Após desertar, guarda-costas de Kim Jong Il descreve como foi proteger líder norte-coreano

Keith Martin / Flickr

Um antigo guarda-costas da família governante da Coreia do Norte descreveu, numa entrevista, a sua experiência em treinar e proteger o homem que detém o poder absoluto no país.

De acordo com a revista Newsweek, Lee Young Guk serviu na equipa de segurança do ex-líder supremo norte-coreano Kim Jong Il, pai do atual governante Kim Jong-un entre 1978 e 1988. Alguns anos depois, Kim Jong Il assumiu o comando da dinastia Kim, que era então ainda liderado pelo seu pai, o venerado fundador Kim Il Sung.

Lee passou a servir como conselheiro militar antes de fugir do país por volta de 2000, mas lembra-se de se preparar para o cargo.

“Fui ensinado a acreditar que tinha de protegê-lo com a minha vida“, disse Lee, numa entrevista que aparecerá no documentário da National Geographic “Coreia do Norte: Por Dentro da Mente de um Ditador”, previsto para estrear a 18 de janeiro às 20h. “Éramos jovens e entusiasmados naquela época”.

Desde o seu estabelecimento, há mais de sete décadas, a vida política na Coreia do Norte tem sido dominada pela família Kim e a sua segurança é há muito tempo considerada primordial. A divergência é virtualmente inexistente sob o seu governo autoritário, mas o treino e a preparação dos guarda-costas do líder continuam a ser uma prioridade.

“A coisa mais importante era a pontaria”, disse Lee. “Bang, bang”, acrescentou, usando as mãos para imitar a ação de disparar uma arma.

No entanto, mesmo durante o treino, o homem que se tornaria o líder supremo após a morte do seu pai em 1994 nunca estava longe. “Kim [Jong Il] adorava ver-nos a disparar e fazer artes marciais”, disse Lee.

Lee disse que passou um tempo com o governante de terceira geração Kim Jong-un, que se acredita ter nascido em janeiro de 1984. Ao contrário de Kim Jong Il, que se acredita ter sido designado herdeiro durante anos, acredita-se que o seu filho tenha tido menos tempo para se preparar para a função, que assumiu no final de 2011 aos 27 anos, tornando-se o mais jovem líder mundial da época.

Lee já tinha descrito a infância de Kim Jong-in como “solitária”, dizendo “não tinha ninguém com quem brincar” quando era criança.

Acredita-se que Kim Jong-un seja o filho do meio de dois irmãos criados parcialmente e Berna, o irmão mais velho Kim Jong Chol e a irmã mais nova Kim Yo Jong, que se tornou uma figura cada vez mais proeminente e poderosa na hierarquia da Coreia do Norte.

Acredita-se que o trio também tenha dois meios-irmãos mais velhos, Kim Jong Nam, que deixou o país e foi morto com um agente nervoso num ataque ao aeroporto da Malásia em 2017 que Kim Jong-un foi acusado de orquestrar, e Kim Sol Song, que supostamente ocupou cargos no governo.

Lee disse que uma tentativa fracassada de fuga nos anos 1990 rendeu-lhe prisão e tortura num país rotineiramente acusado de abusos aos direitos humanos. Quando fugiu do país por volta do ano 2000 e conseguiu chegar à Coreia do Sul, ainda temia pela sua vida e acabou por partir em 2016 para o Canadá.

O The Toronto Star relatou em setembro que o seu pedido de asilo foi negado, citando inconsistências nas reivindicações de Lee em relação ao ativismo pelos direitos humanos na Coreia do Sul. A Coreia do Norte rejeitou as alegações de que o seu país era culpado de violações dos direitos humanos e atacou os relatórios das Nações Unidas que o sugeriam.

Embora a sucessão de Kim Jong-un tenha levado a um grau de reforma económica e social, também inaugurou uma nova era de repressões e avanços em armas nucleares destinadas a defender o país do seu inimigo histórico, os Estados Unidos.

Kim Jong-un tornou-se o primeiro na sua posição a encontrar-se com um líder dos Estados Unidos após uma cúpula histórica de Singapura em 2018 com Donald Trump. Embora os dois concordassem em trabalhar por um acordo de paz para a desnuclearização, as reuniões subsequentes e conversas em nível de trabalho foram paralisadas. O processo permanece congelado até hoje.

O Oitavo Congresso do Partido da Coreia do Norte também está programado para este mês. Espera-se que Kim Jong-un revele um novo plano de cinco anos, que substituiria a estratégia de 2016 que o próprio líder supremo admitiu que não conseguiu alcançar.

A Coreia do Norte enfrenta muitos desafios no início do novo ano, incluindo sanções comerciais internacionais que permanecem em vigor. Embora a Coreia do Norte não tenha relatado nenhum caso de covid-19, a pandemia induziu confinamentos que sufocaram uma economia já debilitada.

Maria Campos Maria Campos, ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. “O Oitavo Congresso do Partido da Coreia do Norte …”
    O Oitavo Congresso do Partido Dos Trabalhadores da Coreia. Não será assim?

RESPONDER

Depois de uma emergência a contragosto, decidem-se as medidas para a 3.ª fase do desconfinamento

Esta quinta-feira, o Conselho de Ministro decide se o desconfinamento avança na próxima segunda-feira. Em causa está o avanço da terceira fase como previsto, a estagnação dos concelhos de maior risco na segunda fase ou …

"O culpado sou eu". Abel Ferreira perde Supertaça sul-americana nos penáltis

O Palmeiras, de Abel Ferreira, falhou na quarta-feira a conquista da Supertaça sul-americana de futebol, ao perder com o Defensa y Justicia no desempate por grandes penalidades (3-4), depois do desaire por 2-1 nos 120 …

Podem ter sido encontradas as pegadas de Neandertal mais antigas da Europa

Há cerca de 100 mil anos, uma grande família de Neandertais caminhou ao longo de uma praia naquilo que hoje é o sul de Espanha. Tal como qualquer criança que se preze, os mais novos …

Biden e Merkel pedem a retirada de militares russos (mas já há navios dos EUA a caminho)

Um dia depois de a Rússia anunciar que estava a realizar "exercícios militares" perto da fronteira ucraniana, a Ucrânia indicou também estar a proceder a manobras militares. Joe Biden e Angela Merkel apelaram esta quarta-feira …

Crónica ZAP - Nota Artística por Nuno Miguel Teixeira

Nota artística: FC Porto com baliza tão longe...no Irão

https://soundcloud.com/nuno-teixeira-264830877/chelsea-0-1-fc-porto-o-musical Tu, que estás aí desse lado, admite: nunca tinhas ouvido estes acordes: Eu apresento: é o hino oficial da Liga dos Campeões, a competição mais mediática de clubes no futebol. E é nessa competição que continuava …

Sócrates acusa juiz de ir "além do seu poder" e PS de "profunda canalhice"

O ex-primeiro-ministro afirmou que o juiz de instrução "não tem o direito" de o indiciar "de crimes novos" e acusou o "mandante" de Fernando Medina na liderança do PS de "profunda canalhice". Foi a primeira entrevista …

Cientistas criam botão de Ligar/Desligar para a edição de genes

O CRISPR-Cas9 revolucionou a engenharia genética na última década. Agora, o novo método reversível pode controlar a expressão genética, deixando a sequência de ADN subjacente inalterada. O CRISPR-Cas9 é uma poderosa ferramenta de edição genética que …

Violação, coação sexual e abuso de pessoa incapaz podem vir a ser crimes públicos

O Parlamento vai discutir esta quinta-feira em plenário a transformação dos crimes de violação, coação sexual e abuso sexual de pessoa incapaz de resistência em crime público, através de projetos de lei de vários partidos. O …

"Autêntico golpe de Estado". Bases de dados policiais do SEF vão ser controladas pelo Governo

As bases de dados de informações policiais detidas pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) vão passar a ser controladas pelo novo Serviço de Estrangeiros e Asilo (SEA) na "dependência do membro do governo responsável …

Docentes e não docentes deverão ser vacinados com doses da Pfizer este fim de semana

Para este fim de semana, está prevista a vacinação em massa de professores, amas, responsáveis de creches entre outros assistentes de "respostas sociais". Este fim de semana, cerca de 180 mil professores e funcionários dos 2.º …