“Cada dia que esperamos é um dia a mais”. Alemanha e Hungria contrariam UE e começam a vacinar

Médicos e profissionais de saúde húngaros começaram este sábado a ser vacinados, na sequência da chegada dos primeiros carregamentos da vacina contra a covid-19 da Pfizer-BioNTech, contrariando os planos de vacinação coordenada da União Europeia (UE), que arranca no domingo.

Segundo a agência Associated Press (AP), não se conhecem os motivos que levaram a Hungria a iniciar a vacinação um dia antes do previsto para todos os Estados-membros da UE, que receberam as primeiras remessas de vacinas hoje e na sexta-feira.

A Hungria recebeu esta manhã a primeira remessa de 9.750 doses – o suficiente para vacinar 4.875 pessoas, já que são necessárias duas doses por pessoa — que foram, de seguida, encaminhadas para o Hospital Central South Pest, em Budapeste.

O governo húngaro disse que quatro outros hospitais, dois em Budapeste e outros nas cidades de Debrecen e Nyiregyhaza, também receberão vacinas do primeiro carregamento.

A Alemanha também começou este sábado a administrar as primeiras vacinas contra a covid-19, poucas horas após receber os primeiros carregamentos, contrariando os planos da UE.

“Cada dia que esperamos é um dia a mais”, disse Tobias Krueger, trabalhador de uma casa de saúde onde começou a vacinação, em Halberstadt, na região da Saxónia-Anhalt, no nordeste da Alemanha.

A primeira pessoa a ser imunizada com a vacina da Pfizer-BioNTech foi Edith Kwoizalla, de 101 anos, informou a agência de notícias alemã DPA.

As autoridades da Eslováquia também anunciaram que planeiam começar a administrar as suas primeiras doses esta noite.

Num vídeo divulgado aquando do lançamento da vacina, a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, considerou que este é “um momento comovente de unidade”. “Hoje, começamos a virar a página de um ano difícil. A vacina contra a covid-19 foi distribuída em todos os países da UE. A vacinação começará amanhã [domingo] em toda a UE “, disse a responsável.

As vacinas desenvolvidas pela BioNTech e pela Pfizer começaram a chegar aos países da UE na sexta-feira, em camiões que garantem a manutenção de uma temperatura extremamente baixa, provenientes de um centro de produção na Bélgica.

O lançamento da vacina resulta da coordenação de todos os 27 Estados-membros da UE, contribuindo, também, para a projeção de uma imagem de unidade, após negociações difíceis em torno de um acordo comercial pós-Brexit com o Reino Unido.

As primeiras doses, no entanto, são limitadas a pouco menos de 10 mil, na maioria dos países, com os programas de vacinação em massa previstos para arrancar apenas em janeiro.

O primeiro lote das vacinas contra a covid-19 também chegou este sábado a Portugal, ficando guardado numas instalações no concelho de Montemor-o-Velho, nos arredores de Coimbra. A ministra da Saúde, Marta Temido, fala numa “janela de esperança” no combate à pandemia, que será ainda muito difícil.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.750.780 mortos resultantes de mais de 79,7 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Na Europa, o maior número de vítimas mortais regista-se na Itália (71.359 mortos, mais 2 milhões de casos), seguindo-se Reino Unido (70.195 mortos, mais de 2,2 milhões de casos), França (62.427 mortos, e mais de 2,5 milhões de casos) e Espanha (49.824 mortos, mais de 1,8 milhões de casos). Portugal contabiliza 6.556 mortos em 392.996 casos de infeção.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Garcia de Orta alerta para risco de pré-catástrofe. Hospital de Loures com doentes ventilados na urgência

O Hospital Garcia de Orta (HGO), em Almada, apresentava, este sábado, um total de 169 doentes com covid-19 internados, dos quais 18 em cuidados intensivos. Já o Hospital de Loures tinha 187 doentes com covid-19 …

Os novos robôs da Samsung fazem pequenas tarefas domésticas (e ainda lhe servem um copo de vinho)

O Samsung Galaxy S21 não é a única surpresa que a empresa tem preparada para 2021. A Samsung apresentou algumas propostas de robôs domésticos, na primeira grande feira de tecnologia do ano. A Samsung levantou um …

Cientistas desenvolveram mini-cérebros (quase) humanos

Cientistas norte-americanos enviaram para a Estação Espacial Internacional (EEI) aglomerados de células nervosas, chamadas de mini-cérebros, que estão, agora, a desenvolver-se de formas que os investigadores não imaginavam ser possível. Os organóides foram criados a partir …

Um medicamento comum utilizado para tratar a diarreia pode ajudar a combater células cancerígenas agressivas

Um fármaco comum prescrito para tratar a diarreia pode ajudar a combater um tipo agressivo de cancro cerebral (glioblastoma), sugere uma nova investigação levada a cabo pela Universidade de Frankfurt, na Alemanha. Em causa está …

"Bola de fogo" cruzou o céu sobre o Mediterrâneo a 105 mil quilómetros por hora

Uma "bola de fogo" atravessou o mar Mediterrâneo e o norte de Marrocos na noite de quarta-feira, a 105.000 quilómetros por hora. A bola de fogo foi observada por um projeto científico espanhol a uma velocidade …

Duterte rejeita que a filha o vá suceder na liderança das Filipinas. "Isto não é para mulheres"

O líder das Filipinas, Rodrigo Duterte, descartou, na quarta-feira, a hipótese de a filha o vir a suceder no próximo ano, acrescentando que a presidência não é tarefa para uma mulher por causa das …

"Uma memória a flutuar no oceano." Encontrada, dois anos depois, uma mensagem numa garrafa

Uma mensagem no interior de uma garrafa sobreviveu a uma viagem de dois anos pelo oceano. Recentemente, chegou às mãos de um ativista ecológico, enquanto limpava uma praia da Papua Nova Guiné. Em novembro do ano …

As células imortais de Henrietta Lacks revolucionaram a Ciência

O ano de 1951 foi muito importante no campo da biotecnologia e, surpreendentemente, tudo começou com a chegada de Henrietta Lacks a um hospital norte-americano. Descendente de escravos, Loretta Pleasant nasceu a 1 de agosto de …

Humanidade não será capaz de controlar máquinas superinteligentes, avisam cientistas

Uma equipa de investigadores do Instituto Max Planck para o Desenvolvimento Humano sugere que seria impossível controlar máquinas superinteligentes. A tecnologia de Inteligência Artificial (IA) continua a evoluir de vento em popa, enquanto alguns cientistas e …

Em 1950, a vacinação em massa salvou a Escócia

Em 1950, Glasgow, na Escócia, viu-se a braços com um surto de varíola e o cenário era muito semelhante ao que vivemos hoje: as autoridades sanitárias tentavam rastrear todos os contactos de pessoas portadoras do vírus, …