Costa encosta Passos com ameaça de governo de esquerda

José Sena Goulão / Lusa

Ao fim de quase três horas de reunião entre os líderes de PSD, CDS-PP e PS, fica tudo na mesma e o impasse para a formação do próximo governo de Portugal continua. Foi uma “reunião inconclusiva”, assumiu António Costa, que se ficou pelo afiar de facas para os próximos episódios.

Esta reunião tripartida com vista à procura de soluções de estabilidade para o próximo governo arrancou às 9 da manhã e, volvidas quase três horas, não houve fumo branco.

António Costa revelou aos jornalistas que não houve discussão de “propostas concretas” e que essa fase do processo negocial deverá ocorrer na próxima terça-feira, em novo encontro entre as partes.

O PSD e o CDS-PP, por seu lado, mostram-se “disponíveis para discutir qualquer proposta do PS”, conforme afiançou Passos Coelho no fim da reunião.

E se nenhum dos intervenientes o diz, é evidente que o PS tem neste momento as cartas na mão e, segundo algumas fontes socialistas citadas pelos média, estará a jogar a ameaça da formação de um governo de Esquerda como trunfo.

António Costa conta com a abertura já manifestada por PCP e Bloco de Esquerda para moderarem posições em determinadas áreas, visando um entendimento à esquerda – há rumores de que PS e PCP já terão inclusive trocado documentos com detalhes “técnicos”, noticia a TSF.

Na segunda-feira, o líder do PS reúne-se com o Bloco de Esquerda e só depois disso deverá definir decisivamente a sua estratégia.

Para já, ninguém abre o jogo

No contacto com a comunicação social após o encontro tripartido, Passos Coelho expressou a ideia de que o PSD e o CDS-PP querem acolher propostas do PS para obter um acordo sobre as linhas gerais do seu Programa do Governo e do Orçamento do Estado para 2016, sem traçar “linhas vermelhas”.

Passos Coelho afirmou que esperava que fossem os socialistas a apresentar propostas concretas mas que, como isso não aconteceu, PSD e CDS-PP vão fazer “um exercício um bocadinho mais atrevido” de tentar “seleccionar propostas do PS” para debater no próximo encontro na terça-feira.

António Costa, por seu lado, considerou “bastante inconclusiva” a reunião, atirando para as costas dos partidos da Coligação a responsabilidade de apresentar “propostas concretas”.

No encontro na sede nacional dos sociais-democratas, em Lisboa, Passos Coelho esteve acompanhado dos vice-presidentes do PSD Jorge Moreira da Silva e Marco António Costa.

Pelo CDS-PP estiveram, além de Paulo Portas, os vice-presidentes Assunção Cristas e Pedro Mota Soares.

Já António Costa fez-se acompanhar do presidente do PS, Carlos César, do coordenador do cenário macroeconómico socialista, Mário Centeno, e dos dirigentes nacionais Ana Catarina Mendes e Pedro Nuno Santos.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

15 COMENTÁRIOS

  1. De alguém com este calibre, tudo se espera… O José Seguro não faria tal coisa, é uma pessoa séria… Já basta o governo ter alguém que não presta … o Sr. Paulo Portas, quanto mais ter mais um o Sr. Costa… Livra!

  2. Portugueses se isto for para o lado que a minoria votou, então digo retirem as vossas poupanças sejam muitas ou poucas porque isto vai cair onde sempre o PS tentou fazer (BANCA ROTA) menos a irmandade destes.

  3. O PS, o partido da fraternidade e do amor ao próximo, leia-se amor de irmão, vai coligar-se com o PCP. Vai cumprir-se um velho desejo de infância. Será um casamento perfeito !!!! para alguns claro …

  4. É lamentável que o povo português não esteja satisfeito da bancas rotas já são 3 e desta maneira cada vez a divida é maior antes do 25 de Abril salvo erro havia 8,5 toneladas de ouro muitos milhões de escudos e hoje todos sabem a divida que temos que tem que ser paga infelizmente pelos mesmos

  5. De quem é a culpa do país estar no estado que está hoje? Alguém me sabe dizer?
    Uma ajudinha em + de 40 anos tivemos apenas 3 partidos a governar!

    Não sejam cabaquistas… nem socristas e muito menos Portistas este grande rato…

  6. Seria o suicídio politico de Costa um governo à esquerda, e seria uma loucura que o PS entraria. O Povo português nunca perdoaria. Mas de Costa já espero tudo. O PS vai perder milhares de votos nas próximas eleições, tanto para a esquerda radical como para a direita. Tirar Costa do PS seria um acto de inteligência. Álvaro Beleza parece ser mais sensato e capaz de unir todos

  7. é bom que os amarelos tenham a noção de que a grande maioria dos portugueses foi e é contra o governo do Coelho. O PS tem agora a oportunidade de governar a pensar no povo.

  8. Eu sou um miserável desempregado e teria tudo para votar contra este governo mas, ainda assim, um governo que junte BE, PCC e PS só me dá calafrios. É como admitir que nunca vamos sair da m****!

    Há 4 anos apliquei o pouco dinheiro que tinha em certificados de aforro. Se o PS formar governo vou correr a tirar de lá o dinheiro porque o mais certo, ficando lá, é eu ser chamado de capitalista por ter emrpestado ao estado. Fico sem o dinheiro e sem o pescoço.

  9. Era o que faltava a massa perdedora governar.
    Tenham vergonha e assumam a derrota pois o povo foi claro.
    A Coligação ganhou é esta que tem de governar.
    O Costa para não perder o tacho anda a fazer estas jogadas sujas reunindo com todos.
    Nem os do próprio partido o querem e quer impor-se ao povo que não o quis?
    Portugal vai em frente sem esta gente de esquerda.

  10. Diz alguém neste espaço de comentário….
    ” Eu sou um miserável desempregado…Há 4 anos apliquei o pouco dinheiro que tinha em certificados de aforro”.
    Afinal, não é miserável!! O subsídio de desemprego dá para os gastos!! 🙂

    Dizia Mário Cesariny…”…afinal o que importa não é haver gente com fome porque assim como assim ainda há muita gente que come “

  11. Costa acaba de montar o circo para atuar como principal protagonista… PCP, os Verdes feitos peões de brega de mãozinha estendida à risada para dentro no palco do rato… Fantoches com poder para 3 convites ao FMI em 40 anos… Esquecendo que o PSD viabilizou 3 orçamentos do Guterres em minoria no parlamento! Xuxalismo nunca mais! Abaixo os porco do xuxalismo. Que se ergam os verdadeiros do socialismo democrático. Não desacreditem a democracia.

  12. A Coligação ganhou as eleições com maioria relativa, claro que é a Coligação PSD/CDS que o Presidente da República chamou Passos Coelho e o incumbiu de formar governo o que é normal, apesar dos tachistas os extremistas PCP e BE, a criticarem o Presidente da República que devia receber todos os partidos!!!
    Mas quem ganhou as eleições?
    Foi o PSD/CDS, portanto em democracia o Presidente da República fez bem.
    O PCP e BE como sempre querem é o tacho e custe o que custar querem é ser governo, pois não vai ser, porque se o for eu vou alevantar as minhas poupanças porque a 100% o país vai para a Banca Rôta.
    Têm dúvidas?
    Pois não tenham porque é a realidade.
    Apelo porque sou democrático, sou militante Socialista e não quero o meu partido a fazer coligação com o PCP e BE em Governo de Portugal, porque as ideias dessa extrema esquerda é radical e é a favôr de Portugal sair da União Europeia.
    Pois, mas os únicos que têm as ideias parecidas é PS e PSD/CDS, para o bem de todos nós é a melhor solução para o país, e de lembrar que devemos milhares de milhões de euros á TROIKA, FMI etc…estamos na União Europeia, meus amigos e camaradas.
    Sair hoje era um desastre, devíamos sim, era não termos entrado e não aderirmos ao euro, que os culpados foram Mário Soares e Sócrates, que assim o custo de vida subiu três vezes mais e os ordenados ficaram os mesmos!!!
    “PORREIRO PÁ”…
    PORTANDO DIGO SEMPRE A VERDADE E APELO QUE:
    “VALE MAIS UM PÁSSARO NA MÃO, QUE DOIS A VOAR”…

  13. O PS não chegou a ser “julgado” pelo que fez ao país através de Sócrates, nem pelo que permitiu que se fizesse ao António José Seguro!

RESPONDER

Espanha poderá ser o primeiro país na Europa a avançar com rendimento básico universal

A ministra da Economia espanhola assegurou, este domingo, que o Governo está a trabalhar para aplicar o rendimento básico universal, embora não tenha dado ainda uma data concreta. Em declarações ao canal televisivo laSexta, a ministra …

Presidente revela que não está imune e é contra "descompressão" de medidas em abril

O Presidente da República revelou numa entrevista esta terça-feira divulgada pela Antena 1 que já fez um dos novos testes sorológicos para detetar a presença de anticorpos para o novo coronavírus e não está imunizado. "Depois …

Ministros das finanças procuram entendimento. Itália ameaça consenso de Centeno

Os ministros das Finanças da zona euro voltam a reunir-se esta terça-feira, por videoconferência, com a responsabilidade de chegarem a um compromisso sobre uma resposta comum para minimizar os efeitos da pandemia covid-19, precisando para …

Empresas estão a cobrar às farmácias 150 euros por caixa de máscaras

Empresas, muitas das quais nem sequer são do ramo farmacêutico, estão a cobrar às farmácias 150 euros por uma caixa de máscaras. Antes, eram vendidas por cinco euros. A pandemia de covid-19 levou a que a …

Governo alarga apoios a sócios-gerentes sem trabalhadores

O Governo enviou esta segunda-feira para promulgação pelo Presidente da República um decreto com alterações ao regime de apoio extraordinário dos trabalhadores independentes, estendendo agora os benefícios aos sócios-gerentes sem trabalhadores por conta de outrem. Este …

"Futebol precisa de dar e sofrer porque pode." Anúncio de lay-off do Liverpool gera críticas e um pedido de desculpas

O Liverpool anunciou que ia avançar com um mecanismo do Governo britânico semelhante ao lay-off que está a ser usado em Portugal, para receber apoios para pagar aos funcionários do clube que não são jogadores, …

"Semana D" na Educação. Alunos do 12.º com prioridade no regresso às aulas

O Ministério da Educação, liderado por Tiago Brandão Rodrigues, reúne-se esta terça-feira com os vários representantes da comunidade escolar para discutir como será o 3.º período de aulas numa época de contenção do novo coronavírus. Esta …

Benfica, Sporting e FC Porto querem cortar salários em 50%

Os 'três grandes' do futebol português querem cortar a folha salarial dos jogadores em 50%. Em causa está o controlo dos danos financeiros da pandemia de covid-19. Benfica, Sporting e FC Porto querem reduzir os salários …

Mais 34 vítimas mortais e 44 recuperados. Novos casos sobem 6%

Portugal regista nesta terça-feira 12.442 casos positivos de covid-19, mais 731 do que esta segunda-feira, segundo o boletim diário da Direção-Geral de Saúde. Trata-se de um aumento de 5,7% no número de novos casos. Esta taxa …

Emigrante infetado foi detido no domingo por andar a passear. Agora fugiu

Está a ser procurado pela polícia o emigrante infetado com o novo coronavírus que foi detido na Póvoa de Varzim, este domingo, por violar o dever de confinamento. De acordo com o Jornal de Notícias, o …