Cristiano Ronaldo pode ser a próxima bomba do PSG (numa “troca de cromos”)

2

O multimilionário Al-Khelaïfi, dono do Paris Saint-Germain, tem o sonho e o dinheiro para o concretizar. E depois de ter garantido a chegada de Messi ao PSG, vai apostar na contratação de Cristiano Ronaldo, com Mbappé de saída para o Real Madrid.

Depois da bomba que foi a contratação de Messi, o “sonho galáctico e universal de Al-Khelaïfi” para o PSG “não tem limites”, como constata o jornal espanhol AS.

A publicação dá como certa a saída de Mbappé do PSG para o Real Madrid no próximo Verão e prevê que, nessa altura, Cristiano Ronaldo pode chegar a Paris para substituir o francês na equipa.

A renovação de Mbappé com o PSG está num impasse e até já no clube se dará como certa a sua saída para o Madrid no final da próxima temporada, altura em que o francês será um jogador livre.

Nessa mesma altura, Ronaldo também será um jogador livre, terminando o contrato com a Juventus a 30 de Junho de 2022.

Portanto, poderemos assistir a uma “troca de cromos”, como nota o AS, prevendo que Mbappé irá para o Real Madrid e que Ronaldo seguirá para o PSG. E serão duas transferências a custo zero!

Juntar Messi, Neymar e Ronaldo na mesma equipa

O sonho de Al-Khelaïfi é juntar Messi, Neymar e Ronaldo na mesma equipa. Os três jogadores ficaram no pódio da Bola de Ouro de 2015 que Messi acabou por ganhar com 41,3% dos votos. Ronaldo somou 27,7% e Neymar apenas 7,8%.

O AS frisa que o empresário de Ronaldo, Jorge Mendes, já conhece as intenções do multimilionário árabe.

Além disso, nota que seria o contrato perfeito para Ronaldo, pois o PSG poderia oferecer-lhe um vínculo de dois anos que depois lhe permitiria rumar a paragens menos exigentes, como os EUA ou o Qatar, com 39 anos de idade.

Mbappé cada vez mais secundário

Entretanto, com a chegada de Messi, Mbappé passa a figura ainda menos relevante no PSG, onde tem tardado em afirmar-se como “o melhor jogador do mundo”, o título que há muito se prevê que pode vir a ter.

Neymar já lhe tirou brilho e, aos 22 anos, Mbappé continua a ser visto sobretudo como uma promessa.

O jovem não tem convencido os fãs do PSG, nem tão pouco os franceses, sobretudo depois da sua exibição pouco brilhante no Euro 2020.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

O internacional gaulês não se pronunciou sobre a chegada de Messi, o que é considerado por muitos como um reflexo do seu mal-estar no PSG.

E na apresentação de Messi, Al-Khelaïfi deixou um recado duro ao jogador. “Mbappé queria uma equipa competitiva e já a tem. Não tem desculpas“, frisou numa mensagem que é vista como uma forma de pressão sobre o atleta, com o intuito de o desgastar junto dos adeptos.

  Susana Valente, ZAP //

2 Comments

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE