Dois turistas em Itália pagaram 430 euros por um almoço. Restaurante multado em 5 mil

Dois turistas japoneses almoçaram no restaurante Antico Caffè di Marte, em Roma, e a conta final foi 429,80 euros. Os turistas pediram apenas dois pratos de massa e peixe e águas.

A conta foi publicada online pelos turistas. Não só os preços da refeição pareciam um exagero, como havia uma alínea de 80 euros para gorjeta.

https://twitter.com/harukon_et/status/1169928120436232193

A publicação tornou-se viral e vários clientes manifestaram também as suas experiências no mesmo local. No TripAdvisor sucederam-se as críticas e a página foi temporariamente fechada a comentários.

Nos comentários há várias pessoas a queixarem-se de um esquema que parece sempre ser similar, a típica armadilha para turistas, com manhas nos preços a que se acrescenta uma “gorjeta”. Em algumas contas publicadas podem ver-se, por exemplo, outros preços, como uma grelhada mista de peixe para dois por 315 euros.

É este o caso da vietnamita Minh Ngoc Bui, que falou com a CNN, com detalhes que podem ajudar turistas a prevenirem-se melhor em situações similares. Minh conta que almoçou com três amigos no restaurante em agosto. O restaurante sugeriu marisco e grelhada mista com um preço de 6,50 euros por 100 gramas. Veio o prato que parecia ter uns dois quilos.

“Mas era o nosso último dia de férias em Itália, por isso dissemos OK”, já esperando pagarem entre 130 e 150 euros pelo prato entre os quatro. “Não queríamos dramas em Itália”. No final veio a conta: 315 euros. Reclamaram, mas pagaram tudo, incluindo “o serviço e gorjeta”, “que não vinham claramente referidos no menu” e “disseram ser obrigatórios”. Mais tarde, decidiram ir à polícia apresentar queixa, mas receberam aqui a informação de que deveriam ter chamado a polícia antes de pagarem.

O advogado do restaurante, Carlo Scorza, citado pelo jornal italiano La Reppublica, garantiu que os turistas japoneses comeram uma entrada, dois peixes frescos grelhados, com legumes, além de bebidas. Em relação à taxa de serviço, o advogado diz que os turistas é que decidiram dar “uma gorjeta” e “arredondá-la para os 80 euros”.

As autoridades italianas já tinham investigado o local e encontrado irregularidades, mas apenas em termos de ocupação de espaço público, obrigando o restaurante a fechar por um dia e meio. Não foram, porém, encontradas irregularidades na apresentação de preços, nem em termos de higiene, nem sequer na calibragem da balança que pesa o peixe dos clientes.

Porém, o detalhe da gorjeta pelo serviço de 80 euros no recibo dos clientes japoneses revelou-se a ilegalidade mais fácil de detetar, com direito a uma multa de cinco mil euros.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. O restaurante deveria ser fechado de imediato e a multa ter sido bem mais severa, comer em restaurante aparentemente de luxo não me parece ser a melhor opção, um bom aviso para turistas e não só e não é apenas em Itália que uma situação destas poderá acontecer, por cá também existem bons oportunistas à espreita de alguém mais descuidado.

Responder a sousa Cancelar resposta

Grupo avisa Bruxelas que Portugal pode tornar-se ilha ferroviária na Europa

Um grupo de portugueses ligados ao setor ferroviário alertou a comissária europeia dos Transportes para a possibilidade de Portugal se tornar uma ilha ferroviária na Europa devido ao atraso em adotar "a bitola europeia" nas …

China encontra traços do coronavírus em asas de frango importadas do Brasil

Traços do novo coronavírus foram encontrados em asas de frango importadas do Brasil, na cidade de Shenzhen, no sul da China, noticiou, esta quinta-feira, um jornal oficial do Partido Comunista Chinês (PCC). Os traços foram detetados …

Denúncia de Rui Pinto leva a congelamento de conta bancária da Doyen

Oito milhões de euros que estavam numa conta bancária do fundo de investimento Doyen foram congelados pelas autoridades portuguesas. Uma denúncia do whistleblower português Rui Pinto levou o fundo a ser investigado por suspeitas de fraude …

Preocupado com a Bielorrúsia, Macron ligou a Putin (e aproveitaram para falar da vacina russa)

O Presidente francês, Emmanuel Macron, manifestou esta quarta-feira ao seu homólogo russo, Vladimir Putin, "uma preocupação muito grande" quanto à situação na Bielorrússia após a reeleição do chefe de Estado autoritário bielorrusso, Alexander Lukashenko. Segundo indicou …

Obras do Hospital Militar de Belém custaram mais do triplo do valor estimado

As obras no Hospital Militar de Belém, em Lisboa, custaram mais do valor inicialmente estimado, avançou o Diário de Notícias esta quarta-feira. De acordo com o jornal, estava inicialmente previsto que a reabilitação de três …

Autópsia a Valentina revela descolamento do crânio

A autópsia a Valentina, a menina de 9 anos encontrada morta na serra D’el Rei, em Peniche, distrito de Leiria, em meados de maio, revela descolamento do crânio, avança esta quinta-feira o Correio da Manhã. …

Rio pede "coerência" na lotação do Avante e faz comparação com estádios

O líder do PSD pronunciou-se sobre a lotação da festa do Avante, lembrando que, se for reduzida para metade, isso é o mesmo que os estádios do FC Porto ou do Sporting estarem cheios. Na sua …

Juiz Carlos Alexandre desiste de queixa contra Rui Pinto

A proposta do Ministério Público (MP) para que o pirata informático não continuasse a ser investigado dependia da autorização do "super-juiz", avança o Correio da Manhã. De acordo com o Correio da Manhã, o juiz Carlos …

Surto na Nova Zelândia faz 17 novas infeções (e não se sabe de onde veio)

Após 102 dias sem casos de covid-19, a Nova Zelândia registou um novo surto na sua maior cidade, Auckland. O número de infeções subiu para 17, mas não se sabe de onde veio. De acordo com …

Ameaças de morte a deputadas. Bloco vai fazer queixa ao Ministério Público

O Bloco de Esquerda vai apresentar duas queixas ao Ministério Público, uma por cada deputada ameaçada no e-mail enviado à SOS Racismo. A Polícia Judiciária está a investigar um e-mail enviado a um grupo de dez …