputado alemão pede fim dos vistos gold

Sven Giegold considerou, esta quarta-feira, que o caso Luanda Leaks “é chocante”, pedindo ação ao Governo português para acabar com programas como os vistos gold.

Reagindo à agência Lusa sobre as revelações feitas pelo Luanda Leaks, que também afetaram Estados-membros da União Europeia como Portugal, Sven Giegold falou num “escândalo chocante porque atinge um dos países mais pobres do mundo”, Angola.

O eleito alemão da bancada dos verdes europeus, que é ativista na denúncia de casos de corrupção como os LuxLeaks ou os Panamá Papers, tendo chegado a partilhar esta tarefa com a ex-eurodeputada Ana Gomes, vincou que “há uma coisa que Portugal deve fazer”.

“O Governo português deve acabar com os vistos gold porque isso permite a ocorrência deste tipo de casos”, alertou o eurodeputado alemão, que considera que este tipo de programas “tornam mais fácil a existência de negócios da Europa sem controlo dos supervisores bancários”, facilitando ainda “as transações com dinheiro sujo”.

“É inaceitável que o Governo português, como um governo de centro-esquerda, apoie este tipo de sistema”, insistiu Giegold, argumentando que “Portugal tem um papel importante” neste escândalo financeiro em Angola.

No que toca ao Parlamento Europeu, o eurodeputado considerou que deveria haver um “debate público” sobre o caso na próxima sessão plenária, que decorre entre 10 e 13 de fevereiro, mas ressalvou que isso depende da agenda e da disponibilidade dos grupos políticos.

Já relativamente à Comissão Europeia, Giegold sugeriu mexidas nas leis de combate à elisão e evasão fiscal, que a seu ver devem ser mais apertadas e harmonizadas em toda a União Europeia, tendo em conta que “há muitas diferenças nos regimes fiscais” entre os Estados-membros.

O eleito alemão defendeu ainda a aplicação de sanções, no caso dos Luanda Leaks, a “bancos e a supervisores que, alegadamente, não seguiram a lei de combate à lavagem de dinheiro”.

“Os documentos revelados mostram que o dinheiro proveio de fontes dúbias e isso demonstra que essas entidades, que deveriam ter respeitado a lei, não tomaram as devidas providências”, adiantou.

Ontem, o ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, assegurou que o Governo vai continuar a aprofundar a cooperação com Angola, a respeitar a independência judicial e “não ser precipitado a tirar conclusões”.

“A melhor maneira de defender [as empresas, os trabalhadores e a economia portuguesa] é cumprindo a lei e sendo implacável no combate a práticas de corrupção, práticas cleptocráticas ou outras práticas indevidas”, assegurou.

O Consórcio Internacional de Jornalismo de Investigação revelou mais de 715 mil ficheiros que detalham esquemas financeiros de Isabel dos Santos e do marido, Sindika Dokolo, que terão permitido retirar dinheiro do erário público angolano, utilizando paraísos fiscais.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Portugal é conivente de tudo desvio que aconteceu em Angola. O governo Português sabia de tudo isso é sempre permitiu esses factos a acontecerem a todo momento porque estavam embrulhados na robalheira do dinheiro Angolano muitos portugueses e estão ricos graças ao nosso dinheiro. O caso 500 milhões se fosse transferido para Portugal já era, nem o governo Angolano daria conta desse roubo milionário mas como foi num país sério os gatunos se deram mal

RESPONDER

"Charlie" é o robô peixe-gato da CIA que permitiu pesquisas subaquáticas (e já realizou missões secretas)

De várias formas e tamanhos, os robôs têm sido sido muitas vezes usados por muitas entidades para trabalhos de pesquisa e investigação. A CIA não é exceção e por isso desenvolveu um peixe robótico chamado …

Possível obra de Banksy surge na parede de uma famosa prisão. Pode representar Oscar Wilde

Um graffiti possivelmente pintado pelo famoso artista de rua Banksy apareceu durante a noite no lado de fora de uma parede da prisão de Reading, no Reino Unido. Na madrugada desta segunda-feira, a obra foi avistada …

Na tentativa de tirar a selfie perfeita com um elefante, indiano acaba morto pelo animal

No passado domingo, dia 28 de fevereiro, um homem de 21 anos morreu enquanto tentava tirar uma selfie com um elefante. O animal andou a pairar por zona residencial e anteriormente já tinha matado uma …

Milhares de professores vacinados antes de médicos. Presidente do México acusado de fazer política com a vacinação

Milhares de professores do ensino público que lecionam nas zonas mais rurais do México foram vacinados contra o novo coronavírus antes dos profissionais de saúde que combatem a pandemia na mesma região. De acordo com …

Passageiros com documentos e teste de covid-19 falsificados detetados pelo SEF

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) deteve, no domingo, no Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, três cidadãos portadores de documentação falsa, dois dos quais na partida de um voo com destino à República da …

Coronadiktatur, Gesichtskondom, Fussgruss. Os alemães inventaram milhares de palavras novas sobre a pandemia

O confinamento de quase quatro meses na Alemanha não colocou restrições ao seu idioma de palavras multissilábicas. Os alemães inventaram mais de 1.200 novas palavras para descrever as regras e realidades da vida em tempo …

Ordem coordena vacinação de 4000 médicos "deixados para trás"

A Ordem dos Médicos vai vacinar cerca de quatro mil médicos que trabalham em hospitais e clínicas privadas e que, por algum motivo, não foram vacinados na altura devida. De acordo com um comunicado da ordem, …

A mais recente turbina eólica chama-se Wind Catcher e é portátil

Uma empresa dinamarquesa decidiu inovar e desenvolver uma turbina eólica portátil. O Wind Catcher é mais leve, mais poderoso e mais fácil de usar do que qualquer outro sistema de energia eólica no mercado. O Wind …

Spike Lee vai produzir série documental para o 20.º aniversário dos atentados de 11 de setembro

O realizador Spike Lee está a preparar uma série documental para estrear no 20.º aniversário dos atentados do 11 de Setembro, um "retrato sem precedentes" dos nova-iorquinos e da capacidade de recuperação depois da destruição …

Guru de investimentos, Warren Buffett, assume ter cometido um "erro"

O bilionário norte-americano Warren Buffett, considerado o "guru" dos mercados de investimento, assumiu ter cometido um erro quando adquiriu, em 2016, a Precision Castparts por 32,1 mil milhões de euros. Na carta que escreve anualmente para …