Com a batata quente de novo nas mãos, Cavaco descasca recados

José Sena Goulão / Lusa

O presidente da República, Aníbal Cavaco Silva

No dia em que recebe Passos Coelho, depois da queda do governo da coligação no Parlamento, Cavaco Silva lança recados aos partidos perante a actual situação política nacional.

“No espírito científico, as disputas são resolvidas não pela força mas pelo diálogo esclarecido. A ciência é edificada não por argumentos de autoridade, mas pela cooperação e pelo respeito mútuo”, disse o Presidente da República no seu discurso na cerimónia do 25º aniversário do Prémio Científico IBM, que decorreu na Fundação Champalimaud, em Lisboa.

“Uma sociedade mais democrática e mais aberta é, também, uma sociedade mais científica. Por sua vez, uma sociedade mais científica é uma sociedade mais livre e mais racional”, acrescentou.

Palavras que têm que ser interpretadas à luz dos últimos acontecimentos da vida política nacional, tanto mais quando a “batata quente” da formação do governo volta às mãos de Cavaco Silva.

Passos promete lutar na oposição

O Presidente da República recebe nesta quarta-feira o primeiro-ministro ainda em exercício para a habitual reunião semanal, e o presidente da Assembleia da República, que irá comunicar formalmente ao chefe de Estado a aprovação da moção de rejeição do programa do XX Governo Constitucional.

Passos Coelho será recebido pelas 16h30 em Belém, um dia depois de o seu Governo ter sido derrubado pelo parlamento.

Antes, pelas 15h45 será recebido o presidente da Assembleia da República, Ferro Rodrigues.

Inicia-se assim, o processo com vista à tomada de posição oficial de Cavaco Silva que pode decidir empossar um governo socialista, com o apoio parlamentar da Esquerda, ou até não fazer nada.

Certo é que Passos Coelho já se vê na oposição e promete não tornar as coisas fáceis a António Costa e companhia.

“Se não me deixam lutar no Governo, como quiseram os eleitores, lutarei no Parlamento, pelo qual tenho muito respeito“, disse o primeiro-ministro ainda em funções, no discurso na Assembleia da República, após confirmada a queda do seu Executivo.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Mas o homem até tem razão… “as disputas são resolvidas não pela força mas pelo diálogo esclarecido”. Pois! Foi o contrário que o governo ante-anterior fez e o que o PS o BE e CDU estão a fazer…

    “Uma sociedade mais democrática e mais aberta” Após o 25 Abril, finalmente estamos a ver isso! Se vai resultar, não sei, mas que é um principio, é!

    Só é pena que ele realmente não quisesse dizer isto… Para ele o diálogo é cedência absoluta a politicas de direita. Democracia só para alguns… Os outros não são “crediveis” (como se referiu ao BE e à CDU…). Ficará para a história como o pior Presidente de República (de Portugal) de sempre! E vai fazer “cagad…” até ao finzinho do seu mandato! Esperem para ver…

  2. Estamos a esquecer de algo que Portugal esta obrigado perante a UE.
    Temos que apresentar o Orçamento de 2016.
    Ecom um governo de gestão, isso não possivel.
    COMENTADORES ATENÇÃO TEMOS OBRIGAÇÕES COM A EUROPA !!!

    • Duodécimos vincula o anterior orçamento. Nem mais nem menos! A situação é de excepção.
      O actual panorama resulta de oportunismo reacionário do A.Costa e correlegionários por saberem que o presidente não pode convocar eleições… E não acreditarem que ele deixe o governo em gestão até que novas eleições aconteçam.

      • Há uma solução, não é preciso recorrer a excepções.
        Até parece que a direita nunca recorreu a alianças depois das eleições para ter maioria e conseguir ficar no poder.

      • Concordo inteiramente com “Eu Mesma” e acrescento: “por saberem que o presidente não pode convocar eleições…” O Cavaco fez isso de propósito (marcou a data…) para não ter de lidar com isso! Para deixar para o próximo (ou próxima) resolver. Lavar as mãos como Pôncio Pilatos. Cobardolas!

RESPONDER

Espanha sem mortes pelo segundo dia consecutivo. Há 41 mil profissionais de saúde infetados

Espanha registou esta terça-feira o segundo dia consecutivo sem mortes associadas à covid-19, mantendo-se o total 27.127 de óbitos desde o início da pandemia, anunciaram as autoridades de saúde. O ministério da Saúde de Espanha informou …

Petição pela "anulação imediata" do Avante já conta com mais de 16 mil assinaturas

Uma petição online para a "anulação imediata" da Festa do Avante!, a festa anual organizada pelo PCP, conta já com mais de 16 mil assinaturas. Às 10:30 desta quarta-feira, a petição, disponível no portal Petição Pública, …

Venda de Wendel ao Everton sofre revés. Nápoles e Nice entram em jogo

A licença de trabalho pode deitar por terra uma eventual transferência de Wendel para o Everton. O Nápoles é o favorito na corrida à sua contratação, mas o Nice também está atento. As negociações entre o …

Celebrações do 10 de junho só terão oito pessoas. “É como achei que devia ser o 25 de abril e o 1º de maio”

A “cerimónia simbólica” comemorativa do Dia de Portugal que se realizará no Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa, terá apenas oito presenças, incluindo o chefe de Estado e o presidente desta edição do 10 de Junho, …

O futebol português está de volta. Uma corrida de dois cavalos e a montra para Amorim

A bola volta hoje a rolar em Portugal após a interrupção devido à pandemia de covid-19. Regresso o futebol que tão bem conhecemos, mas de uma forma como nunca vimos antes. Estádios desertos e jogos quase …

Cientistas identificam fóssil do inseto mais antigo do mundo

Um fóssil de um milípede descoberto em 1899 é o inseto mais antigo do mundo, concluiu um novo estudo. O espécime em causa tem 425 milhões de anos. Uma equipa de investigadores da Universidade do Texas …

Jorge Jesus renova com o Flamengo por mais uma época

O treinador português anunciou, esta quarta-feira, que vai ficar mais uma época nos brasileiros do Flamengo, até junho de 2021. "Digam à nação que fico!". É esta a frase que acompanha a fotografia publicada, esta quarta-feira, …

Governo deixa cair lay-off simplificado. Novo apoio vai variar em função da quebra de faturação

O apoio às empresas em lay-off que retomarem a atividade será diferenciado em função da quebra de faturação, com vista a direcionar as ajudas públicas “a quem mais precisa”, afirmou esta terça-feira a ministra do …

Grupo de precários da Casa da Música dispensado de serviço via e-mail "meia hora depois" de uma vigília de protesto

Cerca de 13 trabalhadores "precários" da Casa da Música, no Porto, foram dispensados dos concertos que tinham alocados para o mês de junho. Em declarações à Lusa, Hugo Veludo, um dos 13 assistentes de sala …

Sete detidos em operação na Quinta da Fonte ficam em prisão preventiva

Os sete homens que foram detidos numa operação policial no bairro da Quinta da Fonte, em Loures, na segunda-feira, ficaram em prisão preventiva, a medida de coação mais gravosa, revelou à agência Lusa a Polícia …