EUA enviam dois bombardeiros B-1B Lancer para a Coreia

U.S. Pacific Command / Flickr

Bombardeiros Rockwell B-1B Lancer da Força Aérea dos EUA

Bombardeiros Rockwell B-1B Lancer da Força Aérea dos EUA

Os Estados Unidos enviaram dois bombardeiros estratégicos de longo alcance B-1B Lancer para a península da Coreia, onde irão participar em exercícios conjuntos com as Forças Aéreas da Coreia do Sul.

Segundo a agência de notícias sul-coreana Yonhap, que cita fontes militares de Seul, os dois super-bombardeiros norte-americanos irão simular o bombardeamento de uma cordilheira na província de Gangwon, junto à fronteira com a Coreia do Norte.

“Os dois bombardeiros norte-americanos irão sobrevoar esta terça-feira a península da Coreia, em formação com dois dos nossos caças F-15K“, adiantou à imprensa o coronel Kim Sung-duk, porta-voz da Força Aérea da Coreia do Sul.

Esta é a segunda vez no espaço de um mês que bombardeiros B-1B Lancer norte-americanos participam em manobras militares com forças sul-coreanas e japonesas na região, que se encontra debaixo de forte tensão na sequência das trocas de acusações e ameaças entre a Coreia do Norte e os seus “inimigos”, EUA, Coreia do Sul e Japão.

Durante a sua permanência na península coreana, os bombardeiros ficarão estacionados na base aérea de Andersen, na ilha de Guam, no Pacífico, onde os Estados Unidos mantêm alguns dos seus principais activos estratégicos na região.

O bombardeiro estratégico norte-americano B-1 Lancer é um quadrimotor de geometria variável desenvolvido na década de 1970 para substituir o mítico B-52 Stratofortress. Concebido como bombardeiro nuclear para voo supersónico a grande altitude, o B1-B evoluiu para missões de bombardeio por penetração de baixa-altitude e longo alcance.

A Coreia do Norte já reagiu à mobilização dos dois bombardeiros. Pyongyang acusa os EUA de estarem a ensaiar o lançamento de uma bomba nuclear contra possíveis objectivos militares norte-coreanos, e condena a iniciativa, que consideram uma “provocação imprudente que empurra a península coreana para uma guerra nuclear.

A mobilização dos dois bombardeiros norte-americanos acontece poucas horas depois da notícia da morte de Otto Warmbier. Segundo informou a família, o estudante de 22 anos, que se encontrava detido na Coreia do Norte desde 2016 e foi libertado em coma a semana passada, faleceu esta segunda-feira.

ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. “Esta é a segunda vez no espaço de um mês que bombardeiros B-1B Lancer norte-americanos participam em manobras militares com forças norte-coreanas e japonesas na região,…” Vai lá vai…

    • E é. Ao impedir a livre criatividade nos cortes de cabelo estão a oprimir todo um povo que assim vive na amargura de não poder ter um penteado a CR7.

"Evento raro". Nasceu uma baleia-branca no maior aquário do mundo (e o momento foi gravado)

Whisper, uma baleia-branca de 20 anos, deu à luz uma cria saudável em 17 de maio após uma gravidez de 15 meses, marcando a chegada do mais novo cetáceo do Georgia Aquarium, numa altura em …

Telemóveis são uma ferramenta poderosa contra a desigualdade de género em África

Ao dar às mulheres acesso a informação que, de outra forma, era quase impossível de obter, os telemóveis estão a salvar e a transformar vidas. De acordo com o site IFLScience, o estudo responsável por esta …

Desde março, morreram mais de 100 elefantes no Botsuana. Ninguém sabe porquê

As autoridades do Botsuana estão a investigar a morte de 110 elefantes na região do Delta do Okavango desde março, anunciou esta semana o Ministério do Meio Ambiente, Conservação de Recursos Naturais e Turismo daquele …

Um robô aprendeu a fazer uma omelete. E ficou melhor do que o esperado

Uma equipa de engenheiros da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, treinou um robô a preparar uma omelete. Para os investigadores, avaliar se um robô cozinhou uma refeição com sucesso é uma fonte interessante de …

Covid-19 já matou mais no Reino Unido do que os bombardeamentos alemães da II Guerra

A pandemia de covid-19 já matou mais pessoas no Reino Unido do que os bombardeamentos alemães durante a II Guerra Mundial. O novo coronavírus oriundo da China já matou cerca de 50.000 pessoas em território …

Estudo mostra que os cães querem mesmo resgatar os seus donos do perigo

Um novo estudo mostra que os nossos amigos de quatro patas querem realmente salvar-nos em momentos de aflição, mas desde que saibam como o fazer. De acordo com o site Science Alert, os investigadores reuniram 60 cães …

Derek Chauvin foi detido, mas os precedentes mostram que o polícia pode sair impune

Derek Chauvin, o polícia responsável pela morte de George Floyd, foi detido e aguarda a sua primeira audiência. No entanto, há precedentes que sugerem que o agente pode sair impune. Derek Chauvin tem a sua primeira …

Cientistas encontram dois fragmentos do meteorito de Barcelona

Cientistas espanhóis encontraram dois pequenos fragmentos do chamado meteorito de Barcelona, que caiu, há mais de 300 anos, no dia de Natal. No dia 25 de dezembro de 1704, um meteorito rasgou os céus e caiu …

"Pressionaram-me para o denunciar". Higuita recorda amizade com Escobar

A relação de amizade entre René Higuita e Pablo Escobar levou a que o ex-futebolista fosse seguido pelas autoridades. A polícia chegou a pressioná-lo para denunciar Escobar. O antigo internacional colombiano René Higuita é provavelmente uma …

George Floyd. Portugal junta-se às manifestações mundiais contra o racismo

Cinco cidades portuguesas juntam-se hoje à campanha de solidariedade mundial contra o racismo, associando-se à luta pela dignidade humana na sequência da morte, a 25 de maio, do afro-americano George Floyd, sob custódia da polícia …