“Valeixo sai nessa semana. Isto está decidido”. Depois do vídeo, divulgadas mensagens de Bolsonaro

Isac Nóbrega / PR

Depois de ter sido revelado o vídeo da reunião em que o Presidente do Brasil tenta trocar o comando da Polícia Federal, a imprensa brasileira divulgou mensagens escritas que podem comprometer Bolsonaro.

As mensagens divulgadas por vários jornais brasileiros comprovam que, no vídeo da reunião, o Presidente do Brasil Jair Bolsonaro estava a falar a propósito de Maurício Valeixo, diretor-geral da Polícia Federal, que já anteriormente tinha tentado afastar.

“Moro, o Valeixo sai essa semana”, escreveu Bolsonaro. “Isto está decidido”, escreveu numa segunda mensagem, no espaço de segundos. “Você pode dizer apenas a forma”, continuou o presidente brasileiro. “A pedido ou ex-ofício”.

Em resposta, o antigo ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, repondeu apenas: “Presidente, sobre esse assunto precisamos conversar pessoalmente. Estou à disposição para tanto”.

Dias depois, Sergio Moro demitiu-se, altura em que denunciou “pressões inaceitáveis” por Bolsonaro em relação à Polícia Federal, um órgão autónomo subordinado ao Judiciário, embora o seu diretor seja nomeado pelo Presidente da República.

Em causa está a conversa gravada numa reunião de ministros, ocorrida na sede da Presidência, em Brasília, e que foi citada no depoimento de Moro, que acusa Bolsonaro de alegada interferência na Polícia Federal. Na reunião, Bolsonaro teria exigido a troca do superintendente da Polícia Federal no Rio de Janeiro, a fim de evitar uma investigação a familiares e aliados.

A Advocacia-Geral da União (AGU) brasileira, órgão que defende o Executivo em processos judiciais, defendia que apenas fossem divulgadas as falas de Bolsonaro, mas a defesa de Moro pediu a divulgação total do conteúdo do vídeo.

Na sexta-feira, o pedido foi concedido e o vídeo divulgado na íntegra. Na reunião, após afirmar que não recebe informações da Polícia Federal nem de outros serviços de inteligência, Bolsonaro confirma interferência: “É uma vergonha. Eu não sou informado e não dá para trabalhar assim. Por isso, vou interferir. Ponto final.

Bolsonaro ameaçou interferir na Polícia Federal e disse que não ia esperar “f.” alguém da sua família ou dos seus amigos para tomar providências.

Por outro lado, Bolsonaro disse que o vídeo não apresenta “nenhum indício” da sua alegada interferência na Polícia Federal, acrescentando que “mais uma farsa foi desmontada”.

ZAP //

 

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Este, com o tentar “meter os dedos pelos olhos dentro” dos que – felizmente – não são como ele, faz-me lembrar o Salazar, embora o António fosse mais discreto.

  2. Talvez vá fazer companhia ao Lula !………….mas a seguir ..quem ?????. Aí é que está o problema ! . Os Brasileiros deveriam começar a por um anuncio nos Jornais “Procuram-se candidatos a Presidência da Republica” . COMPETÊNCIAS : Exige-se no mínimo a 4ª Classe, Registo Criminal (idoneidade), de preferência Solteiro sem filhos e Amigos (evita nepotismo), culto (evita verborreias) e de ideologia altruísta . …… Não vai ser fácil encontrar !!!!!!

    • Pois, de facto parece ser verdade.
      Que ao menos o cargo de presidente sirva como antecâmara para a prisão, e que a transição seja rápida.
      Sempre serve para libertar a sociedade de alguns criminosos. Um trabalho hercúleo, é verdade, mas na direcção certa.

RESPONDER

Cientistas criam material de "auto-reparação" mais resistente do mundo (e é perfeito para ecrãs de telemóveis)

Investigadores do Instituto Indiano de Educação e Investigação Científica (IISER, na sigla em inglês) podem ter encontrado o material perfeito para fazer os ecrãs de smartphones: transparente, resistente e que a capacidade de se "auto-curar" …

"A bitcoin vai criar a paz mundial"

A rainha das moedas digitais, se não construir a paz no planeta, vai ajudar na pacificação entre os seres humanos. É a opinião de Jack Dorsey. É o centro de atenções de muitos investidores, é o …

"Burrolandia". Parque temático de burros no México está a tentar salvar estes animais

Um parque temático de burros no México serve de santuário a estes animais que estão aos poucos a desaparecer no país. "O burro ajudou o homem por muito tempo. É hora de retribuirmos o favor", …

Uma mão robótica que joga Super Mario Bros na Nintendo? Sim, existe

Uma equipa de investigadores da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, imprimiu em 3D peças para criar uma mão robótica capaz de jogar Super Mario Bros na Nintendo.  A mão robótica é totalmente montada com circuitos …

"Narco Drones" apanhados a entregar drogas numa prisão chilena

Reclusos e cúmplices no exterior estão a usar drones para contrabandear droga para a prisão mais antiga do Chile. As autoridades chilenas descobriram que o esquema de contrabando tinha como objetivo transportar drogas para a Ex …

Erupção do vulcão Etna causa problemas económicos na Sicília

Nos últimos meses, o vulcão Etna tem estado em constante erupção e o custo de limpeza das cinzas está a deixar muitas cidades da Sicília à beira da falência. O vulcão Etna – um dos mais …

Argentina cria documento de identidade para pessoas não binárias

O Presidente da Argentina anunciou, esta semana, que o país tem um novo documento de identidade para incluir pessoas não binárias. É o primeiro país da América Latina a fazê-lo. De acordo com o chefe de …

Costa diz que Portugal vai ter "o dobro" de fundos comunitários para investir

O primeiro-ministro afirmou, este sábado, que Portugal vai contar, nos próximos sete anos, com "o dobro" de fundos comunitários para investimento, considerando que esta "é uma oportunidade única" que não pode ser desperdiçada. "Vamos ter a …

Chinesa morre após salvar a filha de deslizamento de terra. Bebé esteve 24 horas nos escombros

Uma mulher morreu após salvar o seu bebé quando um deslizamento de terra e uma forte inundação atingiram a sua casa na China, revelam as equipas de resgate. Como noticia a BBC, a bebé foi resgatada …

Caso Ihor. IGAI pede expulsão do ex-diretor de fronteiras do SEF

A Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI) já entregou ao ministro Eduardo Cabrita o relatório final do processo disciplinar contra o inspetor coordenador do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) António Sérgio Henriques, que propõe a …