Abraços e apertos de mão. Bolsonaro junta-se a manifestação sem distanciamento social

jeso.carneiro / Flickr

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, participou, este domingo, em mais uma manifestação sem respeitar as regras de distanciamento social. A manifestação decorrer na Praça dos Três Poderes, em Brasília.

De acordo com o jornal Público, a manifestação teve como objetivo apoiar o governo de Bolsonaro que enfrenta um escândalo político que está a agravar ainda mais a crise de saúde pública causada pelo surto de covid-19.

Na sexta-feira, o Supremo Tribunal Federal (STF) do Brasil divulgou o vídeo de uma reunião ministerial realizada em abril, no Palácio do Planalto, apontada pelo ex-ministro Sergio Moro como prova sobre alegada interferência de Bolsonaro na polícia.

Bolsonaro chegou ao local da manifestação de helicóptero. À chegada, o Presidente tirou a máscara, apertou mãos, deu abraços a vários dos seus apoiantes e pegou crianças ao colo.

Segundo a lei do Distrito Federal de Brasília, todos estes atos são considerados crime de infração de medida sanitária preventiva.

https://twitter.com/CarlaZambelli38/status/1264672837203304448

A manifestação aconteceu ao mesmo tempo que a administração Trump anunciava que ia proibir cidadãos estrangeiros que tenham estado no Brasil nos últimos 14 dias entrem nos Estados Unidos.

A covid-19 fez mais de 40 mil mortos na América Latina e nas Caraíbas, com o Brasil a contabilizar mais de metade dos óbitos na região, indicou um balanço da agência de notícias AFP.

De acordo com os dados oficiais divulgados no domingo, o Brasil é de longe o país mais afetado pela pandemia naquela zona do mundo, com 22.666 mortos e 363.211 casos, seguido pelo México, com 7.394 mortes e 68.620 casos, e o Peru, que registou 3.456 óbitos e 119.959 infeções. Só nas últimas 24 horas foram confirmadas 653 mortes e 15.183 mil novos casos de covid-19 no Brasil.

O país é também o segundo no mundo com maior número de casos da doença, indicou a Universidade norte-americana Johns Hopkins, atrás apenas dos Estados Unidos, que registam já mais de 1,6 milhões de casos da covid-19.

O número de mortos na América Latina e Caraíbas duplicou nas últimas duas semanas.

Segundo a Organização Internacional do Trabalho (OIT) e a Comissão Económica para a América Latina e as Caraíbas (Cepal), a crise económica provocada pela pandemia deverá fazer 11,5 milhões de desempregados naquela região, este ano.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

    • É uma questão de Cultura, nem imagina o poder das Seitas Evangélicas e a influencia que tem na mente de pessoas altamente influenciáveis !….Como já cheguei a dizer, os Brasileiros não elegeram um “Presidente” mas sim um Guru Psicopata !

  1. Fantoche inseguro a alardear “plenas liberdades” perante meia-dúzia de gatos-pingados. Nas verdadeiras democracias os presidentes têm necessidade de as publicitar?

RESPONDER

Disney+ alerta para estereótipos racistas. Filmes clássicos com avisos sobre "maus tratos"

Embora já exibisse mensagens padrão desde o ano passado, a nova plataforma de vídeo Disney+ mostra agora um aviso, que não pode ser passado à frente, no início de vários filmes clássicos - como Dumbo …

Curados da covid-19 continuam com sintomas meses depois de terem contraído o vírus

Um estudo da Universidade de Oxford indica que 64% dos pacientes hospitalizados com o novo coronavírus apresenta falta de ar 2 a 3 meses depois de serem infetados. E quase 40% tem sintomas de depressão. Já …

Portugal vai estar no Mundial sub-20 (sem jogar o apuramento)

Todas as fases do Europeu sub-19 foram canceladas e a seleção portuguesa foi uma das eleitas para participar no Mundial do próximo ano. Portugal já sabe que vai estar na fase final do Mundial sub-20 (se …

Novos implantes cardíacos podem salvar 10 mil vidas por ano

O chamado envelope antibiótico envolve o implante cardíaco e previne infeções no paciente. Por ano, morrem cerca de 10 mil pessoas devido a infeções geradas pelo implante. O pacemaker é um pequeno aparelho que é colocado …

Banda dá concerto com músicos e público envoltos em bolhas de plástico para evitar contágio

A banda norte-americana Flaming Lips utilizou bolhas insufláveis ​​de tamanho humano num concerto em Oklahoma, uma solução para proteger os músicos e o público do novo coronavírus, enquanto tenta encontrar uma forma segura para atuar …

EUA. Especialista diz que as próximas semanas "vão ser as mais negras de toda a pandemia"

Um especialista em doenças infecciosas disse que no caso dos Estados Unidos, as próximas seis a 12 semanas vão ser as mais negras de toda a pandemia de covid-19. Michael Osterholm, diretor do Centro de Investigação …

Chelsea inscreve... Petr Cech

Antigo guarda-redes poderá voltar aos relvados nesta época, embora seja pouco provável, para já. Petr Čech entrou em campo pela última vez em maio de 2019, há quase um ano e meio. Já tinha anunciado a …

Disparos de satélites e naves do Star Trek? Relatório revela como seria uma guerra no Espaço

A criação da Força Espacial dos Estados Unidos evocou todos os tipos de noções fantasiosas sobre o combate no Espaço. Assim, um novo relatório explica o que é física e praticamente possível quando se trata …

Japão prepara-se para lançar água tratada de Fukushima no mar

O Japão vai libertar mais de um milhão de toneladas de água tratada da usina nuclear de Fukushima no mar, numa operação que levará cerca de 30 anos para ficar concluída. Ambientalistas e pescadores locais …

Turismo de mergulho? Submarino da "frota perdida" de Hitler aguarda o seu destino no fundo do Mar Negro

Coberto por “redes fantasmas” deixadas por pescadores, os destroços de um submarino U-20 enviado para o Mar Negro pela Alemanha nazi tornou-se recentemente tema de um documentário produzido na Turquia. Localizado a uma profundidade de 20 …