Jornalista desaparecido: Trump promete “castigo severo” para sauditas

Donald Trump admitiu que a Arábia Saudita pode estar envolvida no desaparecimento do jornalista Jamal Khashoggi e prometeu um “castigo severo” que, garantiu, não passa pela limitação de venda de armas.

Donald Trump, Presidente dos Estados Unidos, admitiu este sábado que a Arábia Saudita possa estar por detrás do desaparecimento do jornalista Jamal Khashoggi e advertiu que, se for esse o caso, haverá um “castigo severo”.

“Vamos investigar o desaparecimento até ao fim e haverá um castigo severo”, disse o presidente norte-americano numa entrevista à televisão CBS gravada na quinta-feira e de que foram divulgados excertos.

Trump afirmou que os dirigentes sauditas “negam de todas as maneiras que se possa imaginar” a alegação de que o jornalista saudita tenha sido morto no consulado da Arábia Saudita em Istambul, mas acrescentou: “Podiam ser eles? Sim”.

Na entrevista, que vai ser difundida no próximo domingo à noite na íntegra, Trump diz que o caso é especialmente grave “porque este homem era um jornalista”, admitindo que pode ser “uma surpresa” ouvi-lo dizer isso, numa aparente referência às numerosas ocasiões em que atacou a imprensa.

O presidente norte-americano voltou contudo a excluir uma limitação da venda de armamento pelos Estados Unidos ao reino saudita, afirmando que “há outras maneiras de castigar” o país.

Jamal Kashoggi, um jornalista saudita crítico do regime de Riade a residir há algum tempo nos Estados Unidos, onde escrevia nomeadamente para o Washington Post, desapareceu a 2 de outubro depois de entrar no consulado saudita em Istambul, na Turquia.

Segundo o Washington Post, o governo turco informou as autoridades norte-americanas de que tem registos áudio e vídeo que mostram que o jornalista foi morto dentro do consulado.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Real Madrid de Lopetegui é já o pior de sempre da história do clube

O Real Madrid registou este sábado um recorde negativo em toda a história do clube, ao estar 481 minutos sem apontar um golo, o que supera a marca de 464 minutos que perdurava desde a …

Animais da União Zoófila em risco de ficar sem comida

A União Zoófila disse estar a ficar sem ração para alimentar os animais, por ter enfrentado "dificuldades para organizar campanhas em grandes superfícies". Esta quinta-feira, a União Zoófila  afirmou ter ração apenas para mais dois dias, …

Tancos. Marcelo garante desconhecer factos sobre reaparecimento das armas

O presidente da República garantiu este sábado à Lusa desconhecer os factos na base do desaparecimento e reaparecimento das armas de Tancos, recordando que tem insistido no esclarecimento de “toda a verdade, doa a quem …

Director da PJ apanhado a avisar PJM da investigação no caso Tancos

Escutas telefónicas efectuadas no âmbito da Operação Húbris, que investiga o modo como foram recuperadas as armas roubadas em Tancos, terão apanhado o então director da Polícia Judiciária (PJ), Almeida Rodrigues, a alertar o director …

Fotografias dos suspeitos que fugiram do tribunal investigadas

O ministro da Administração Interna determinou esta sexta-feira a abertura de um inquérito para apurar os contornos da fuga de três homens do Tribunal de Instrução Criminal (TIC) do Porto, bem como sobre a divulgação …

Portugueses vão pagar mais 15% em taxas e taxinhas em 2019

O Governo conta amealhar mais de 3 mil milhões de euros em 2019, com taxas, multas, juros e outras penalidades, conforme está inscrito no Orçamento de Estado para o próximo ano. Trata-se de um crescimento …

Parlamento da Macedónia aprova mudança de nome do país

O parlamento da Macedónia aprovou na sexta-feira o lançamento do processo para mudar na Constituição o nome do país para "República da Macedónia do Norte”, primeiro passo para pôr fim ao diferendo com a Grécia. "O …

Tribunal Superior Eleitoral do Brasil abre investigação à campanha de Bolsonaro

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) do Brasil aceitou uma ação proposta pelo Partido dos Trabalhadores (PT) contra a candidatura de Jair Bolsonaro para investigar um suposto esquema ilícito de distribuição em massa de mensagens através …

Arábia confirma morte de Khashoggi no consulado. Foi durante "uma luta"

A Arábia Saudita reconheceu esta sexta-feira que o jornalista saudita Jamal Khashoggi foi morto no seu consulado em Istambul, na Turquia, durante uma luta, referindo que 18 sauditas estão detidos como suspeitos. "Investigações preliminares realizadas pelo …

Marido da nova ministra da Saúde renuncia a cargo que tinha no setor

O presidente do Conselho Nacional de Saúde, Jorge Simões, renunciou ao cargo invocando “motivos pessoais”, disse esta sexta-feira à agência Lusa fonte oficial do Ministério da Saúde. Numa resposta à Lusa, o gabinete da ministra da …