Bloco Central (e direita) adiam discussão de iniciativas sobre a covid-19

Mário Cruz / Lusa

Esta quarta-feira, ficou decidido que o Parlamento só irá discutir e votar esta quinta-feira os três diplomas do Governo no âmbito do combate ao novo coronavírus, ficando assim adiadas todas as propostas dos outros partidos, que se irão realizar na próxima semana.

De acordo com o semanário Expresso, a decisão foi tomada esta quarta-feira durante a Conferência de Líderes, depois de o PS e o PSD terem defendido o adiamento, com o apoio do CDS e do Chega.

Enquanto que o PS queria impedir todos os projeto afetados, no seu entender, pela norma travão (a norma que na Constituição impede de mexer na despesa e receita quando o OE já está em vigor), o PSD considera que a resposta cabe ao Governo, não tendo apresentado qualquer proposta nem adiantado o seu sentido de voto em relação às dos restantes partidos.

O CDS alega, também, que este é o tempo do Governo e defende que o Parlamento deve apenas funcionar via Comissão Permanente (uma versão reduzida da Assembleia da República).

PCP, BE, PAN e PEV criticaram a decisão da conferência de líderes. No final da reunião, o líder parlamentar do PCP, João Oliveira, lamentou que o conjunto de 17 iniciativas do partido relacionadas com os efeitos da pandemia apenas seja discutido na próxima semana.

“Respondem a problemas económicos e sociais que exigem resposta urgente: os problemas das pessoas não podem ficar à espera”, afirmou, considerando que a decisão da conferência de líderes vai “ao contrário da urgência necessária”.

A líder parlamentar do PAN, Inês Sousa Real, considerou que as iniciativas dos partidos saíram “defraudadas” e que a conferência de líderes “abriu um precedente errado”, uma vez que na última reunião tinha decidido que poderiam ser apresentados diplomas.

“Parece-nos muito pouco democrático porque há uma maioria que se forma e que vem bloquear o trabalho das outras forças políticas”, criticou, considerando que a união exigida em estado de emergência “não deve isentar” o parlamento do seu papel fiscalizador e participativo.

Pelo Partido Ecologista “Os Verdes”, José Luís Ferreira acusou igualmente a conferência de líderes de ter “protelado” propostas cuja discussão estava prevista para quinta-feira e que representavam “respostas a problemas urgentes”.

O BE, numa posição enviada por escrito do líder parlamentar Pedro Filipe Soares, considerou “incompreensível” o adiamento da discussão e votação de propostas “urgentes que respondem a problemas que as pessoas sentem agora”, como a proibição dos despedimentos ou o apoio às famílias nas férias da Páscoa, entre outras.

Esta quinta-feira, a Assembleia da República debate e vota a renovação do estado de emergência devido à pandemia de covid-19 e três diplomas do Governo também no âmbito do combate ao surto. Todos os projetos-lei e de resolução dos partidos – “cerca de uma centena de iniciativas” – ficam agendados para novo plenário, no dia 8 de abril.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Consumo excessivo de álcool afeta o sistema nervoso (e aumenta a ansiedade)

Investigadores do Instituto de Investigação e Inovação em Saúde concluíram que o consumo repetitivo de álcool afeta diretamente células imunes do sistema nervoso central, que eliminam parte da comunicação entre os neurónios, e provoca o …

Afinal, os tubarões-baleia macho não são os maiores peixes dos oceanos

Um novo estudo revela que, afinal, os tubarões-baleia machos não são os maiores peixes do oceano. As fêmeas crescem continuamente muito depois de os machos pararem, atingindo tamanhos maiores - ainda que demorem mais tempo …

Exército norte-americano usou fundos de emergência covid-19 para comprar armas

O exército dos Estados Unidos utilizou fundos de emergência aprovados pelo Congresso especificamente para combater a covid-19 para comprar armas, denuncia esta semana o jornal norte-americano The Washington Post. O caso remonta a março passado, …

Carpinteiros usam técnica medieval na reconstrução de Notre Dame

A reconstrução de Notre Dame - que se prevê estar concluída no prazo de cinco anos - continua a avançar e os carpinteiros usaram técnicas medievais para erguer uma estrutura na fachada do monumento. A Catedral …

Durante um ano e meio, uma aldeia inteira perdeu a Internet todos os dias à mesma hora (e já se sabe porquê)

Durante 18 meses, os residentes de uma vila no País de Gales perderam a Internet todos os dias à mesma hora. Agora, engenheiros identificaram o motivo: uma televisão em segunda mão que emitia um sinal …

Gado na UE produz 704 milhões de toneladas de CO2 (mais do que todos os transportes juntos)

De acordo com uma nova análise da Greenpeace, animais de criação como vacas, porcos e outros, estão a emitir mais gases com efeito de estufa na Europa do que todos os transportes juntos. Na última década, …

É distraído e está sempre a perder a carteira? A Cashew Smart Wallet é para si

Uma simples carteira pode vir a melhorar os seus dias. A Cashew Smart Wallet é dotada de uma tecnologia de bluetooth que permite proteger os seus bens e ainda o ajuda caso a perca por …

Desportivo das Aves SAD desiste do Campeonato de Portugal

O Desportivo das Aves SAD vai abdicar da participação no Campeonato de Portugal (CdP), após ter falhado as negociações com o Perafita para utilizar as instalações do clube de Matosinhos. "As inscrições fechavam ontem [terça-feira] e …

Celebridades doam dinheiro para pagar dívidas a ex-presos impedidos de votar nos EUA

O bilionário Michael Bloomberg, o cantor John Legend e o basquetebolista LeBron James são algumas das celebridades que estão a doar dinheiro para pagar dívidas de ex-presidiários da Florida, impedidos de votar nas próximas eleições …

No debate sobre o Plano de Recuperação, evocou-se Sócrates e Passos

O líder do PSD questionou o primeiro-ministro se pretende "fomentar o desemprego" com o aumento do salário mínimo. O chefe do Governo manifestou-se "completamente perplexo". Na abertura do debate sobre o Plano de Recuperação e Resiliência, …