CDS pede “tolerância zero” ao desrespeito pelas normas de saúde pública

Paulo Novais / Lusa

O presidente do CDS-PP exigiu esta segunda-feira “tolerância zero” à criminalidade e ao desrespeito pelas normas de saúde pública impostas devido à pandemia de Covid-19, considerando que há “sentimento de impunidade a mais” e “autoridade das polícias a menos”.

“Tem que haver tolerância zero à criminalidade, sobretudo quando há comportamentos de saúde pública que tem de ser respeitados e cumpridos para não colocar em causa a saúde da população de risco”, afirmou o líder do CDS-PP, Francisco Rodrigues dos Santos.

Falando aos jornalistas no final de uma visita ao Comando Territorial de Portalegre da GNR, o líder centrista advertiu que “os bairros, ruas e praias não podem ser tomadas de assalto por gangues de arruaceiros que desrespeitam constantemente as normas”.

“Em Portugal, há criminalidade e sentimento de impunidade a mais para autoridade das polícias a menos”, assinalou.

Nesse sentido, Francisco Rodrigues do Santos propôs o reforço das forças de segurança para que “tenham a dignidade e a coercividade necessárias para fiscalizar os comportamentos que tem de ser adotados” durante a pandemia da Covid-19. O presidente dos democratas-cristãos defendeu também “quadros sancionatórios que sejam atuantes” e um agravamento das leis penais que “penalizem e reprimam aqueles que agridem e desobedecem” aos elementos das forças de segurança.

Esta “tem de ser uma prioridade”, insistiu, alegando que, quando “há algum ato desviante praticado por alguém que é considerado um criminoso”, do outro lado está “alguém que será penalizado”.

“Aqueles que têm estabelecimentos e negócios vão ver sobre si impostas novas medidas de contingência, que afunilam o seu volume de negócios e impedem uma recuperação mais rápida do seu nível de rendimentos”, acrescentou.

Rodrigues dos Santos notou que se verificam “diariamente casos de desrespeito e de incumprimento das normas”, alertando que é “necessário” o “cumprimento escrupuloso” para que “não haja uma escalada descontrolada do vírus”.

“E isso obriga a uma fiscalização e as nossas forças de segurança têm novas atribuições para assegurar que há este cumprimento por parte das populações”, acrescentou.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Lar de Reguengos de Monsaraz diz ter feito tudo para salvar vidas

A direção do lar de Reguengos de Monsaraz (Évora) onde surgiu o surto de covid-19 que causou 18 mortos garantiu ter feito “tudo” ao seu “alcance” para “salvar vidas”, nesta “crise” com “contornos dramáticos”. A Fundação …

Israel fecha os olhos e deixa palestinianos cruzarem a fronteira para ir a banhos

As autoridades israelitas têm deixado milhares de palestinianos cruzar a barreira de separação entre os dois territórios para poderem ir às praias. Este foi um fim-de-semana muito especial para Siham e os seus cinco filhos. …

Diabéticos e hipertensos voltam a ter faltas justificadas

Os diabéticos e hipertensos sem condições para desempenharem funções em teletrabalho voltam a ter direito a justificar as faltas ao trabalho devido à pandemia de covid-19, segundo um diploma publicado em Diário da República. “Os imunodeprimidos …

Deputada da Coreia do Sul debaixo de fogo. Usou um vestido no Parlamento

Na semana passada, a deputada sul-coreana Ryu Ho-jeong usou um vestido numa assembleia legislativa, sendo bombardeada com críticas que gerou um debate sobre sexismo e a cultura patriacal do país. De acordo com a CNN, na …

SC Braga oficializa "top gun" Gaitán por duas temporadas

O internacional argentino Nicolas Gaitán assinou um contrato com o Sporting de Braga válido por uma época, com outra de opção, informou esta terça-feira o clube minhoto da I Liga de futebol. Formado no Boca Juniors, …

Vacina russa chama-se "Sputnik V" e foi já pedida por 20 países

A vacina russa contra a covid-19, cujo registo foi esta terça-feira anunciado pelo Presidente, Vladimir Putin, chama-se "Sputnik V", vai começar a ser fabricada em setembro e já foi encomendada por 20 países. De acordo com …

Rui Pinto no Twitter: "Travessia do deserto” terminou mas a “luta continua”

Rui Pinto assumiu que a “árdua e longa ‘travessia do deserto’” chegou ao fim, aludindo à sua libertação, mas avisou que “a luta continua”, pois Portugal “continua um paraíso para a grande corrupção” e branqueamento …

PJ deteve suspeita de atear fogo florestal no Parque Nacional da Peneda-Gerês

A Polícia Judiciária (PJ) de Braga deteve uma mulher de 57 anos suspeita de atear um incêndio florestal registado em 4 de agosto no Parque Nacional da Peneda-Gerês (PNPG), no concelho de Terras de Bouro. Em …

Mais duas mortes e 120 novos casos. Lisboa com 60% dos novos infetados

Portugal regista esta segunda-feira mais duas mortes, 120 novos casos de infeção por covid-19 e 160 curados em relação a segunda-feira, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS). O número de pessoas internadas é …

Encontrado cadáver com 30 anos em mansão abandonada em Paris

As obras de reforma numa mansão abandonada em Paris tiveram de ser suspensas inesperadamente depois de trabalhadores terem descoberto um cadáver a decompor-se na cave há 30 anos. De acordo com o jornal britânico The Guardian, …