Afinal, OMS admite que temos de nos preparar para uma segunda vaga (que não tem data marcada)

Yuri Kochetkov / EPA

O diretor-executivo do programa de Emergências Sanitárias da OMS, Michael Ryan, afirmou, esta segunda-feira, que é preciso “estar ciente de que a doença pode disparar a qualquer altura”.

A Organização Mundial de Saúde alertou que a pandemia de covid-19 não vai dar descanso mesmo nos países onde o contágio foi contido e que uma possível “segunda vaga” de contágio não tem data marcada.

Na habitual conferência de imprensa de acompanhamento da pandemia, o diretor-executivo do programa de Emergências Sanitárias da organização, Michael Ryan, afirmou que é preciso “estar ciente de que a doença pode disparar a qualquer altura”.

“Não podemos supor [que os números de novas infeções] vão continuar a descer e que teremos alguns meses para nos preparar para uma segunda vaga. Pode acontecer um segundo pico na atual, como aconteceu em outras pandemias, como da gripe pneumónica”, afirmou.

O aviso foi dado depois de, também esta segunda-feira, Maria Neira, a diretora do departamento de Saúde Pública da OMS, ter afirmado que é “cada vez mais” improvável uma segunda grande vaga do novo coronavírus.

A principal responsável técnica no combate à covid-19, Maria Van Kerkhove, salientou que os estudos de seroprevalência já efetuados são poucos – só dois publicados e cerca de 20 em pré-publicação mostram que “uma grande parte da população continua suscetível” ao novo coronavírus.

“Se encontrar uma oportunidade, este vírus provocará surtos. Uma característica única deste coronavírus é a capacidade de se amplificar em certos ambientes fechados, com uma super-propagação, como temos visto em lares de idosos ou hospitais”, acrescentou.

O que se ganhou entretanto foram “as ferramentas para suprimir o contágio”, referiu, indicando que para já, não é claro que um ressurgimento de casos em países que conseguiram reduzir o número de novas infeções esteja dependente do clima ou da temperatura.

Michael Ryan salientou que “seria preocupante crer que [a contenção do contágio] ocorreu naturalmente” e indicou que foram as medidas de contenção aplicadas pelos governos que o conseguiram, restringindo movimentos de populações, impondo confinamentos e aconselhando medidas de distanciamento físico entre as pessoas.

No dia em que se celebra o 53.º aniversário da criação da Organização para a Unidade Africana – hoje União Africana -, o diretor-geral da OMS, Tedros Ghebreyesus, assinalou que África é o continente com menos casos e menos mortes em relação ao resto do mundo – com 1,5 % dos casos globais e 0,1 % das mortes globais.

No entanto, ressalvou que a capacidade de testagem ainda não está ao nível do resto do mundo e os números “não dão o retrato completo” da pandemia no continente africano.

O diretor do Centro de Vacinação do Mali, Samba Sow, foi mais longe e afirmou que “a falta de testes pode estar a esconder uma epidemia silenciosa”, assinalando que os sistemas de saúde nos países africanos são “fracos e podem ser assoberbados”. Acrescentou ainda que, além da solidariedade entre países africanos, é precisa “comunicação” e dados fiáveis gerados localmente.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

    • Porquê?
      Porque não fazem milagres?
      Sim, parece-me que sabem o que estão a fazer – a ciência é mesmo assim: evolutiva!
      Crenças e certezas é nas religiões!…

      • Pelas óbvias contradições que emitem. Ainda por cima num curtíssimo espaço de tempo. Leu o artigo com atenção, antes de reagir ao comentário do Viajante? É que tudo indica que não.

        • Sim, li.
          Como referi, a ciência é mesmo assim – certezas absolutas que não podem ser questionadas só existem as religiões!…

    • Numa Organização Mundial como a OMS, o que considero inadmissível, é que no espaço de Dias se afirme uma teoria de improbabilidade de uma 2ª vaga e que outro responsável venha dizer que é provável e “que não tem data marcada” . E assim aconteceu com vários(as) intervenientes, DGS, Ministra da Saúde e outros “Especialistas e Entendidos na matéria”, entrarem em perpétuas contradições, quando a População em Geral precisa antes de tudo de “UMA” Informação fidedigna e não de um Mar de teorias ! …….Senão vale mais pedir opinião a uma vidente !

  1. No espaço de dias não, de um dia para o outro! A culpa será dos cientistas ou da Desorganização Mundial da Saúde? Temos que concordar que este vírus troca as voltas a todos! Vamos esperar para ver se vem onda ou tsunami! O melhor seria irmos todos para a praia esperar a onda e mergulhar porque ao sol , ao livre, temos poucas probabilidades de contrair o vírus.

Reservas naturais chinesas salvaram os pandas da extinção (mas "esqueceram-se" dos leopardos)

Uma nova investigação revela que os esforços da China para salvar os pandas gigantes foram bem sucedidos, mas os mesmos falharam na proteção de outros animais que partilham o mesmo habitat, como é o caso …

Comunidade científica critica Trump por dizer que NASA estava "morta"

Na quarta-feira, o Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, afirmou no Twitter que "a NASA estava fechada e morta" até que o próprio fez com que voltasse a funcionar, afirmação que gerou consternação na …

É "bastante provável" que chegue à Europa uma Cybertruck de menores dimensões

É "bastante provável" que uma Cybertruck de menores dimensões venha a ser produzida e chegue depois ao mercado europeu, revelou Elon Musk, CEO da Tesla, empresa que produz estas pickups elétricas. Questionado na rede social …

Mais seis mortos e 131 novos casos em Portugal nas últimas 24 horas

Portugal regista hoje mais seis mortos e 131 novos casos de infeção por covid-19 em relação a sábado, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde. O número de pessoas internadas é de 366, mais nove …

"Erro" do Instagram favoreceu conteúdo de Trump face ao de Biden

Um "erro" da rede social Instagram favoreceu durante dois meses o conteúdo gerado pela campanha de reeleição do atual Presidente norte-americano, Donald Trump, quando comparado com as publicações de Joe Biden, candidato democrata que está …

Fotografia partilhada nas redes sociais levou à suspensão de alunos nos Estados Unidos

Pelo menos dois alunos da North Paulding High School, no estado da Georgia, dizem ter sido suspensos depois de terem partilhado nas redes sociais uma fotografia na qual é possível ver um corredor da escola repleto …

Estado de Nova Iorque com mais mortes por Covid-19 do que França ou Espanha

Os Estados Unidos registaram 1.252 mortos e 63.913 infetados com o novo coronavírus nas últimas 24 horas, segundo uma contagem independente da Universidade Johns Hopkins. Os últimos números de casos e óbitos registados devido a Covid-19 …

Turistas voltam a viajar, mas optam pelo low-cost

Mesmo num contexto de pandemia mundial o desejo de ir de férias continua vivo. Os turistas voltaram a procurar voos, contudo as opções recaem em percursos de curta distância e mais económicos. Ao longo dos últimos …

Ventura anuncia recandidatura ao Chega e só sai do parlamento quando “metade daquela esquerda" sair

André Ventura anunciou esta noite a recandidatura à liderança do Chega, numa cerimónia em Leiria em que disse que só vai sair do parlamento “quando metade daquela esquerda sair”. “Estamos a fazer uma revolução democrática e …

Esqueletos revelam que fosso entre ricos e pobres começou a abrir-se há 6.600 anos

A análise a ossos encontrados numa sepultura na Polónia mostram que o fosse entre ricos e pobres na Europa começou a abrir-se muito antes daquilo que se pensava. O desaparecimento da classe média é um problema …