DGS admite caso de criança com síndrome rara associada à covid-19

Tiago Petinga / Lusa

Portugal regista um caso de uma criança com uma “situação semelhante” e “quadro clínico parecido” à doença inflamatória grave associada à covid-19 que tem sido reportada noutros países, revelou hoje a diretora-geral da Saúde.

“Há uma situação que configura um quadro clínico pelo menos parecido ao que tem sido reportado, o que é absolutamente normal. Trata-se de uma situação semelhante. Não dispomos ainda de uma avaliação completa que permita aferir se se trata de um caso da doença inflamatória grave que afeta crianças”, disse Graça Freitas, questionada pela Lusa, na conferência de imprensa diária para fazer o balanço epidemiológico da covid-19 em Portugal.

Na quarta-feira, a diretora-geral da Saúde disse que até esse dia não tinha sido registado nenhum caso em Portugal e hoje indicou existir “o reporte de uma situação semelhante, que ainda carece de uma melhor caracterização para ver se é exatamente igual às outras” relatadas.

De acordo com a responsável da Direção-Geral da Saúde, é preciso “esperar para ver outros parâmetros” de análise da situação.

Isto é absolutamente normal. Não há motivo para, na literatura médica, aparecer um reporte de casos em idade pediátrica e em Portugal, há medida que temos mais casos, não aparecerem casos”, observou.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) está a investigar possíveis ligações entre a covid-19 e uma doença inflamatória grave que afeta crianças, mas afirmou que, por enquanto, se trata de casos “muito raros”.

Maria João Brito, responsável pela Unidade de Infecciologia do Hospital Dona Estefânia, a unidade de referência para a covid-19 em idade pediátrica, pertencente ao Centro Hospitalar Lisboa Central, disse na quarta-feira à agência Lusa que, “há duas, três semanas”, os colegas espanhóis, ingleses, e mais tarde os italianos, reportaram o aparecimento de alguns casos de crianças e adolescentes com este quadro clínico.

A infeciologista explicou que “o síndroma de choque tóxico é provocado por umas bactérias muito agressivas e a doença de Kawasaki é uma doença que não se conhece a causa“, mas que “se pensa ser desencadeada por um agente infeccioso em que há uma inflamação imensa de todos os órgãos que podem realmente levar a lesar os órgãos.

Os casos relatados “são quadros clínicos que têm características de um lado e de outro”, mas tem outra “característica muito diferente”, apresenta “uma percentagem importante com envolvimento abdominal”.

À medida que vão aparecendo mais casos de infeção começam a aparecer “formas raras da apresentação da doença”.

“O que parece que acontece nesta forma de covid é que há uma desregulação imunológica face a uma infeção, que neste caso é a covid-19, e há uma resposta desadequada do nosso sistema imunológico”, disse a médica, explicando: “A imunidade do nosso corpo em vez de nos proteger ataca as nossas células“.

De acordo com a especialista, quase todos os casos necessitam de cuidados intensivos.

Esclareceu ainda que “o quadro clínico destes doentes não passa despercebido, o que leva a que as pessoas vão ao hospital”, porque começam com febre muito alta que não baixa e “a criança fica com um ar muito doente“.

As autoridades de saúde britânicas lançaram na segunda-feira um alerta sobre um aumento do número de crianças com sintomas semelhantes à doença de Kawasaki, uma síndrome vascular que afeta crianças pequenas, cuja causa permanece desconhecida.

Na terça-feira, as associações de pediatria do Reino Unido, da Itália e de Espanha pediram aos médicos do setor para estarem atentos a crianças que apresentem uma condição inflamatória rara porque a doença pode estar ligada ao novo coronavírus.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Egípcio submeteu as três filhas a mutilação genital feminina. Agora, vai ser julgado

Um pai terá dito às três filhas que iam ser vacinadas contra a covid-19, mas, quando acordaram, tinham sido mutiladas. Um cidadão egípcio vai ser julgado por, alegadamente, ter forçado as três filhas menores a serem …

Vacina da Universidade de Oxford para a covid-19 será testada no Brasil

A vacina contra a covid-19 em que trabalham os cientistas da Universidade de Oxford será testada no Brasil, pelo nível de infeção naquele país, revelou esta sexta-feira o Times. Com o declínio nos casos de coronavírus …

Esta noite há um eclipse penumbral da Lua

Esta noite tem bons motivos para atrasar o jantar: ao início da noite desta sexta-feira, haverá um eclipse penumbral da Lua. A Lua vai ficar na penumbra na noite desta sexta-feira. Pouco antes das 21h, em …

Depois de Latifa e Haya, mais uma princesa pediu ajuda para fugir do Dubai (e está desaparecida)

Depois da fuga da princesa Latifa e da princesa Haya do Dubai, outra jovem gravou um vídeo a pedir ajuda para escapar dos seus pais. Agora, está desaparecida. De acordo com o jornal espanhol El País, …

Caso Maddie. Suspeito alemão alvo de nova investigação por crime semelhante na Alemanha

Christian B., de 43 anos, poderá estar associado ao desaparecimento de uma menina de cinco anos, em 2015, na Alemanha. De acordo com a agência DPA, o Ministério Público alemão abriu uma nova investigação sobre o …

À espera de propostas concretas, Jerónimo quer salário pago a 100%

Jerónimo de Sousa admite que só tomará uma posição quanto ao Orçamento Suplementar quando souber as "propostas concretas". Esta sexta-feira, o secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, disse que só tomará uma posição quanto ao Orçamento …

Do ruído à reciclagem. No Dia Mundial do Ambiente, associação Zero divulga dados preocupantes

As principais preocupações da associação ambientalista Zero em Portugal são ao nível do desperdício de água, do ruído e da reciclagem. Do excesso de lixo produzido por cada habitante ao ruído em excesso provocado pelo …

Esferográfica pessoal e máscara obrigatórios nas eleições do FC Porto

As eleições do FC Porto estão agendadas para este fim de semana e os sócios que quiserem exercer o seu direito de voto terão de levar uma máscara de proteção individual e uma esferográfica. No comunicado …

Açores sem infetados por covid-19. Último paciente internado recuperou

Os Açores estão oficialmente livres de covid-19. Dois meses e meio depois do primeiro caso na região, os Açores não têm qualquer registo de infetados por covid-19. Vasco Cordeiro, presidente do Governo Regional, anunciou no Facebook …

Miguel Albuquerque ainda pondera candidatura a Belém

O Presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque, ainda está a ponderar uma eventual candidatura à Presidência da República. O presidente do Governo Regional da Madeira e da estrutura regional do PSD, Miguel Albuquerque, disse …