Governo ucraniano volta a pedir caixa negra de avião comercial derrubado no Irão

Abedin Taherkenareh / EPA

Queda de um Boeing 737-800 no Irão

O ministro ucraniano dos Negócios Estrangeiros, Dmitri Kuleba, insistiu esta segunda-feira junto do homólogo iraniano para que o Irão entregue as caixas negras do avião comercial da Ucrânia derrubado há três meses em Teerão e que Kiev nunca recebeu.

Num contacto telefónico com o ministro dos Negócios Estrangeiros do Irão, Mohammad Javad Zarif, Kuleba “insistiu na entrega das caixas negras à Ucrânia, no cumprimento da Convenção de Chicago (sobre a aviação civil internacional)”, refere uma nota da diplomacia de Kiev.

No passado mês de fevereiro, o ministro iraniano da Defesa, Amir Hatani, disse que a caixa negra do avião que foi derrubado por um míssil “estava gravemente danificada” e que tinha de ser reparada antes de ser descodificada.

Zarif indicou a Kuleba que Teerão pretende investigar a tragédia “o mais depressa possível” para que sejam esclarecidas todas as circunstâncias do incidente, apontar os responsáveis para que sejam julgados.

O chefe da diplomacia do Irão recordou que várias pessoas foram detidas durante as investigações. Kubela insistiu também na necessidade de indemnizar as famílias das vítimas.

A bordo do Boeing 737 da UIA viajavam 176 pessoas: 82 iranianos, 63 canadianos e 11 ucranianos (dois passageiros e nove tripulantes), dez suecos, quatro afegãos, três alemães e três britânicos.

O aparelho despenhou-se no sul de Teerão no passado dia 8 de janeiro, atingido por um míssil iraniano depois de ter descolado do aeroporto internacional Imã Komeni, com destino a Kiev.

O derrube do avião comercial ucraniano, que o Irão qualificou de acidental, ocorreu depois do ataque com mísseis contra bases aéreas onde estão instalados militares norte-americanos no Iraque.

Segundo Teerão, tratou-se de uma resposta contra o assassínio do general Suleiman que comandava a Guarda Revolucionária, dias antes, em Bagdad. O oficial iraniano foi morto por um míssil disparado pelos Estados Unidos.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Há 60 anos, Richard Nixon tricou uma sanduíche (e este homem guardou-a desde então)

Há 60 anos, o então vice-Presidente dos Estados Unidos, Richard Nixon, trincou uma sanduíche - e Steve Jenne, um homem que vive em Illinois, guardou-a os restos desde então. De acordo com o The New York …

Coreia do Norte adverte Sul para não procurar nas suas águas oficial assassinado

A Coreia do Norte pediu hoje à Marinha sul-coreana que deixe de entrar nas suas águas territoriais, numa altura em que Seul procura recuperar o corpo de um oficial sul-coreano morto a tiro no mar …

"Um abandonar dos utentes". Centros de saúde atiram pacientes para farmácias e privados

Sem resposta nos centros de saúde, vários utentes vêm-se obrigados a recorrer ao setor privado e a farmácias. A Entidade Reguladora de Saúde já recebeu várias reclamações. Face à pandemia de covid-19, os centros de saúde …

Polícia treinou uma cadela para farejar provas eletrónicas

No Minnesota, Estados Unidos, a polícia treinou uma cadela para farejar dispositivos eletrónicos. Sota já ajudou a encontrar provas em dez crimes. A polícia estatal do Minnesota treinou uma cadela labrador britânica para farejar dispositivos eletrónicos, …

Trabalhistas lideram primeira sondagem desde que Boris chegou ao poder

O partido do primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, situa-se hoje, pela primeira vez desde que chegou ao poder, atrás da oposição trabalhista nas intensões de voto, o que estará relacionado com a gestão da crise pandémica, …

Sporting vagueia mercado à procura de um avançado

Šporar, Luiz Phellype e Tiago Tomás não satisfazem as necessidades de Rúben Amorim, que quer trazer mais um avançado para o plantel antes do fecho do mercado de transferências. A janela de transferências está prestes a …

Transportes públicos são "ponto nevrálgico" da transmissão da covid-19

O infeciologista Jaime Nina defendeu hoje que é necessário quadruplicar a oferta dos transportes públicos para permitir a distância necessária entre os passageiros, considerando que são um “pontos nevrálgico” da transmissão da covid-19. "Os transportes públicos …

Estão a chegar os aviões movidos a hidrogénio. A Airbus é pioneira (e já está a trabalhar em três aeronaves)

Na passada segunda-feira, a Airbus apresentou três conceitos de aviões movidos a hidrogénio. A empresa quer estar na linha da frente no que toca às mudanças na indústria da aviação, e tem como objetivo pôr …

Fernando Pimenta com medalhas de ouro e prata na Taça do Mundo de Szeged

O canoísta português Fernando Pimenta conquistou o ouro em K1 1.000 metros e a prata em 500 metros na Taça do Mundo de Velocidade de Szeged, num dia com 'metais' também para Joana Vasconcelos e …

Após ataque ao Charlie Hebdo, França está "em guerra contra o terrorismo islâmico"

O ministro do Interior francês, Gérald Darmanin, alertou este domingo que a França está “em guerra contra o terrorismo islâmico”, dois dias depois do ataque junto às antigas instalações do jornal satírico Charlie Hebdo. “O Ministro …