Turmas repartidas e aulas ao sábado. O que muda no novo normal do Ensino Superior

Rodrigo Antunes / Lusa

Para o regresso às aulas do Ensino Superior no próximo ano letivo, as universidades estão a preparar medidas que permitam cumprir as regras sanitárias e zelar pela aprendizagem dos seus alunos.

Se tudo correr como planeado, as instituições de Ensino Superior esperam começar o novo ano letivo em setembro, como é habitual. Obviamente, tudo dependerá da evolução da pandemia em Portugal, mas o objetivo parece ser consensual: garantir que todos os alunos vão à faculdade.

Para tal acontecer será necessário fazer algumas mudanças para cumprir as regras sanitárias e evitar a proliferação do vírus. Para evitar uma concentração excessiva de estudantes nas salas de aula, a Universidade Nova de Lisboa vai partir as turmas em três e haverá rotação entre grupos, escreve o Expresso.

Assim, numa aula teórico-prática, enquanto um grupo está com o professor, os outros estão a assistir à distância. As aulas serão gravadas e disponibilizadas numa plataforma online, juntamente com qualquer material de apoio usado pelo docente. Além disso, haverá ainda uma área para perguntas e respostas.

A Universidade de Lisboa, por sua vez, antecipa três cenários possíveis. O primeiro, o menos provável, prevê um regresso ao modelo anterior à pandemia, significando que o vírus teria sido erradicado do país. O segundo põe em hipótese o regresso ao ensino à distância, usado nos últimos meses deste ano letivo. O terceiro seria semipresencial, que o reitor António Cruz Serra admite ser “mais provável e mais trabalhoso”.

Para cumprir a distância de segurança, as turmas serão reorganizadas. O que é ponto assente é evitar anfiteatros cheios de estudantes: “Não me parece que haja condições”.

O reitor da Universidade do Porto, António Sousa Pereira, critica a Direção-Geral da Saúde (DGS) por não emitir novas orientações para o Ensino Superior.

“As que estão em vigor, preveem dois metros radiais em torno de cada pessoa e isso inviabiliza por completo o funcionamento da Universidade. Um auditório para 300 pessoas fica com capacidade para 20. Nem as salas de espetáculo funcionam assim. Para essas a DGS permite uma ocupação cadeira sim, cadeira não”, disse em declarações ao Expresso.

Na Universidade do Porto, admite-se ainda a redução do número de horas das aulas práticas, para além da separação das turmas em grupos. A esperança de António Sousa Pereira é que, conhecendo melhor o vírus agora, seja possível funcionar o mais normalmente possível no próximo ano.

O reitor portuense rejeita ainda a hipótese de regressar integralmente ao ensino à distância: “O ensino à distância como alternativa não tem pés nem cabeça. É e deve ser um método complementar. Não podemos dizer que é muito importante ter a investigação dentro das universidades e depois manter os alunos à distância”.

Para facilitar o cumprimento das regras de distanciamento social, a Universidade do Minho prevê alargar os horários de funcionamento. Complementarmente, parte do funcionamento dos cursos e das horas de contacto entre professores e alunos terá de ser não presencial.

“Vamos garantir a utilização intensiva dos espaços, entre as 8h e as 20h, incluindo o sábado na semana letiva”, disse o reitor da instituição minhota.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Deputada da Coreia do Sul debaixo de fogo. Usou um vestido no Parlamento

Na semana passada, a deputada sul-coreana Ryu Ho-jeong usou um vestido numa assembleia legislativa, sendo bombardeada com críticas que gerou um debate sobre sexismo e a cultura patriacal do país. De acordo com a CNN, na …

SC Braga oficializa "top gun" Gaitán por duas temporadas

O internacional argentino Nicolas Gaitán assinou um contrato com o Sporting de Braga válido por uma época, com outra de opção, informou esta terça-feira o clube minhoto da I Liga de futebol. Formado no Boca Juniors, …

Vacina russa chama-se "Sputnik V" e foi já pedida por 20 países

A vacina russa contra a covid-19, cujo registo foi esta terça-feira anunciado pelo Presidente, Vladimir Putin, chama-se "Sputnik V", vai começar a ser fabricada em setembro e já foi encomendada por 20 países. De acordo com …

Rui Pinto no Twitter: "Travessia do deserto” terminou mas a “luta continua”

Rui Pinto assumiu que a “árdua e longa ‘travessia do deserto’” chegou ao fim, aludindo à sua libertação, mas avisou que “a luta continua”, pois Portugal “continua um paraíso para a grande corrupção” e branqueamento …

PJ deteve suspeita de atear fogo florestal no Parque Nacional da Peneda-Gerês

A Polícia Judiciária (PJ) de Braga deteve uma mulher de 57 anos suspeita de atear um incêndio florestal registado em 4 de agosto no Parque Nacional da Peneda-Gerês (PNPG), no concelho de Terras de Bouro. Em …

Mais duas mortes e 120 novos casos. Lisboa com 60% dos novos infetados

Portugal regista esta segunda-feira mais duas mortes, 120 novos casos de infeção por covid-19 e 160 curados em relação a segunda-feira, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS). O número de pessoas internadas é …

Encontrado cadáver com 30 anos em mansão abandonada em Paris

As obras de reforma numa mansão abandonada em Paris tiveram de ser suspensas inesperadamente depois de trabalhadores terem descoberto um cadáver a decompor-se na cave há 30 anos. De acordo com o jornal britânico The Guardian, …

Quase cem mil crianças contraíram a covid-19 em apenas duas semanas nos Estados Unidos

Noventa e sete mil crianças norte-americanas foram identificadas como infetadas com o novo coronavírus (covid-19) nas últimas semanas de julho. Os números relativos a estas duas semanas são avançados pela empresa norte-americana, que cita um relatório …

A1 terá novo acesso em Grijó no sentido sul/norte em 2021

A autoestrada A1 terá em 2021 um novo acesso em Grijó, concelho de Vila Nova de Gaia, no sentido sul/norte, revelou esta segunda-feira o presidente da autarquia que acredita que, com este projeto, o nó …

Tiros em frente à Casa Branca levam à retirada de Trump de conferência de imprensa

Um agente do Serviço Secreto retirou, esta segunda-feira, o Presidente norte-americano da sala na Casa Banca na qual estava a começar uma conferência de imprensa. O período em que Donald Trump esteve fora da sala foi …