Caso Sócrates parado até decisão sobre imparcialidade de Carlos Alexandre

José Sena Goulão / Lusa

O juiz Carlos Alexandre

A defesa do antigo primeiro ministro, José Sócrates, apresentou um recurso que volta a pôr em causa a imparcialidade do juiz Carlos Alexandre. O processo de acusação de Sócrates está, então praticamente parado desde quinta-feira.

O processo que tem como arguido José Sócrates está praticamente parado desde quinta-feira, depois da defesa do antigo primeiro ministro ter apresentado um recurso que põe em causa a imparcialidade do juiz que conduz o caso.

O recurso entrou no Tribunal de Instrução Criminal na passada terça-feira, ainda antes da defesa de Sócrates ter sido notificada da acusação, na quarta-feira. Na quinta-feira, Carlos Alexandre assina um despacho onde escreve que “até que o recurso seja apreciado e decidido” pelo Tribunal da Relação de Lisboa (TRL) apenas levará a cabo “os atos processuais urgentes”, “se tal for indispensável“.

De acordo com o Público, não é expectável que a decisão do Tribunal da Relação demore, tendo em conta o tempo médio que aquele tribunal superior tem demorado a avaliar as 33 contestações feitas pelo antigo primeiro-ministro.

Segundo o presidente da Relação de Lisboa, Orlando Nascimento, “é de esperar que o tribunal decida muito rápido”, tal como tem acontecido com questões secundárias, diz o juiz-desembargador.

O jornal Público dá como exemplo o incidente de suspeição apresentado em meados de Setembro do ano passado pela defesa de Sócrates na sequência de uma entrevista dada por Carlos Alexandre à SIC e que foi analisado em menos de um mês.

Os juízes da Relação não encontraram “motivo sério e grave” que justificasse o afastamento de Carlos Alexandre, recusando os argumentos dos advogados João Araújo e Pedro Delille que defenderam que ao afirmar que não tinha dinheiro em contas de amigos o juiz estava a fazer um pré-juízo quanto à culpabilidade do antigo primeiro-ministro.

Desta vez, a imparcialidade é posta em causa por outra razão. No dia 1 de setembro, o Ministério Público integra na Operação Marquês um outro inquérito sobre as relações entre o Grupo Espírito Santo e a Portugal Telecom.

A 21 de setembro, no entanto, a defesa de Sócrates apresenta um requerimento onde defende a separação de todos os processos incorporados na Operação Marquês após 19 de Outubro de 2015, altura em que terminou o prazo máximo de inquérito.

Esta data tem sido considerada meramente indicativa pelos tribunais, que se recusaram a anular os atos realizados após esse limite. No entanto, a defesa de Sócrates não se cansa de pedir que tudo feito após essa data seja invalidado, considerando, como neste caso, que o Ministério Público não tem legitimidade para prosseguir com a ação penal.

De acordo com a TSF, a defesa apresentou ainda um requerimento ao Ministério Público , no qual alega que faltam 175 páginas no documento que lhes foi entregue e que as páginas em falta se tratam de partes essenciais da acusação.

A defesa do antigo primeiro-ministro exige que lhe seja entregue toda a acusação e sublinha que a falta destas 175 páginas torna a notificação do arguido “ilegal”, o que pode determinar a nulidade da acusação e do processo.

  ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Ainda sem fumo branco para o OE, Bloco e PCP reúnem órgãos máximos

O PCP e o Bloco de Esquerda reúnem hoje os respetivos órgãos máximos entre congressos com a proposta orçamental para 2022 no centro do debate. As conclusões da reunião da Mesa Nacional do BE serão apresentadas …

Sismo de 4,9 em La Palma e novo colapso do cone do Cumbre Vieja

A ilha espanhola de La Palma registou hoje um sismo de 4,8 de magnitude, no dia em que o vulcão voltou a sofrer um colapso no cone principal, causando grandes derrames de lava. O sismo foi …

Algas vivas sensíveis à luz (um tipo de cianobactérias chamado Synechocystis) injetadas num girino

Podia ser ficção científica, mas não é. Injetar algas no sangue dos sapos pode ajudá-los a respirar

Os sapos adotam várias técnicas de respiração ao longo da sua vida. Agora, uma equipa de cientistas alemães desenvolveu um novo método que permite que os girinos "respirem" graças à introdução de algas na sua …

As misteriosas auroras de Úrano foram finalmente detalhadas ao pormenor pelos cientistas

Auroras de Úrano foram captadas pela primeira vez em 2011 através do telescópio Hubble Space, mas as suas origens representam ainda mistérios que os cientistas não conseguem esclarecer. Pela primeira vez, os cientistas conseguiram moldar a …

Domingo invulgar: 17 grandes jogos para ver, em poucas horas

A ementa começa em França, ao meio-dia, e acaba no Chile, já depois das oito da noite. Não estamos perto do Carnaval mas vem aí um "domingo gordo" no futebol. Vários jogos grandes, uns mais mediáticos …

Sporting 1-0 Moreirense | Capitão Coates embala leão

O Sporting igualou hoje o FC Porto na liderança provisória da I Liga portuguesa de futebol, ao vencer em casa o Moreirense, por 1-0, em jogo da nona jornada. O capitão Sebastián Coates marcou, aos …

Relatório médico indica que jovem chinês morreu após beber uma garrafa de Coca-Cola em dez minutos

Um homem chinês morreu depois de beber uma garrafa de 1,5 litros de Coca-Cola em dez minutos, informaram os médicos num relatório. O jovem de 22 anos, que não tinha doenças subjacentes, dirigiu às urgências do …

Universidade no Reino Unido tem arquivo de "casas assombradas"

A Universidade de Sheffield, no Reino Unido, tem um arquivo aberto ao público com quase 80 mil fotografias de "casas assombradas" de várias feiras populares. Para muitos, o medo é parte integrante da experiência de uma …

J&J acusada de usar manobra para impedir processos judiciais relativos à venda de pó de talco com propriedades cancerígenas

A Johnson & Johnson está a ser criticada por usar uma manobra para impedir cerca de 38 mil processos judiciais que alegam que o famoso baby powder da marca causa cancro. De acordo com a NPR, …

Tondela 1-3 FC Porto | Hat-trick de Taremi castiga insolência beirã

O iraniano Mehdi Taremi foi a grande figura da vitória do FC Porto em casa do Tondela, por 3-1. Os homens da casa marcaram primeiro, mas cedo se viram reduzidos a dez elementos e tiveram …