Se for necessário líder, Assunção Cristas está “ao serviço do partido”

portugal.gov

A ministra da Agricultura, Assunção Cristas

A ministra da Agricultura, Assunção Cristas

Assunção Cristas, ministra da Agricultura, Mar e Ordenamento do Território, não exclui a possibilidade de vir a tornar-se líder do CDS-PP, apesar de insistir tratar-se de uma matéria que não a “ocupa, nem preocupa” e remeter o assunto para o futuro.

Em entrevista ao Observador, a governante afirmou que “se for necessária para isso [liderança], também estarei” ao serviço do partido “para aquilo que fosse necessário”, mas remeteu a decisão de substituir Paulo Portas na liderança para o futuro.

“Aquilo que eu tenho dito sempre é: primeiro, não é uma questão que se coloque e, portanto, mais uma vez pragmaticamente, não me ocupa e não me preocupa. Segundo, se se colocar, é, antes de mais, uma questão para o próprio CDS e para os militantes do CDS, de quem é que acham relevante” para assumir a liderança, afirmou.

Assunção Cristas sublinha preferir não perder o seu tempo a em criar “ruído” desnecessário, nem a lidar com “guerrinhas ou protagonismos”. “Não tenho paciência, [nem] tempo para isso”, explicou à jornalista Maria João Avillez.

Sobre o seu percurso como ministra do Governo de Passos Coelho, Assunção Cristas descreve como o mar acabou por se tornar a sua grande aposta, sendo no mar e na economia do mar que a ministra deposita as grandes expectativas de ver Portugal a crescer e a tornar-se um líder mundial.

Assunção Cristas mostrou-se também confiante de que a coligação PSD/CDS tem tudo para ganhar as próximas eleições legislativas – e mesmo para conseguir uma maioria absoluta. A ministra acredita que, depois de “quatro anos muito difíceis”, os portugueses irão reconhecer “a experiência e a credibilidade” de uma coligação que “não vai prometer aquilo que não pode cumprir”.

Na entrevista publicada esta segunda-feira, a governante lançou algumas farpas à orientação seguida pelo Partido Socialista, incidindo na figura do secretário-geral.

“Na minha perspetiva, o doutor António Costa cometeu um erro muito grande, que foi nunca ter feito uma revisão do que tinha corrido bem e do que tinha corrido mal na governação Sócrates”, considera a governante. “E, não sendo capaz de fazer essa triagem, apresentou agora medidas que, contas feitas, não batem certo. A nossa pergunta e a nossa perplexidade é pensar: como é possível apresentar-se aos portugueses desta forma?”.

A ministra afirma ainda que o destino das propostas da equipa de Miguel Centeno é o mesmo de 2011: crise profunda e troika em Portugal. “O discurso do António Costa tem sido: vamos repor os salários, vamos repor as pensões, vamos repor o IRS, vamos repor não sei o quê, a pergunta é, eu diria, vamos também repor a troika?”, perguntou em tom de ironia.

ZAP

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Bem que precisamos de cultivar batatas e Pimentos, agora com a nova cota de sardinha que a Sra ministra nos arranjou. Força Sra Ministra,… isto hoje em dia só é preciso descaramento e falta de vergonha…. siga o exemplo do Passos, foi o truque dele, – verá que lá chega.

RESPONDER

Mau feitio afasta juiz desembargador de concurso

Eurico Reis está fora da lista de magistrados responsáveis pela nova secção do Tribunal da Relação de Lisboa, relativa à propriedade intelectual e concorrência, supervisão e regulação, que começa a funcionar esta sexta-feira. O juiz …

Algarve escolhido como melhor destino de golfe do Mundo para 2020

A Associação Internacional de Operadores de Turismo de Golfe (IAGTO) escolheu o Algarve como "melhor destino de golfe do mundo para 2020", distinção que o presidente do Turismo do Algarve atribuiu à qualidade dos 40 …

Balakov deixa cargo de selecionador da Bulgária

O treinador Krasimir Balakov deixou nesta sexta-feira o cargo de seleccionador de futebol da Bulgária, na sequência da goleada (6-0) sofrida na recepção à Inglaterra, num jogo de qualificação para o Euro 2020 marcado por …

Fez-se História no Espaço com o primeiro passeio espacial feminino

As astronautas Jessica Meir e Christina Koch saíram esta sexta-feira da Estação Espacial Internacional (EEI) no primeiro passeio orbital sem a participação de homens, durante o qual repararão um controlo das baterias da estação. A saída …

UEFA proíbe Ajax de vender bilhetes

O Comité de Controlo, Ética e Disciplina da UEFA proibiu o Ajax de vender bilhetes para o próximo encontro da Liga dos Campeões, em Londres, frente ao Chelsea, a 5 de Novembro, devido ao mau …

Aumenta para cinco número de mortos em desabamento de prédio no Brasil

O número de mortos no desabamento de um prédio residencial em Fortaleza, capital do estado do Ceará, no nordeste do Brasil, aumentou para cinco, segundo informações do corpo de bombeiros divulgadas esta sexta-feira pelas autoridades …

Cartel de Sinaloa abre fogo e obriga polícia a libertar filho de “El Chapo”

O filho de El Chapo, Ovidio Guzmán López, foi libertado depois de várias horas de violência que se seguiram à sua detenção e o ministro da Defesa argumentou com medidas de segurança para o fazer. O …

Portugal tem 796 mil “eleitores-fantasma”

Portugal tem mais 796 mil eleitores do que população residente com 18 e mais anos. O número de inscritos nos cadernos eleitorais, em território nacional, apresenta uma diferença de 9,3% face ao número de residentes …

Lenine Cunha e Ana Filipe conquistam mais duas medalhas nos INAS Global Games

Os portugueses Lenine Cunha e Ana Filipe conquistaram esta quinta-feira medalhas de prata e bronze, respetivamente, nos INAS Global Games, competição mundial para atletas com deficiência intelectual, que decorre em Brisbane, na Austrália. Os dois pódios …

Homem detido em França por ameaça de ataque inspirado no 11 de setembro

Um indivíduo identificado como sendo um radical islâmico foi detido em França acusado de terrorismo devido a uma ameaça de sequestro e ataque inspirado no atentado às Torres Gémeas, nos Estados Unidos, em 2001, anunciaram …