A situação está a agravar-se e a última fronteira são os Cuidados Intensivos

Caroline Blumberg / EPA

Para já, vive-se um período de acalmia, mas a situação tende a agravar-se à medida que o número de novos casos de covid-19 continua a aumentar.

Nuno Germano, diretor dos cuidados intensivos do Hospital Curry Cabral, em Lisboa, não tem dúvidas de que a situação está a agravar-se de forma progressiva. “Prevejo muitas dificuldades na próxima semana“, avisou o responsável em declarações ao semanário Expresso.

O Centro Hospitalar Universitário Lisboa Central (CHULC), de que faz parte o Curry Cabral, tem 20 camas disponíveis para os casos mais críticos da pandemia. Para já, vive-se um período de acalmia, mas a situação tende a agravar-se à medida que o número de novos casos de covid-19 continua a aumentar.

Para Nuno Germano, um dos principais problemas será a falta de profissionais, sobretudo enfermeiros. Nesta unidade, é necessário contratar mais 25 e, dos que estão lá, alguns preferem trabalhar noutros locais ou vão ficando infetados.

O responsável considera que os critérios de admissão são determinantes para o resultado final, já que “a taxa de mortalidade dos doentes com covid-19 aumenta com a saturação dos cuidados de saúde”.

No Hospital Santa Maria, em Lisboa, a situação também parece controlada: todos os dias recebem mais um ou dois doentes, mas as entradas são compensadas com as altas. Desde o início da pandemia, os cuidados intensivos tiveram 32 doentes com covid-19.

Os primeiros sinais de maior pressão desta segunda onda surgem no norte. O Hospital de São João, no Porto, acionou esta semana o penúltimo nível do plano de contingência, ainda que nos cuidados intensivos a situação não seja crítica. “Ainda não se sente o aumento da procura, mas com certeza vai aumentar”, avisa José Artur Paiva, diretor daquela unidade.

A taxa de mortalidade dos casos críticos na primeira fase, quando foram tratados cerca de 130 doentes, foi de 18%.

A pior taxa de mortalidade entre os hospitais centrais acontece em Coimbra: 29,4%. “Precisamos de mais 45 camas para doentes com risco de agravamento. Na dúvida, internamos, o que nos penaliza”, explica Paulo Martins, diretor dos cuidados intensivos, que tem dez camas para a pandemia e 20 para doentes não-covid.

Neste centro hospitalar os critérios de admissão são mais latos do que os congéneres. “Não sei o que nos espera, mas o nosso plano permite-nos olhar para o futuro com alguma tranquilidade.”

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Tweet de Elon Musk afunda Bitcoins (e dá força à criptomoeda que nasceu como meme)

A Tesla vai deixar de aceitar Bitcoins como forma de pagamento. A revelação foi feita por Elon Musk numa publicação no Twitter e levou à queda do valor da criptomoeda no mercado. A par disso, …

Investigadores criam nova solução para óculos de realidade virtual e aumentada

Uma equipa de investigadores criou uma nova tecnologia para fornecer óculos de realidade virtual que não parecem "olhos de inseto". Num novo artigo publicado na Science Advances, os especialistas descrevem a impressão de ótica de forma …

Genética da população portuguesa pode explicar deficiência de vitamina D

Investigadores portugueses concluíram que a população portuguesa tem uma prevalência superior à média europeia de algumas alterações genéticas que levam a uma predisposição para o défice de vitamina D. Este estudo, coordenado pelo Centro Cardiovascular da …

Polónia quer comprar casa de campo francesa (para recuperar o legado de Marie Curie)

A Polónia quer comprar e renovar a casa de campo francesa de Marie Curie e transformá-la num museu, naquele que é um esforço para reivindicá-la como génio científico e pioneira polaca. Embora tenha nascido na Polónia, …

Min Nyo é jornalista, cobriu os protestos em Myanmar e foi condenado a 3 anos de prisão

Min Nyo, um jornalista birmanês de 51 anos, foi condenado a três anos de prisão pela sua cobertura dos protestos na sequência do golpe de Estado em Myanmar. Min Nyo, que trabalhava para a DVB (Voz …

McDonald's e Casa Branca unem-se para sensibilizar população a ser vacinada

Numa parceria com a Casa Branca, a cadeia de fast food norte-americana também está a dar o seu contributo para sensibilizar a população para a vacinação contra a covid-19. A ideia é promover informações relevantes sobre …

Voo "para lado nenhum" esgota em tempo recorde. Bastaram 2,5 minutos

A companhia aérea australiana Qantas vendeu os bilhetes para o próximo "voo para lugar nenhum" em tempo recorde: 2,5 minutos. A Qantas está a promover um novo "voo para lugar nenhum" que dará aos famintos por …

Todos queriam "O Senhor dos Anéis". Mas cinemas chineses foram obrigados a exibir filmes de propaganda

Pequim ordenou que os cinemas chineses divulgassem propaganda em homenagem ao Partido Comunista. Os cinéfilos do país, que clamam pelos filmes de Hollywood, revoltaram-se. A 1 de abril, no dia em que entrou em vigor um …

Presidente da República condecorou Jorge Coelho a título póstumo

Marcelo Rebelo de Sousa condecorou, a título póstumo, o antigo ministro e dirigente socialista Jorge Coelho com a grã-cruz da Ordem do Infante D. Henrique. O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, condecorou esta quinta-feira, …

Comer caladas, autocarro sem parque, pavilhão sujo: assim foi uma final europeia

Episódios quase inacreditáveis rodearam a final feminina da Taça EHF. O diretor da equipa vencedora conta tudo o que aconteceu (e há muito para contar). O Rincón Fertilidad Málaga conquistou a Taça EHF feminina desta época. …