EUA enviam porta-aviões Carl Vinson para a península coreana

Os Estados Unidos ordenaram a mobilização de porta-aviões USS Carl Vinson para águas perto da Coreia do Norte, como resposta aos vários testes de mísseis de Pyongyang, avança o canal norte-americano CNN.

Fontes do Pentágono confirmaram hoje à CNN que o almirante Harry Harris, chefe do Comando do Pacífico, ordenou a mobilização do porta-aviões da classe Nimitz e de toda a sua frota de ataque para águas próximas da península coreana.

O supercarrier USS Carl Vinson, da Terceira Frota da Marinha norte-americana, estacionada no Pacífico Oriental, suspendeu uma visita prevista à Austrália e regressou a águas próximas da península coreana, onde já esteve destacado há cerca de um mês para participar em manobras militares anuais com a Coreia do Sul.

Além do USS Carl Vinson, a flotilha do porta-aviões inclui dois contra-torpedeiros e um cruzador de mísseis guiados capazes de interceptar mísseis balísticos.

Fontes da Defesa asseguraram que o movimento é uma resposta às novas provocações do regime comunista da Coreia do Norte, que recentemente realizou um teste de um míssil de médio alcance e fez testes com motores de mísseis.

O USS Carl Vinson, um dos dez porta-aviões norte-americanos em actividade actualmente, é um supercarrier de propulsão nuclear classe Nimitz. Construído em 1980, tem 332m de comprimento e 76,8 de largura, transporta até 90 aeronaves e uma tripulação de 5680 homens.

Com a alcunha de “Gold Eagle”, participou em todas as campanhas militares norte-americanas no extremo-oriente, e tornou-se conhecido por ter sido a embarcação em que que o corpo de Osama Bin-Laden foi transportado e sepultado no mar, após a operação dos Navy Seals em que o lider da Al-aqeda foi abatido.

A mudança de rumo do USS Carl Vinson acontece depois de, a semana passada, o Presidente norte-americano, Donald Trump, ter-se reunido com o seu homólogo chinês, Xi Jinping, para discutir a necessidade de evitar novas provocações de Pyongyang, aliado de Pequim.

Também esta semana, o Conselho de Segurança Nacional dos EUA apresentou ao presidente norte-americano um relatório sobre possíveis variantes de resposta à ameaça vinda da Coreia do Norte, incluindo planos para instalar armas nucleares na Coreia do sul ou a eliminação do líder norte-coreano, Kim Jong-un.

Segundo a NBC News, o plano será implementado no caso de a cooperação de Washington com Pequim para contenção da Coreia do Norte não funcionar. Caso esses esforços não venham a produzir resultados, disse Donald Trump esta segunda-feira, os Estados Unidos estão dispostos a agir sozinhos.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Parece que o bola de sebo da Coreia, tem agora alguém que o vai encostar a parede. Os Chineses, ate agora brincaram com o Obama, mas com o Trump, ja comecam a fazer contas de cabeça.

  2. Não é terceira Frota, mas Terceira Esquadra.

    A Coreia do Norte não se trata com o poder da força bruta, mas com espionagem e luvas de plica, assim haja vontade politica. Quanto a mim, é VIAGRA A MAIS e pode sobrar para a CSul e o Japão.

RESPONDER

Violino põe em risco compromisso da Alemanha de devolver objetos saqueados pelos nazis

Um violino com 300 anos está no centro de uma disputa que ameaça minar o compromisso da Alemanha em devolver objetos saqueados pelos nazis. Ninguém sabe por que Felix Hildesheimer, um negociante de instrumentos musicais judeu, …

Consumo de álcool aumentou durante a pandemia de covid-19

Embora o consumo de álcool tenha aumentado mais entre os jovens, os adultos mais velhos, sobretudo os que sofrem de ansiedade e depressão, também revelaram estar dentro desta tendência. “O aumento do consumo de álcool, especialmente …

Alphabet diz adeus ao Loon, projeto que queria espalhar Internet através de balões

O projeto da Alphabet que tinha como objetivo levar Internet às partes mais remotas do mundo "perdeu o fôlego" e os seus responsáveis decidiram pôr-lhe um ponto final. Num comunicado divulgado na última sexta-feira, Alastair Westgarth, …

Estudo identifica cidades europeias com maior mortalidade devido à poluição do ar

Madrid, Antuérpia e Torino (em Espanha, Bélgica e Itália, respetivamente) lideram o ranking de mortes associadas à poluição por dióxido de azoto (NO2). Já a maior mortalidade atribuível a partículas finas é encontrada em cidades …

Fim do Flash Player colapsou sistema de estação ferroviária chinesa

O sistema ferroviário na cidade de Dalian, no nordeste da China, ficou paralisado por causa da desativação do programa Flash Player da Adobe. A Adobe encerrou o suporte técnico do seu player de multimédia Flash Player …

Eis o que o mundo pode aprender com o confinamento da China

O confinamento na China tem apresentado resultados excecionais no controlo da pandemia, à custa da perda de liberdade das pessoas. Ainda assim, há muito que se pode aprender com o exemplo chinês. Colocar o autoritarismo contra …

Descoberto fármaco "100 vezes mais potente" contra a covid-19 (e "nasceu" das seringas-do-mar)

Uma equipa internacional de investigadores descobriu um medicamento antiviral que é "100 vezes mais potente" do que o remdesivir no tratamento da covid-19. Trata-se de um fármaco usado para tratar um cancro sanguíneo, que só foi …

Covid-19. Fortuna das dez pessoas mais ricas pagaria vacina para toda a população mundial

A riqueza combinada dos dez homens mais ricos do mundo subiu em cerca de 540 mil milhões de dólares (445 mil milhões de euros) durante a pandemia, de acordo com um relatório da organização internacional …

Farmacêuticas pouco preparadas para próxima pandemia, alerta relatório

As maiores empresas farmacêuticas do mundo estão pouco preparadas para a próxima pandemia, apesar da crescente resposta à covid-19, alertou um relatório da Access to Medicine Foundation, divulgado esta terça-feira. Neste relatório, Jayasree K Iyer, diretora executiva …

Um em cada três infetados com covid-19 é assintomático

Investigadores sugerem, com base numa revisão de 61 estudos, que uma em cada três pessoas infetadas com o novo coronavírus é assintomática. Uma em cada três pessoas infetadas com covid-19 não sabe que tem o novo …