Tribunal atribui a Rosa Grilo autoria do disparo que terá matado o triatleta

António Pedro Santos / Lusa

O Tribunal de Loures, em Lisboa, revelou esta quinta-feira que fez mais alterações à acusação pública de Rosa Grilo, atribuindo à mulher a autoria do disparo que terá matado o seu marido, o triatleta Luís Grilo.

A informação é avançada esta sexta-feira pelo Correio da Manhã e pelo Observador, que contam que a juíza disse ter existido um erro informático e que por esse mesmo motivo se esqueceu de anunciar uma alteração à acusação pública: onde se lia que foi António Joaquim a disparar deve ler-se que foi Rosa Grilo, dizem os juízes.

O Observador precisa que foi um lapso informático que fez com a alteração não fosse registada, não sendo esta por isso anunciada pela juíza. O jornal frisa que esta alteração não implica automaticamente que esta seja a alteração final do tribunal até porque estes factos, mesmo alterados, podem ser dados como não provados.

As “alterações não substanciais” da acusação, anunciadas pelo tribunal a 10 de janeiro, atribuíam a Rosa Grilo a decisão de matar o seu marido, teria sido a autora moral. António Joaquim, o seu alegado amante, era referido como o autor do disparo.

A nova alteração atribuiu agora a Rosa Grilo a autoria do disparo.

Face às alterações anunciadas, a juíza deu três dias às defesas para se pronunciarem, dizendo que se quiserem produzir novas provas terão de o fazer já na terça-feira, data em que o julgamento de Rosa Grilo e António Joaquim continua.

O julgamento vai prosseguir na terça-feira, com a inquirição de duas testemunhas, segundo um despacho do tribunal de Loures, a que a agência Lusa teve acesso.

Em resposta a um pedido da defesa de Rosa Grilo, o tribunal admitiu a inquirição de duas testemunhas, advertindo que “apenas se permitirá que sejam ouvidas relativamente à matéria factual que integra a alteração não substancial”, que foi comunicada em 10 de janeiro, data em que estava marcada a leitura do acórdão.

O crime terá sido cometido para poderem assumir a relação amorosa e beneficiarem dos bens da vítima – 500.000 euros em indemnizações de vários seguros e outros montantes depositados em contas bancárias tituladas por Luís Grilo, além da habitação.

Ambos estão a ser acusados pelos procuradores dos crimes de homicídio qualificado agravado, profanação de cadáver e detenção de arma proibida.

O corpo foi encontrado com sinais de violência e em adiantado estado de decomposição, mais de um mês após o desaparecimento, a cerca de 160 quilómetros da sua casa, na zona de Benavila, concelho de Avis, distrito de Portalegre.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. calunhas, foram 3 angolanos, eu vi, coitada da senhora, desculpa as senhoras por dizer senhora a coitadinha da gorda, como pode ser tão lenta a justiça

RESPONDER

Operação "Páscoa em Casa" já arrancou. Até segunda-feira, não pode sair do seu concelho de residência

Circulação proibida fora do concelho de residência e aeroportos encerrados. Arrancou à meia-noite desta quinta-feira a aplicação das medidas decretadas pelo Governo para o período pascal - 9 a 13 de abril -, visando reduzir …

Encontrado no fundo do mar um organismo "sobrenatural" tão grande como um prédio de 11 andares

Uma equipa de investigadores capturaram imagens de um organismo "sobrenatural" nas águas da costa da Austrália Ocidental. Uma equipa a bordo de RV Falkor, o navio de investigação principal do Schmidt Ocean Institute, localizou o organismo, …

Há 1.400 anos, uma estranha luz vermelha apareceu no Japão (e já sabemos o que era)

O registo mais antigo de um fenómeno astronómico observado no Japão deixou uma marca importante na história japonesa e na literatura clássica. O fenómeno data de 30 de dezembro de 620 e há séculos que …

Cientistas convertem água em combustível solar

Uma equipa de investigadores britânicos usou uma metodologia única que permite transformar água em combustível solar, que pode ser uma solução para energia renovável. Esta metodologia única utilizada por uma equipa de cientistas da Universidade de …

"Em Casa d’Amália": RTP comemora cententário da fadista

A Fundação Amália Rodrigues junta-se à RTP para assinalar o centenário da fadista. O programa Em Casa d’Amália tem estreia marcada para a próxima sexta-feira (10) e reúne várias figuras da música portuguesa da atualidade. O …

Desapareceram 21 milhões de números de telefone na China. Mas o mistério foi resolvido

O porta-voz de uma das três maiores operadoras chinesas confirmou o desaparecimento dos utilizadores, mas deu uma explicação para este mistério. Nos últimos dias, surgiram vários relatos de notícias que davam conta de que, entre janeiro …

Mercadona doa 20 mil quilos de chocolate aos profissionais de saúde e aos mais carenciados

A Mercadona anunciou, esta quarta-feira, a doação de 20 mil quilos de chocolate ao Banco Alimentar Contra a Fome do Porto. O objetivo é proporcionar uma Páscoa mais doce aos mais carenciados e aos que …

"Paciente 1" em Itália recupera (e dá as boas-vindas a Giulia, a sua filha recém-nascida)

Giulia, a filha recém-nascida do "paciente 1" de Itália, veio para trazer alguma esperança ao país, em plena pandemia de covid-19. Mattia, de 38 anos, foi internado no dia 20 de fevereiro no hospital de Codogno, …

Investigadores transformaram o coronavírus em música (e já o podemos ouvir)

Uma equipa de investigadores do Instituto de Tecnologia de Massachussets (MIT) conseguiu transformar em som a estrutura da proteína spike, que permite que o novo coronavírus adira às células para infetá-las. Até agora, já pudemos ver …

Autoeuropa quer recorrer ao lay-off (e retomar produção a 20 de abril)

A administração da Autoeuropa quer promover um regresso gradual ao trabalho a partir de 20 de abril, pretendendo recorrer ao lay-off simplificado para os trabalhadores que não regressem ao trabalho nessa data. “O regresso ao trabalho …