Conheça as profissões mais ameaçadas pela tecnologia

Library of Congress / USLC

Library of Congress

Cargos nas áreas de educação, saúde, arte, comunicação social, gestão, negócios e finanças são os que têm maior probabilidade de sobreviver aos avanços na tecnologia, aponta um estudo da Universidade de Oxford.

A crescente informatização, no entanto, continuará a eliminar profissões, principalmente aquelas que não exigem habilidades criativas, sociais e percepção espacial mais sofisticada. São atividades em áreas como vendas, produção industrial, apoio administrativo, transporte e construção civil.

Os investigadores Carl Benedikt Frey, do Departamento de Filosofia, e Michael A. Osborne, do Departamento de Engenharia, analisaram 702 profissões para estimar a probabilidade de perda de postos de trabalho devido aos avanços tecnológicos.

Aplicando fórmulas estatísticas, foram atribuídas notas entre 0 e 1 para cada profissão – quanto maior a classificação, maior o risco de desaparecimento.

A fórmula aplicada levou em conta o quanto essas atividades exigem criatividade, interação social, percepção espacial e atividades manuais complexas.

São habilidades que ainda não foram incorporadas por computadores – e talvez nunca sejam. O atual estágio tecnológico não indica que isso seja possível nas próximas duas décadas, observam os investigadores.

“Profissões que exigem habilidades criativas e sociais estão imunes à informatização”, disse Osborne, em entrevista à BBC.

O artigo que apresenta o estudo, publicado em janeiro, explica que a criatividade depende de valores humanos que variam muito no tempo e em diferentes culturas, o que torna difícil reproduzi-los numa máquina.

  • +

    Profissões com maior probabilidade de serem informatizadas

    – Avaliador de riscos em seguradoras
    – Técnicos em matemática
    – Costureiros manuais
    – Reparador de relógios
    – Operadores de telemarketing

  • +

    Profissões com menor probabilidade de serem informatizadas

    – Terapeutas ocupacionais
    – Supervisores mecânicos, instaladores e que fazem consertos
    – Diretores de gestão de emergências
    – Assistentes sociais especializados em saúde mental e abuso de drogas
    – Profissionais de saúde auditiva

 

Avanço das máquinas

As habilidades sociais que não podem, pelo menos por enquanto, ser informatizadas incluem a capacidade de perceber a reação das pessoas e compreender as suas causas, de negociar, reconciliar e persuadir, e de cuidar dos outros, dando apoio emocional e médico.

A limitação atual de computadores e robots de lidar com formas e espaços não padronizados reduz também as possibilidades de substituição de algumas funções, notam os investigadores.

Outros avanços tecnológicos, contudo, têm permitido substituir mais atividades humanas por máquinas, especifica o estudo. Antes, a mecanização estava restrita a atividades manuais mais padronizadas. O desenvolvimento de sensores cada vez mais modernos e o aumento da capacidade de armazenamento e processamento de dados estão a permitir, no entanto, que mesmo as atividades menos “ensaiadas” possam ser executadas por máquinas.

É o caso por exemplo do carro autónomo desenvolvido pela Google, que é conduzido por seu próprio sistema, prescindindo do motorista.

Esses avanços tecnológicos também têm permitido mecanizar atividades cognitivas, notam os investigadores. Oncologistas do Memorial Sloan-Kettering Cancer Center, em Nova Iorque, já usam tecnologia da IBM para fazer diagnósticos.

Escritórios de advogados também usam softwares para fazer pesquisas em leis e decisões judiciais antes dos julgamentos, o que reduz a necessidade de pessoal, embora não ponha em risco a existência da profissão que exige, por exemplo, a capacidade de persuadir.

  • +

    Ranking das profissões (segundo o risco de extinção)

    (de 0 a 1 – quanto maior a classificação, maior o risco de desaparecimento)

    Médicos e cirurgiões (0,004)
    Dentistas (0,004)
    Psicólogos (0,004)
    Nutricionistas (0,004)
    Analistas de sistemas (0,006)
    Clero (0,008)
    Antropólogos (0,008)
    Professores (0,009)
    Gerentes de vendas (0,013)
    Engenheiros (0,014)
    Gerentes de marketing (0,014)
    Executivos-chefe (0,015)
    Compositores (0,015)
    Arquitetos (0,018)
    Cientistas ambientais (0,033)
    Advogados (0,035)
    Designers (0,037)
    Gestores financeiros (0,069)
    Personal trainers (0,085)
    Polícias (0,098)
    Repórteres (0,11)
    Tradutores (0,38)
    Historiadores (0,44)
    Pilotos comerciais (0,55)
    Trabalhadores de construção (0,88)
    Taxistas (0,89)
    Padeiros (0,89)
    Modelos (0,98)

Mais qualificação

Os trabalhos mais ameaçados com a contínua evolução tecnológica são trabalhos de baixa qualificação. Entre eles estão o telemarketing, caixas de supermercados e corretores de imóveis. No caso da construção civil, por exemplo, os investigadores de Oxford acreditam que o aumento do uso de partes pré-fabricadas vai eliminar algumas etapas do processo.

O principal desafio para evitar o aumento do desemprego com a perda desses postos de trabalho, portanto, é o investimento na educação para desenvolver as habilidades criativas e sociais da população, diz Osborne.

Embora os investigadores não calculem quantos postos poderão ser extintos, estima-se que haja risco elevado de perda de vagas em 47% das atividades americanas nas próximas duas décadas.

Para Osborne, essa é uma tendência mundial, mas que deve ser mais lenta nos países pobres, onde a mão de obra é mais barata e há menos recursos para investimentos em informatização.

ZAP / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Infarmed retira do mercado protetor solar infantil

O Infarmed disse esta sexta-feira que está acompanhar as precauções da agência espanhola do medicamento em relação aos produtos de proteção solar ISDIN, indicando que em novos testes detetou variabilidade e inconsistência no fator de …

Com 13 anos, herdeira da Coroa de Espanha discursa pela primeira vez

O rei Filipe VI transmitiu esta sexta-feira à princesa Leonor o compromisso "pessoal e institucional" que possui como herdeira da Coroa na entrega dos Prémios Princesa de Astúrias 2019, cerimónia acompanhada no exterior por uma …

"El Mencho" quer ser o próximo "El Chapo" (e está a matar polícias para o conseguir)

"El Mencho", líder de um dos cartéis mais influentes do México, foi responsável pelo massacre de 14 polícias. O barão da droga quer ser o próximo "El Chapo". No México, Nemesio Oseguera Cervantes, conhecido como "El …

Marcelo promulga regime de acolhimento residencial para crianças e jovens em perigo

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, promulgou esta sexta-feira o diploma governamental que estabelece o regime de execução do acolhimento residencial, medida de promoção dos direitos e de proteção das crianças e jovens …

Lenny Kravitz regressa a Lisboa para um concerto em 2020

Lenny Kravitz regressa a Portugal em 2020. O músico irá atuar na Altice Arena, em Lisboa, no dia 25 de julho do próximo ano. Este concerto faz parte da digressão "Here to Love", de apoio ao …

Conspirador condenado a pagar 450.000 dólares por negar massacre de Sandy Hook

Um tribunal de Wisconsin, nos Estados Unidos, condenou um conspirador a indemnizar o pai de uma das crianças que morreu no tiroteio de Sandy Hook, em 2012, com 450.000 dólares depois de este afirmar que …

Adepto do Nápoles acusado da morte de apoiante do Inter

  O adepto do Nápoles tem antecedentes criminais e, segundo a investigação, poderá estar ligado à camorra, uma organização criminosa italiana. Um adepto radical do Nápoles foi esta sexta-feira detido sob a acusação de homicídio de um …

As temperaturas no Qatar estão tão altas que já há ar condicionado nas ruas

As temperaturas no Qatar, um dos lugares mais quentes do planeta, aumentaram tanto que as autoridades estão a instalar equipamentos de ar condicionado no exterior dos edifícios, nas ruas e nos mercados. O país, onde as …

Quadro de Nicolas de Staël vendido em Paris por valor recorde de 20 milhões de euros

Um quadro do pintor francês, de origem russa, Nicolas de Staël, foi vendido por 20 milhões de euros, um recorde para o artista, num leilão que decorreu em Paris e que foi organizado pela casa …

Duterte encoraja polícia a “matar todos” os suspeitos de tráfico de droga

O presidente das Filipinas encorajou o novo chefe da polícia da cidade de Bacolod, no centro do país, a matar todos os suspeitos de tráfico de droga. “Tens permissão para matar todos”, disse esta quinta-feira Rodrigo …