Companhias aéreas decidem alterar regras de segurança no cockpit

hugokernel / Flickr

-

As companhias aéreas EasyJet, Norwegian, Icelandair e Air Transat anunciaram hoje que passaram a impor a presença em permanência de duas pessoas no cockpit dos aviões, numa reação à informação de que o acidente da Germanwings foi provocado pelo copiloto.

A análise da gravação do som do cockpit do Airbus A320 da Germanwings que na terça-feira se despenhou nos Alpes franceses com 150 pessoas a bordo concluiu que o copiloto provocou o acidente quando estava sozinho no cockpit, depois de impedir a entrada do piloto.

“Quando um ocupante sair do cockpit, passará a ser exigido que nele permaneçam duas pessoas“, explicou o responsável de operações de voo da companhia low cost norueguesa Norwegian, Thomas Hesthammer, à agência France Presse.

“É algo que discutíamos há muito tempo, mas este episódio acelerou o processo”, acrescentou, precisando que a alteração das regras vai ser aplicada a partir de sexta-feira, uma vez obtida a aprovação da autoridade norueguesa de aviação civil.

Outra companhia, a islandesa Icelandair, anunciou a adoção da mesma medida “devido às informações que recebemos sobre o acidente em França”, disse um porta-voz da empresa, Gudjon Arngrimsson.

Também a canadiana Air Transat anunciou a aplicação da mesma medida.

“Decidimos que haverá sempre duas pessoas no cockpit. Quando um dos dois pilotos sair, entra um chefe de cabine“, disse a porta-voz da transportadora, Debbie Cabana, precisando que a medida será aplicada a partir de sexta-feira.

Por fim, a presidente executiva da Easyjet, Carolyn McCall, adiantou também que os procedimentos de segurança no cockpit de aviões da companhia serão alterados para que estejam sempre duas pessoas no interior.

“Vamos mudar o nosso procedimento para que estejam sempre duas pessoas no cockpit”, confirmou a responsável, para quem outras companhias devem adotar a mesma medida.

As regras atuais para a aviação civil europeia não impõem a presença permanente de duas pessoas no cockpit quando um dos seus ocupantes, o piloto ou o copiloto, tenha de se ausentar por qualquer razão.

A companhia finlandesa Finnair já aplicava esta medida. “O manual já prevê duas pessoas em permanência no cockpit. Se um piloto se quiser ausentar, outro membro da tripulação tem obrigatoriamente de entrar”, explicou a porta-voz da Finnair, Päivyt Tallqvist.

A investigação ao acidente em França conclui que o piloto do voo da Germanwings se ausentou do cockpit, provavelmente para usar a casa de banho, e foi impedido de voltar a entrar pelo copiloto, que bloqueou a porta.

Nesse período, o copiloto acionou deliberadamente o processo de descida do avião, ignorando as pancadas na porta, as tentativas de comunicação da torre de controlo e os alarmes do próprio aparelho.

O avião acabou por embater numa montanha, matando todas os 144 passageiros e seis tripulantes a bordo.

/Lusa

RESPONDER

Rescaldo do incêndio em Valongo, Pedrogao Grande

Uma semana depois, incêndio de Pedrógão Grande dado como extinto

O incêndio de Pedrógão Grande foi dado como extinto este sábado, a meio da tarde, uma semana depois de ter deflagrado, estando ainda no local cerca de 570 operacionais, segundo fontes da Proteção Civil. "O incêndio …

-

Parlamento britânico foi alvo de um ataque informático

O Parlamento britânico foi alvo na sexta-feira à noite de um ataque informático, revelou hoje o político liberal democrata Chris Rennard, elemento da Câmara dos Lordes (câmara alta), através da rede Twitter. Como consequência, segundo avançou …

-

Seis mortos em deslizamento de terra na China e mais de 100 desaparecidos

Pelo menos seis pessoas morreram num deslizamento de terras na província de Sichuan, no sudoeste da China, e mais de 100 permanecem desaparecidas, segundo os últimos dados fornecidos pelas autoridades locais. A aldeia isolada de Xinmo foi …

-

Bombeiros pedem suspensão da entrega de bens solidários

O presidente da Associação de Bombeiros Voluntários de Pedrógão Grande apelou este sábado para que as pessoas suspendam por "alguns dias" a entrega de ajuda. "É um sufoco. É muita coisa. São toneladas e toneladas de …

-

Portugal goleia Nova Zelândia em jogo de muitas poupanças

Portugal assegurou hoje o primeiro lugar do Grupo A e a passagem às meias-finais da Taça das Confederações de futebol após golear a Nova Zelândia, por 4-0, num encontro em que correu quase tudo bem …

-

Pelo menos 27 edifícios no Reino Unido têm revestimento inflamável

Os inspetores identificaram pelo menos 27 edifícios de propriedade municipal no Reino Unido que não cumprem os requisitos de segurança anti-incêndios por estarem revestidos com material inflamável, informou este sábado o Governo. O Ministério que tutela …

-

Polícia espanhola detém suspeitos de pertencerem a rede de exploração de mulheres na Europa

A polícia espanhola anunciou este sábado que deteve 18 pessoas suspeitas de pertencerem a uma rede nigeriana de exploração sexual de mulheres, que atuava em Espanha, Itália, Alemanha e Bélgica. Com estas detenções, que ocorreram em …

-

Portugueses criam dispositivo que ajuda a superar medo de andar de avião

Um dispositivo médico de realidade virtual que auxilia os utilizadores a superar o medo de andar de avião está a ser desenvolvido por especialistas apoiados pelo Instituto de Investigação e Inovação em Saúde da Universidade …

herminioloureiro

Escutas tramam Hermínio Loureiro suspeito de "dar" 23 milhões em ajustes directos

Hermínio Loureiro, ex-presidente da Câmara de Oliveira de Azeméis e ex-presidente da Liga de Clubes, foi ouvido durante mais de 8 horas, no âmbito do processo de corrupção que terá sido despoletado por escutas telefónicas. O …

Leonor Poeiras e Iva Domingues no "Somos Portugal" da TVI

Altice prepara-se para comprar a TVI

O Grupo espanhol Prisa está em negociações "avançadas" com a Altice para a venda da TVI e o negócio pode consumar-se ainda neste Verão. O Governo já está a par do processo. Este cenário é avançado …