Bloco desconhece “avanços” no novo apoio social (e sugere que Rio seja dispensado das negociações)

A coordenadora do Bloco de Esquerda (BE) disse este domingo que o Governo ainda não se comprometeu com a criação do novo apoio social proposto pelos bloquistas, no âmbito das negociações do Orçamento do Estado (OE2021).

“O Governo já disse que quer trabalhar nesta prestação connosco, embora ainda não se tenha comprometido nem com a abrangência, nem com o valor. E, portanto, não sabemos na prática, no concreto, a que é que se referem, mas continuaremos a trabalhar nela”, disse Catarina Martins durante uma sessão pública intitulada “Vencer a Crise – as respostas da esquerda”, que decorreu esta tarde em Aveiro.

No sábado, o secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, Duarte Cordeiro, afirmou à agência Lusa que já houve avanços concretos nas negociações do OE2021, como a criação de um novo apoio social proposto pelo BE.

Catarina Martins realçou a importância desta nova prestação social para que ninguém que perdeu o seu trabalho com a crise fique sem apoio.

“Em Portugal, em julho, já havia 600 mil pessoas desempregadas e, dessas, 400 mil não tinham acesso a nenhuma prestação de apoio no desemprego. Portanto, é muito importante chegar às pessoas. Quem perdeu o chão, quem perdeu tudo com a pandemia, tem de ter apoio”, disse.

Além deste apoio, a dirigente bloquista quer discutir com o Governo as condições para proteger o emprego e os salários.

“A prestação social tem de chegar a quem já não tem nada, mas o nosso primeiro passo tem de ser proteger o direito ao salário, ao emprego, e garantir que a coberto da crise não se multiplicam todos os apoios que acabam por fazer de quem trabalha sempre as vítimas da crise”, declarou.

Catarina Martins deu ainda um recado a António Costa: se o PS quer que o OE2021 seja aprovado à esquerda, “a resposta à crise tem de ser a resposta que põe a defesa do emprego, do salário e da dignidade de quem trabalha em primeiro lugar”.

A coordenadora do Bloco disse que o seu partido continua disponível para negociar o OE2021 e não vê razão para PS e Governo precisarem do PSD. “Seguramente, se o PS as quiser construir à esquerda, não precisará de negociar com Rui Rio”, declarou Catarina Martins.

A coordenadora do BE considerou que “não cabe ao Presidente da República”, Marcelo Rebelo de Sousa, encontrar soluções para a aprovação do Orçamento e manifestou-se convicta de que “essas soluções virão do parlamento, queira o Governo”. “Portanto, não há nenhuma razão para o Governo precisar de Rui Rio, a menos que o PS não queira negociar com o BE. Nós estamos cá para construir soluções”, reforçou.

Na sexta-feira passada, Marcelo pressionou Rio para a aprovação do OE2021. “Custa muito viabilizar este Orçamento? Qualquer pessoa de bom senso diria que faz isto pelo interesse do país. E para o ano logo veremos”, rematou.

ZAP // Lusa

 

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. Mas que é o BE para sugerir a dispensa do PPD ou de outro partido qualquer que tem assento na A.R.? Eu tambem sugiro que não votem em partidos populistas como é o BE e outros, que não votem no PCP não se esqueçam no dia do voto da festa do avante.

  2. O BE, na pessoa da artista considera dispensável o contributo do PSD. Já não chegava o PCP agora vem a nova patroa do Costa a dar ordens. Está aqui, está no governo a dar indicações as ministros. BEM HAJA

  3. Quando estas meninas negoceiam com o PS podemos começar a preparar as nossas carteiras.
    Uma coisa o Costa não quer , sair do governo!!! Fará sempre tudo o que elas lhe pedirem.

    • Costa está acorrentado a esta tralha ultra-esquerda. Ao que o PS chegou. Anda amarrado pela corda. E assim se vai arrastando este país.

  4. Esta catraia, desde que Costa lhe entregue um rebuçado, aprova logo o OE. Pergunta-se: qual o papel desta seita na construção do país e na real melhoria do povo ?

  5. A esquerdalha quer voltar ao PREC, quando fazia o que queria do País e só não o destruiu totalmente porque o 25 de novembro pôs um travão. Em todos os países acontece o mesmo: o ódio ao bem estar das pessoas, faz com que a esquerda elimine o emprego, a liberdade, as greves, os partidos a liberdade. Em todos os países comunistas aconteceu isso. VAMOS ACORDAR TODOS !!!!!

  6. Se o senhor Costa já a algum tempo considerou que negociar com o PSD seria o fim do governo PS, portanto o acordo só poderá ser com um ou os dois partidos de extrema-esquerda os quais já fizeram parte da geringonça, outra solução não será previsível e o PSD jamais poderá ser culpabilizado, mesmo se em último recurso fosse chamado para bombeiro do governo teria todo o direito a recusar e toda a situação só poderia ser imputada ao senhor Costa, esta menina mais o Jerónimo sabendo da situação têm cada vez mais o Costa na mão apesar deste se imaginar o mais espertalhão dos humanos.

  7. Enquanto o país estiver entregue a esta corja dita “de esquerda” (caviar) nunca passará da cepa torta. Vai trabalhar malandra!!!

Molly bate recorde ao nascer de um embrião congelado há 27 anos

No início deste ano, um embrião que foi congelado em 1992 foi implantado no útero de uma mulher. Agora, 27 anos depois, nasceu Molly Gibson. A bebé nasceu do mais antigo embrião do mundo que resultou …

Apareceu um terceiro monólito metálico. Agora, foi numa montanha da Califórnia

Um monólito metálico, semelhante aos encontrados há pouco tempo no deserto de Utah, nos Estados Unidos, e na cidade romena de Piatra Neamt, surgiu agora no estado norte-americano da Califórnia. A estrutura foi encontra na …

AEK 2 - 4 Braga | “Guerreiros” saqueiam Atenas e apuram-se

O SC de Braga garantiu esta quinta-feira o apuramento para os 16 avos-de-final da Liga Europa. Os minhotos foram à Grécia bater o AEK por 4-2, graças a uma exibição personalizada, num jogo em que …

Ciclone mortal deixou uma praia da Índia coberta de ouro

Centenas de pescadores, mulheres e crianças no distrito de East Godavari, no estado de Andhra Pradesh, no sul da Índia, passaram o fim de semana a vasculhar a praia local em busca de ouro. Após o …

O Flamengo de Jorge Jesus foi "um mero acidente de percurso"

2019 foi uma exceção para a equipa brasileira que, depois de ter vencido (quase) tudo, neste ano já foi afastado da Taça do Brasil e da Libertadores: "O português foi embora e com ele toda …

Concorrência condena MEO a pagar 84 milhões por combinar preços com a NOWO

A Autoridade da Concorrência (AdC) aplicou uma coima de 84 milhões de euros à MEO por combinar preços e repartir mercados com a operadora NOWO nos serviços de comunicações móveis e fixas. “A Autoridade da Concorrência …

PEV quer reverter privatização dos CTT. PS admite todos os cenários

O Partido Ecologista “Os Verdes” (PEV) defendeu hoje, no parlamento, a “reversão da nacionalização” dos CTT, e ouviu o PS admitir “todos os cenários”. Numa declaração política no parlamento, o deputado José Luís Ferreira afirmou que, …

Voltar à normalidade "não está longe, mas não é já", avisa Pfizer

O administrador executivo da Pfizer, Albert Bourla, apelou na quarta-feira para que os governos de todo o mundo não reabram as suas economias demasiado depressa devido ao otimismo gerado pelas vacinas de covid-19. Bourla, de 59 …

Biden quer retomar acordo nuclear com o Irão, embora reconheça que será "difícil"

O vencedor das eleições presidenciais norte-americanas, Joe Biden, pretende retomar o acordo nuclear com Irão antes mesmo de novas negociações, assumiu o democrata numa entrevista ao New York Times. Joe Biden afirmou, durante a campanha eleitoral, …

Processo de reprivaticação da Efacec atrasado devido à discussão do OE2021

Apesar de as avaliações no âmbito do processo de nacionalização e futura reprivatização da Efacec já estarem concluídas, o processo esteve condicionado pela discussão do Orçamento de Estado para 2021 (OE2021). De acordo com o Jornal …