Lista de grande devedores. Deputados de mãos atadas pelo sigilo bancário

Mário Cruz / Lusa

O governador do Banco de Portugal, Carlos Costa

Depois de um esforço hercúleo para conseguir acesso à lista dos grandes devedores da banca, os deputados veem-se agora incapacitados devido ao sigilo bancário e ao fim da legislatura.

A lista dos grandes devedores em incumprimento nos bancos que pediram ajuda pública nos últimos 12 anos foi tirada a ferros ao Banco de Portugal. Além de os deputados terem acesso completo, foi também divulgada publicamente uma versão anónima dessa lista, que apesar de não referir nomes, indica os montantes e os respetivos períodos de tempo.

Todavia, os deputados enfrentam um desafio que parece limitar a sua ação. Com a legislatura a aproximar-se do fim e com o sigilo bancário que impede a divulgação a terceiros da informação pormenorizada das três mil posições de crédito, os deputados ficam impossibilitados de debater publicamente a questão.

O sigilo bancário não inclui toda a informação e os membros da Comissão de Orçamento e Finanças delimitaram aquilo que pode ser usado para servir os objetivos de transparência. Segundo o Observador, os membros do conselho de administração em funções aquando da atribuição dos créditos, as ações tomadas para recuperar as posições financeiras e outras informações disponíveis no relatório do Banco de Portugal estão livres do segredo bancário.

O PSD propôs um debate sobre o tema “com base em informações que não violem o segredo bancário”. Isto porque senão, como explica o deputado António Leitão Amaro, “estivemos a fazer um trabalho para nada”.

O deputado social-democrata questiona ainda a utilidade do relatório divulgado pelo Banco de Portugal, já que as imparidades e provisões para os créditos não foram reveladas por razões comerciais. Estas permitiriam dar uma perceção das perdas.

No entanto, a realização do debate proposto pelo PSD é limitada pela aproximação do fim da legislatura e os deputados dos outros partidos não mostraram interesse na proposta. Assim sendo, um eventual debate só será feito na próxima legislatura, já com novos deputados.

A deputada do Bloco de Esquerda Mariana Mortágua admitiu ter ficado “perplexa”, uma vez que o Partido Social Democrata não permitiu que os nomes dos devedores fossem tornados públicos e agora insiste em fazê-lo. Ainda assim, Mortágua reitera que os nomes devem ser de conhecimento público.

Alguns deputados sugeriram mesmo a alteração da lei para que possa ser divulgada informação mais detalhada. “O PSD não mudou de ideias e acha que não é preciso mudar a lei“, atirou Leitão Amaro. “Achamos que não devemos ficar por ter recebido este relatório e nada fazer”, explicou.

ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Os bancos surgiram para proteger o nosso ouro, bens de valor e dinheiro de ladrões. O proprietário deve ter confiança absoluta que nenhum ladrão pode ter acesso ao seu dinheiro.
    Certos governos podem ser considerados como ladrão. Não estou me a referir ao Governo de Portugal. Durante periodos de insurgencia de comunistas e socialistas como em Venezuela, USSR, países Escandinavos, é importante que o sigílio bancário é respeitado sem excepções.
    Portugal, Suiça, Singapore, Hongkong sabem a importância que o sigilio bancário tem para atrair investimentos e capital.

    • Hahahaaaaa… só pode set ironia!…
      “…importância que o sigilio bancário tem para atrair investimentos e capital.”
      Que é como quem diz, importante para esconder dinheiro roubado ou de terroristas ou criminosos em geral!…

  2. Foram os próprios deputados da Comissão de Inquérito que pediram que a lista dos grandes devedores fosse confidencial; agora o que querem. No entanto na lista de devedores ao fisco existem contribuintes que nada devem ao fisco, e, que contrariam o artigo 26º da Constituição da República Portuguesa. Esses grandes devedores pediram os empréstimos – e até se soube bem na altura, no entanto chegou a data de pagamento é que foram elas. Resultado: Pagam os contribuintes. Na minha óptica deveriam ser divulgados na íntegra os caloteiros, porque afinal nós todos andamos a “sustentar” uma cáfila de ladrões.

Os Simpsons podem ter previsto o surto do novo coronavírus da China

A série de televisão animada "Os Simpsons" é conhecida por ter feito profecias que, com o passar do tempo, se tornaram mesmo realidade. Agora, os fãs do programa parecem ter encontrado um episódio que prediz …

Identificada nova espécie de dinossauro que viveu há mais de 150 milhões de anos

Paleontólogos identificaram, nos Estados Unidos, uma nova espécie de dinossauro do género dos alossauros, que viveu há mais de 150 milhões de anos. A espécie, que tem o nome de Allosaurus jimmadseni, foi identificada a partir …

Escorpião com 436 milhões de anos foi dos primeiros animais a pisar a Terra

Cientistas descobriram um escorpião com 436 milhões de anos que terá sido um dos primeiros animais da Terra a migrar dos habitats aquáticos para os terrestres. Foram encontrados dois fósseis da espécie num antigo mar tropical …

Bruno de Carvalho disposto a liderar SAD do Sporting com Varandas

O ex-presidente do Sporting admitiu, esta sexta-feira, estar disposto a liderar a SAD do clube, mesmo com Frederico Varandas como presidente. No seu comentário semanal na Rádio Estádio, Bruno de Carvalho disse estar disposto a regressar …

A Inteligência Artificial teria resolvido o mistério da fuga de Alcatraz

Um programa de Inteligência Artificial (IA) poderia ter resolvido o mistério da fuga dos irmãos irmãos John e Clarence Anglin e Frank Morris da prisão de Alcatraz, que foi considerada uma das mais seguras dos …

Mais de 30 militares dos EUA ficaram com lesões cerebrais após ataque iraniano

Mais de 30 militares norte-americanos ficaram com lesões cerebrais traumáticas na sequência do ataque iraniano na base militar de Ain al-Assad, no Iraque. 34 militares norte-americanos ficaram com lesões cerebrais traumáticas na sequência do ataque levado …

Homem que torturou suspeitos de planear o 11 de setembro diz que o voltaria a fazer

James Mitchell torturou os cinco suspeitos de terem planeado o ataque de 11 de setembro de 2001. Em tribunal, disse que não tem remorsos e que o voltaria a fazer. James Mitchell foi o psicólogo responsável …

Belenenses e Belenenses SAD chegam a acordo para suspender ações judiciais

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) anunciou, esta sexta-feira, que foi alcançada uma suspensão das ações judiciais entre o Belenenses e a Belenenses SAD. Em comunicado publicado na sua página oficial, a FPF informou que o …

Amazon quer que os clientes paguem com as mãos

A gigante tecnológica Amazon quer que os  clientes comprem e efetuem o pagamento com um aceno da mão em vez de passar um cartão numa máquina. De acordo com o Wall Street Journal, que cita fontes …

59 autarcas constituídos arguidos na Operação Éter

O Ministério Público constituiu 74 arguidos, 59 dos quais autarcas e ex-autarcas de 47 câmaras do Norte e Centro, no processo da investigação às Lojas Interativas da Turismo do Porto e Norte, realizada no âmbito …