Encontrados em Moçambique destroços do voo MH370 da Malaysia Airlines

francescoprocida / Flickr

Avião Boeing 777 da Malaysia Airlines

Um pedaço de fuselagem de um avião, que se suspeita pertencer ao voo MH370 da Malaysia Airlines que desapareceu dos radares em março de 2014, foi encontrado na costa de Moçambique.

As fotografias do objeto, encontrado num banco de areia no Canal de Moçambique (que separa Moçambique de Madagáscar), foram enviadas para os investigadores na Malásia, Austrália e Estados Unidos.

No objeto foi encontrada a inscrição “No Step” (em português, Não Caminhar), o que indicia que possa pertencer a um estabilizador horizontal da cauda do avião, escreve a NBC.

A descoberta acontece exatamente dois anos depois de o avião da Malaysia Airlines ter desaparecido dos radares com 239 pessoas a bordo, quando fazia a ligação entre Kuala Lumpur, na Malásia, e Pequim, na China, a 8 de março de 2014.

A tese que prevalece entre os especialistas é de que o Boeing 777 se tenha despenhado algures no Sul do Oceano Índico.

O novo objeto foi encontrado no canal entre Moçambique e a ilha francesa de Reunião, no Oceano Índico, onde em julho do ano passado uma parte da fuselagem foi encontrada.

Na altura, um técnico da Boeing identificou formalmente um de três números encontrados no destroço como pertencente ao número de série do aparelho que fazia o voo MH370.

A 7 de março de 2014, o voo MH370 da Malaysia Airlines levava 239 pessoas a bordo quando, 40 minutos depois de descolar de Kuala Lumpur com destino a Pequim, desapareceu perto da costa da ilha vietnamita de Tho Chu.

Dois anos mais tarde, algumas perguntas importantes acerca do desaparecimento do MH370 continuam sem resposta.

ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Infetados que furem quarentena podem arriscar prisão preventiva

Em Portugal, o crime de propagação de doença tem uma moldura penal que pode ir até oito anos de prisão, admitindo ainda medidas de coação privativas da liberdade, como é o caso da prisão preventiva. Assim, …

Conquistadores espanhóis usaram técnicas indígenas para construir as suas armas

Um novo estudo concluiu que os invasores espanhóis foram obrigados a aprender com os indígenas da Mesoamérica sobre a produção de cobre. Descobertas arqueológicas em El Manchón, no México, apoiam a ideia de que invasores espanhóis, desesperados …

Açambarcamento de medicamentos por Portugal? "É um total absurdo", diz Infarmed

O Infarmed - Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde reagiu à acusação feita por uma organização belga, que dizia que Portugal está a fazer um armazenamento excessivo de medicamentos essenciais para o tratamento …

Descoberto âmbar com 40 milhões de anos com duas moscas a acasalar

Há 40 milhões de anos, no supercontinente Gonduana, duas moscas que se encontravam a acasalar viram-se, inesperadamente, numa situação complicada. De alguma forma, este par de moscas de pernas longas (Dolichopodidae) ficou preso na seiva pegajosa …

40 marinheiros do porta-aviões Charles de Gaulle com sintomas de covid-19

Quarenta marinheiros do porta-aviões francês Charles de Gaulle apresentaram recentemente "sintomas compatíveis" com os da infeção pelo novo coronavírus e estão sob "observação médica reforçada", anunciou o Ministério da Defesa. "A partir de hoje, uma equipa …

Medidas para as prisões, apoios às empresas, suspensão de tarifas. Parlamento discute mais de 100 iniciativas

Medidas excecionais para prisões e banca, mais apoios às empresas ou à cultura ou a suspensão de propinas e das tarifas de gás e luz são alguns dos temas que vão passar esta quarta-feira pelo …

Trump tem "interesse financeiro" em farmacêutica que produz hidroxicloroquina (a sua "cura" para a Covid-19)

Donald Trump falou da hidroxicloroquina como uma potencial "cura milagrosa" para a Covid-19, apesar das recomendações contrárias de especialistas e da falta de estudos científicos válidos que confirmem os benefícios da substância. O The New …

Restos de bombas atómicas revelam longa vida dos tubarões-baleia

Cientistas estão a determinar a esperança de vida do maior peixe dos oceanos com a ajuda de testes de bombas atómicas realizados durante a Guerra Fria, entre os anos 50 e 60. Em perigo de extinção, …

Telescópio russo apanha o despertar de um buraco negro

O telescópio russo ART-XC do observatório espacial Spektr-RG detetou uma fonte brilhante de raios-X no centro da Via Láctea, que acabou por revelar ser o "despertar" do buraco negro 4U 1755-338. A descoberta ocorreu no passado …

O cometa interestelar 2I/Borisov partiu-se em dois

O cometa interestelar 2I/Borisov, o primeiro do seu tipo a ser descoberto em agosto do ano passado, começou a dividir-se em duas partes na semana passada. As imagens contínuas do telescópio espacial Hubble do objeto interestelar …