Coreia do Norte ameaça afundar o porta-aviões americano Carl Vinson

(dv) KCNA / YONHAP

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un

No que é o último episódio da crescente tensão entre os EUA e a Coreia do Norte, as Forças Armadas coreanas mostraram-se prontas a combater e ameaçaram afundar o navio americano USS Carl Vinson para mostrar o seu poderio militar.

Os Estados Unidos e o Japão iniciaram este domingo manobras militares conjuntas no oeste do Pacífico. A operação acontece num momento de forte tensão entre os EUA e a Coreia do Norte, e Pyongyang ameaça agora afundar o porta-aviões que lidera a frota americana que se aproxima das suas costas.

“As nossas forças revolucionárias estão prontas para o combate, estamos prontos a afundar o porta-aviões americano com um só golpe“, escreve o jornal oficial do Partido dos Trabalhadores da Coreia, Rodong Sinmun, citado pela Reuters.

O autor do artigo compara o porta-aviões americano a um “animal obeso” e declara que o ataque contra o Carl Vinson será um “exemplo do poder militar” da Coreia do Norte.

Há duas semanas, o presidente Donald Trump ordenou o envio da frota para a região, após diversas provocações do regime de Kim Jong-un, para realizar exercícios navais na região, que vão durar vários dias. Washington não deu informações sobre o local exacto no Pacífico em que a frota se encontra, mas estará a dirigir-se para a península coreana.

Entretanto, os contratorpedeiros japoneses Ashigara e Samidare juntaram-se à frota americana, comandada pelo super-porta-aviões a propulsão nuclear Carl Vinson. Tóquio pretende desta forma mostrar solidariedade com Washington face à escalada de tensão entre os EUA e a Coreia do Norte.

U.S. Navy

A frota de ataque do porta-aviõies norte-americano USS Carl Vinson com os contra-torpedeiros japoneses Ashigara e Samidare

A frota de ataque do porta-aviõies norte-americano USS Carl Vinson com os contra-torpedeiros japoneses Ashigara e Samidare

Segundo alguns analistas, Pyongyang estará prestes a realizar um 6º teste nuclear. A chegada da frota norte-americana à península poderia coincidir com o 85° aniversário da criação do Exercito Popular da Coreia, na terça-feira, que Kim Jong-un poderá aproveitar para fazer mais uma demonstração de força.

A escalada de tensão alcançou um nível já considerado por alguns analistas como a maior ameaça nuclear em 50 anos. O The New York Times classificou-a como uma “Crise dos Mísseis de Cuba em câmera lenta”.

“Quando as ambições nacionais, o ego pessoal e um arsenal mortífero se misturam, as possibilidades de erro de cálculo multiplicam-se”, disse o jornal.

Já o jornal britânico The Guardian diz que “neste momento, a maioria das armas nucleares do mundo estão nas mãos de homens para quem a ideia de as usar deixou de ser uma coisa impensável”, numa referência a Kim Jong-um, Donald Trump e Vladimir Putin.

Nas últimas semanas, o Relógio do Apocalipse avançou mais alguns segundos – provavelmente muito mais depressa do que seria desejável.

ZAP // Sputnik News / BBC / RFI

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

Linha SNS 24 está a atender mais de 18 mil chamadas por dia

O secretário de Estado da Saúde saudou a capacidade de adaptação dos profissionais de saúde e do Governo à pandemia covid-19, dando como exemplo a Linha SNS 24 que está a atender mais de 18 …

Bolsonaro mais moderado. "A minha preocupação sempre foi salvar vidas”

O Presidente brasileiro adotou um tom mais moderado naquele que foi o seu quarto discurso ao país sobre o novo coronavírus, mas voltou a insistir na importância de a população manter os empregos durante a …

Diabéticos representam 9% das mortes por covid-19

Os doentes da diabetes são um grupo de risco, representando “mais de 9% das pessoas falecidas com covid-19”, mas não têm mais probabilidades de ser infetados pelo novo coronavírus. A informação foi avançada esta quarta.feira pelo …

Covid-19: Infarmed diz que nenhum medicamento provou eficácia no tratamento

O Infarmed assegurou, na terça-feira, estar a acompanhar todos os esforços nacionais e internacionais para o desenvolvimento de potenciais tratamentos e vacinas para a covid-19, mas insistiu que nenhum fármaco provou ainda a sua eficácia …

Adolescente de 13 anos morre no Reino Unido devido a Covid-19

Um adolescente britânico de 13 anos morreu na segunda-feira depois de testar positivo para o novo coronavírus, informou na terça-feira o hospital. Segundo a família, o jovem não sofria de nenhuma outra doença. Segundo noticiou a …

"Por favor, não venham". Autarca de Vila Real apela a emigrantes que não regressem a Portugal

O presidente da Câmara de Vila Real, Rui Santos, apela aos emigrantes para que, "por favor", não regressem agora ao país e nesta Páscoa "fiquem nas terras" que os "acolheram em segurança". "Este vírus infernal que …

84 pessoas detidas por desobediência ao estado de emergência

A PSP e a GNR detiveram, até esta terça-feira, 84 pessoas pelo crime de desobediência e encerraram 1600 estabelecimentos, no âmbito do estado de emergência. Em comunicado, o Ministério da Administração Interna (MAI) refere que, entre as …

Há creches, ATL e colégios privados a cobrar valores indevidos na quarentena

Há creches, ATL e colégios privados a cobrarem valores indevidos referentes a alimentação, transporte e atividades extracurriculares. O alerta foi dado pela Associação de Defesa do Consumidor (Deco). De acordo com a jurista da Deco, Carolina …

Pedro Proença acredita que "vai ser possível jogar na presente temporada"

O Presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) admitiu, esta terça-feira, a possibilidade de realizar jogos à porta fechada e ainda esta temporada. Em entrevista à rádio TSF, Pedro Proença disse acreditar que ainda "vai …

Centeno deixa aviso à Zona Euro. Futuro da UE depende da resposta que der à pandemia

Mário Centeno escreveu aos ministros das Finanças da Zona Euro para os alertar que o futuro da União Europeia depende da forma como conseguir lidar com a crise económica devida à pandemia de Covid-19. Uma …