11 contabilistas investigados por suspeitas de falsificação para aceder a apoios à covid-19

A Ordem dos Contabilistas Certificados revela que abriu inquéritos disciplinares a 11 profissionais por terem, alegadamente, cedido a pressões para falsificarem dados de facturação, de modo a permitir que empresas tivessem acesso às linhas de crédito do Estado no âmbito da pandemia de covid-19.

A revelação é feita pela bastonária da Ordem dos Contabilistas Certificados (OCC), Paula Franco, em declarações à TSF e à Rádio Renascença.

“Foram encaminhados processos para o Conselho Jurisdicional, na parte disciplinar, daqueles que tivemos conhecimento que cederam”, aponta Paula Franco, notando que “foram cerca de 11” os casos detectados.

A OCC já tinha denunciado a existência de situações em que alguns Bancos estariam a pressionar contabilistas para que “dessem um jeitinho” nas declarações sobre a facturação das empresas, de modo a permitir o acesso às linhas de crédito com a garantia do Estado.

Paula Franco sublinha que a OCC também apresentou queixa no Ministério Público, mas a bastonária refere que “as pressões continuam”.

“Esperemos que com uma avaliação séria do Ministério Público estas situações comecem a deixar de ser uma questão”, acrescenta.

A bastonária também nota que estão em causa contabilistas “que foram substituídos por outros que cederam a essa pressão, quando o contabilista original não cedia“.

“Se existirem realmente provas dessas situações serão aplicadas sanções aos contabilistas que o fizeram”, promete ainda Paula Franco.

A bastonária aproveita para notar a gravidade da situação pelo facto de as linhas de apoio à covid-19 serem financiadas “com dinheiros públicos, isto é, as garantias são do Estado”.

“Somos todos nós que, se estes contribuintes não cumprirem as suas obrigações, vamos pagar”, conclui.

ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Corrupção, corrupção e mais corrupção; em quem podemos confiar?
    – Senhores legisladores, abandonem alguns esquemas (caso os tenham…), encham-se de coragem e comecem a luta, mas à séria!

  2. Parabéns, Senhora Bastonária pela pedra que atirou ao charco da mentira, corrupção e encobrimento existente neste país, a começar pelos nossos políticos sem honra e dignidade.

  3. Ó Carlos “à séria” não dá, tem que ser “a sério”, como manda a gramática, para produzir efeito!!! Cá temos a banca a fazer o seu grande papel. Podia lá deixar de ser!

  4. A ser verídico o conteúdo da Notícia (sim, poque hoje temos muitos motivos para não confiar no que é publicado), também gostaria de expressar os meus parabéns à Senhora Bastonária da OCC, e desejar que prossiga o seu trabalho de combate à corrupção neste pobre país. Se assim não for, teremos que fazer uma limpeza da geração corrupta e lá colocar uma nova geração, que já nasceu fora das malhas da corrupção e quer combater as injustiças sociais que observa à sua volta, e que não consegue compreender.

    • Concordo com o facto de saudar a iniciativa da Sra Bastonária da OCC. Mas fico intrigado em saber quem é essa virtuosa “nova geração que já nasceu” fora das malhas da corrupção.

  5. Não sei porquê, esta onda de honestidade. Se professores são obrigados a inventar doenças para não estarem sujeitos ao contagio, só porque todo apoio do Estado é medido na balança de soluções forretas, então porque não optam pelas quais não é preciso mentir? Ou, num País da Grande Mentira, só os contabilistas são santos (ou seja, disciplinados com ameaças de grandes multas)?

RESPONDER

“Abuso de funções”. BE acusa Centeno de estar a "condicionar" as negociações do OE

As recomendações do governador do Banco de Portugal sobre as políticas que o país deve seguir, nomeadamente a estabilidade da legislação laboral, não caíram bem à esquerda. Em declarações ao ECO, o Bloco de Esquerda não …

Aberto inquérito-crime ao atropelamento mortal com carro de Cabrita. Não há câmaras no local do acidente

A GNR já está a investigar as circunstâncias do atropelamento mortal com um carro onde seguia o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita. Mas o inquérito-crime não poderá contar com imagens das câmaras de video-vigilância …

Nuno Mendes e João Félix fora do jogo com a Alemanha

Os jogadores Nuno Mendes e João Félix vão ficar fora do jogo deste sábado frente à Alemanha devido a uma mialgia muscular. Ambos vão assistir ao encontro na bancada e devem recuperar a tempo de defrontar …

Antigo governador civil desmente Medina (que explicou sem explicar o envio de dados a embaixadas)

O último governador civil de Lisboa, o socialista António Galamba, desmente Fernando Medina, presidente da Câmara de Lisboa, no âmbito das conclusões da auditoria ao envio de dados de manifestantes para embaixadas estrangeiras. E há …

Portugueses burlados em Munique. PSP alerta para a venda de bilhetes falsos

No dia em que Portugal joga contra à Alemanha na capital da Baviera, a PSP alertou que vários portugueses estão a ser burlados com a venda de bilhetes falsos para a partida. O intendente Pedro Colaço …

Correos Express "passa a perna" aos CTT. Empresa quer conquistar Portugal para ter oferta ibérica na Ásia

A empresa espanhola concorrente dos CTT está a monopolizar as entregas ibéricas. Em 2019, comprou 51% da unidade de transporte expresso do grupo logístico Rangel e quer ter centros de distribuição em todo os distritos …

Autoridades passam 25 multas no primeiro dia de confinamento em Lisboa

As autoridades policiais passaram 25 autos de contraordenação no primeiro dia de confinamento da Área Metropolitana de Lisboa. Desde as 15h da tarde de ontem que é proibido entrar ou sair da AML, embora existam várias …

Ricardo Salgado queria afastar juíza por ser sobrinha de Ana Gomes

Um dos julgamentos que Salgado enfrenta é no Tribunal da Concorrência, Regulação e Supervisão (TCRS) de Santarém por causa de coimas que lhe foram aplicadas pelo Banco de Portugal. O ex-banqueiro tentou atrasar o julgamento …

Afinal, Darwin poderá ter-se enganado em relação à seleção sexual

Um novo estudo sugere que Charles Darwin poderá ter-se enganado parcialmente em relação à teoria da seleção sexual. Charles Darwin foi um cientista cuidadoso. Em meados do século XIX, enquanto procurava evidências para a sua teoria …

“Não temos um presidente". Moedas arrasa Medina após divulgação da auditoria à CML

A auditoria interna da Câmara Municipal de Lisboa, apresentada ontem por Fernando Medina, está longe de pôr fim à polémica em torno do envio de dados pessoais de manifestantes a embaixadas estrangeiras. O presidente da Câmara …