Ursula Von der Leyen foi a Estrasburgo tentar ganhar a confiança dos eurodeputados

Patrick Seeger / EPA

Ursula Von Der Leyen, ministra da Defesa alemã

A candidata indicada pelos líderes europeus para a presidência da Comissão Europeia deslocou-se a Estrasburgo, em França, para se apresentar aos eurodeputados. Os encontros com Socialistas e Verdes não se concretizaram.

Ursula von der Leyen foi o nome indicado na terça-feira pelos líderes dos 28 Estados-membros da União Europeia (UE) para suceder ao luxemburguês Jean-Claude Juncker na presidência da Comissão Europeia.

Para tentar ganhar a confiança do Parlamento Europeu, a atual ministra da Defesa alemã deslocou-se, esta quarta-feira, a Estrasburgo, em França, onde esta semana se sentaram pela primeira vez os eurodeputados eleitos nas eleições europeias de maio passado.

“É aqui que bate o coração da democracia europeia”, afirmou a ministra alemã, depois de um breve encontro com o italiano David Sassoli, que ontem foi eleito presidente do PE.

Tenciono ouvir muito, de forma a desenvolver, nas próximas duas semanas, um diálogo com o Conselho e o Parlamento, uma visão para os próximos cinco anos para a Europa”, declarou von der Leyen em declarações à imprensa.

Após uma campanha para as eleições europeias “longa e difícil”, é agora “decisivo mostrar a nossa unidade e paixão comum pela Europa, que é tão importante neste mundo e que deve ser audível e visível”, disse ainda.

Durante um encontro com os deputados do Partido Popular Europeu (PPE), a sua família política, a alemã “foi principalmente apresentada, e também explicou a respetiva carreira”, disse uma fonte parlamentar, citada pelas agências internacionais. “Falou em três línguas [alemão, inglês e francês]” e “respondeu a algumas perguntas”, afirmou a mesma fonte.

A alemã, que chegou a ser considerada como a sucessora da chanceler Angela Merkel, tentou também contactar com os Socialistas e os Verdes, no entanto, segundo apurou o Expresso junto de fonte parlamentar, os dois grupos não se mostraram disponíveis.

Para se tornar a primeira mulher presidente da Comissão Europeia, a vice-presidente da União Democrata-Cristã (CDU) terá de conseguir a aprovação do Parlamento Europeu numa votação prevista para 17 de julho. Se não tiver pelo menos 376 votos dos 751 eurodeputados, não será eleita e os líderes europeus terão de apresentar um outro nome.

No acordo alcançado pelos Vinte e Oito, ficou ainda decidido que o belga Charles Michel assumirá a presidência do Conselho Europeu, o espanhol Josep Borrell o cargo de Alto Representante da UE para a Política Externa e a francesa Christine Lagarde o Banco Central Europeu (BCE).

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Em 1925, "O Isolador" prometia bloquear qualquer tipo de distração

Procrastinar foi, é e sempre será um passatempo irresistível. Por isso, nos anos 20, houve quem apresentasse uma solução radical para evitar este problema: "O Isolador". De acordo com o site IFLScience, o chamado "Isolador" foi …

Seca no México revela uma igreja submersa há 40 anos

Uma igreja no estado de Guanajuato, no México, sobrevive entre a água e os peixes, como única testemunha de um povoado inundado por uma barragem há mais de 40 anos. Agora, devido à seca que …

Neymar prolonga contrato com o Paris Saint-Germain até 2025

O avançado internacional brasileiro Neymar renovou contrato com o Paris Saint-Germain até 30 de junho de 2025, informou hoje o tricampeão francês e vice-campeão europeu de futebol. “O Paris Saint-Germain tem o prazer de anunciar que …

Países usaram modelo do queijo suíço para conter a covid-19. Na Índia, alguns "buracos" eram demasiado grandes

A grande maioria dos países adotou a estratégia do queijo suíço para responder à pandemia. Na Índia, os "buracos" eram demasiado grandes em três das camadas mais importantes. Para responder à crise sanitária desencadeada pela covid-19, …

Primeira-ministra da Escócia declara que "haverá maioria pró-independência" no parlamento

A primeira-ministra da Escócia, Nicola Sturgeon, declarou hoje vitória nas eleições regionais, afirmando que "haverá uma maioria pró-independência" no parlamento escocês. Com as projeções a indicarem que o Partido Nacional Escocês (SNP), que lidera, foi o …

SOS Rio Paiva pede que se limite o número de visitantes à ponte e Passadiços do Paiva

A associação SOS Rio Paiva manifestou-se preocupada com o aumento da pressão turística e com a poluição, na sequência da inauguração da ponte suspensa em Arouca, e pediu que se limite o número de visitantes. A …

O seu antigo número de telemóvel pode ser usado para pirateá-lo

O seu antigo número de telemóvel pode ser usado para pirateá-lo, caso este ainda esteja associado a contas em sites ou redes sociais. Embora milhões de números de telemóvel sejam desconectados todos os anos, um novo …

Ataque à bomba contra escola feminina em Cabul faz 30 mortos e 79 feridos

A explosão de uma bomba junto a uma escola secundária para raparigas na zona ocidental de Cabul fez hoje pelo menos 30 mortos e 79 feridos, segundo um novo balanço feito pelas autoridades afegãs. “O número …

Tamám Shud. Exumação de corpo pode resolver um estranho mistério com 70 anos

As autoridades da Austrália aprovaram uma exumação do corpo de Tamám Shud - ou "Homem de Somerton" - e, em breve, o mistério de 70 anos pode estar resolvido. Em 30 de novembro de 1948, vários …

Costa, Von der Leyen na Cimeira Social no Porto

Vacinação no bom caminho com 25% da população da UE vacina

A Comissão Europeia anunciou este sábado que 200 milhões de doses de vacinas anticovid-19 chegaram já à União Europeia (UE) e 160 milhões de europeus já receberem a primeira dose, levando a que a vacinação …