Temido garante que “não haverá exceções” para o Avante (e pede cautela com vacina russa)

Mário Cruz / Lusa

A ministra da Saúde defendeu esta quarta-feira que a lotação da Festa do Avante!, organizada pelo PCP, terá este ano que ser inferior à capacidade máxima de 100 mil pessoas do recinto no Seixal, por causa da covid-19.

“É evidente que estamos a falar, teremos que falar de outros números”, declarou Marta Temido na conferência de imprensa de acompanhamento da pandemia, acrescentando: “compreendo que se fale de um número de 100 mil, na medida do que será a licença de utilização, mas estamos num momento específico, num contexto específico”.

A ministra assegurou que à organização da Festa do Avante! “não será permitido o que está proibido nem proibido o que está permitido” e que “não haverá exceções” às regras adotadas pelas autoridades de saúde para conter o contágio pelo novo coronavírus.

“Tem estado a ser realizado um trabalho técnico. Esta é uma avaliação que é técnica, o que posso dizer é que não haverá exceções. Portanto, há aqui uma organização que engloba um conjunto de áreas de atividade que têm regras”, afirmou.

E acrescentou: “Ninguém entenderia que corrêssemos riscos adicionais por uma circunstância de tratamento especial”.

Cautela com a vacina russa

Na mesma conferência, a ministra da Saúde partilhou as reservas da Organização Mundial de Saúde (OMS) quanto à vacina para a covid-19 anunciada pela Rússia, afirmando que não se pode sacrificar “segurança e eficácia” em nome da rapidez.

“É muito importante acelerar o processo de investigação em relação à descoberta de uma vacina eficaz, mas não podemos, nesse processo, sacrificar nem a segurança nem a eficácia terapêutica”, declarou Marta Temido.

A ministra indicou que relativamente à vacina Sputnik V, a primeira para a covid-19 a ser anunciada, “há factos que têm sido referidos, que a fase 3 [de testagem na comunidade] não terá sido, eventualmente, totalmente realizada”.

Por outro lado, “ninguém está disponível para desperdiçar a oportunidade de ter um instrumento que ajude a responder a esta doença”, admitiu.

Marta Temido afirmou que a autoridade portuguesa de regulação dos medicamentos (Infarmed) está “a trabalhar com a Agência Europeia do Medicamento, integrado numa rede competente, capacitada e com todos os meios ao seu dispor para garantir que Portugal está entre os países que terão acesso ao que venha a ser uma vacina eficaz”.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) recebeu na terça-feira com cautela a notícia de que a Rússia registou a primeira vacina do mundo contra a covid-19, sublinhando que deverá seguir os trâmites de pré-qualificação e revisão definidos.

“Acelerar o progresso não deve significar comprometer a segurança”, disse o porta-voz da OMS, Tarik Jasarevic, numa conferência de imprensa, acrescentando que a organização está em contacto com as autoridades russas e de outros países para analisar o progresso das diferentes investigações em curso relativamente de vacinas.

A vacina russa, cujo registo foi anunciado terça-feira pelo Presidente russo, Vladimir Putin, em reunião com o gabinete de ministros, não estava entre as seis que a OMS disse na semana passada estarem mais avançadas.

A organização com sede em Genebra citou, entre as seis, três candidatas a vacinas desenvolvidas por laboratórios chineses, duas dos Estados Unidos (das empresas farmacêuticas Pfizer e Moderna) e a britânica desenvolvida pela AstraZeneca em colaboração com a Universidade de Oxford.

Segundo Putin, a vacina russa é “eficaz”, passou em todos os testes necessários e permite atingir uma “imunidade estável” contra a covid-19, devendo entrar em circulação a partir de 01 de janeiro de 2021. Contudo, muitos cientistas, no país e no estrangeiro, questionaram a decisão de registar a vacina antes de os cientistas completarem a chamada Fase 3 do estudo. Essa fase por norma demora vários meses e envolve milhares de pessoas e é a única forma de se provar que a vacina experimental é segura e funciona.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. Senhora Ministra aqui não há negociações há que cumprir as normas e se as normas para ajuntamentos dos cidadãos não os permite na Festa do avante deveria ser igual, se são punidos os que organizam festas com 200 pessoas pouco mais porque o PCP pode organizar para milhares de pessoas? Ou temos o Portugal do cidadão que tem de cumprir ou é multado e temos o dos Partidos que podem violar todas as normas que nada lhes acontece? Já não basta os partidos estarem isentos de IMI e de outras obrigações que nós cidadãos temos de pagar agora também podem fazer festas, Manifestações e ajuntamentos.

  2. Não entendo dois pesos duas medidas. Onde é que este evento obedece às normas da DGS?

    Um cidadão Português jamais poderia realizar tal evento; o que difere este dos organizadores do evento mencionado na notícia? — pura demagogia e colocar todos os individuos em perigo.

  3. Se os jogos da Liga dos Campeões têm que ser feitos sem público nos estádios com lotação para 50.000 pessoas mas a Festa do Avante pode ser feita com 100.000 pessoas porque o espaço disponível é para muitos mais, então podem permitir a assistência de 15.000 pessoas nos estádios, que corresponde a menos de 1/3 da lotação.

    Diz a ministra que as regras são cumpridas e não haverá exceções. De certeza? Não me parece! Parece-me mais que as regras são modificadas conforme o objetivo, neste caso as regras são modificadas conforme convém para o PCP e seus apoiantes.

  4. Mais uma vez é uma vergonha esta atitude hipócrita dos politiqueiros profissionais que nos governam com malabarismos que só enganam quem anda de olhos e ouvidos fechados. Depois digam que a democracia está em risco e que as ideias de direita ganham terreno. Vale tudo neste país. Estou à espera de ver em que bolsos vão parar os milhões que aí vêm da UE para ajudar a economia ( os nórdicos já conhecem o esquema e por isso estavam contra).

  5. Já há excepção por estarmos a discutir a festa do Avante ainda por cima dando a sua realização como adquirida.
    É uma irresponsabilidade e uma falta de vergonha perante o esforço e os sacrifícios que os portugueses têm feito, incluindo os trabalhadores que o PCP diz defender.

  6. Simplesmente INDECENTE este e outros Eventos que reúnem centenas e milhares de pessoas, num período de alto risco !….uma vez mais o dinheiro fala mais alto !

  7. Os Votos do PCP fazem falta a GERINGONÇA, eu que estou ligado a musica fiquei este ano em Stand Bay, mas estes Sr`s estão acima da Lei e mais nada.
    Volta SALAZAR estas Perdoado

  8. Já agora que a senhora mistura festa comunista e vacina russa, aconselhe a comunada a fazer uma encomenda de vacinas ao camarada Putin e apliquem-nas a quantos frequentarem a dita festa, certamente irá resultar, pois, aquilo é tudo farinha do mesmo saco, ou ideologia!

RESPONDER

Desenho de Van Gogh esteve guardado mais de 100 anos. Agora, é exibido pela primeira vez

O Museu de Amesterdão, nos Países Baixos, ganhou um novo inquilino: Study for 'Worn Out', um desenho recém-descoberto de Vincent van Gogh. O holandês Vincent van Gogh ainda continua a impressionar o mundo inteiro com a …

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã, com receio de que os avanços dos últimos 20 anos tenham sido conquistados em vão. A Vice falou com algumas professoras afegãs que garantem continuar …

Apenas um terço das crianças em 91 países tem acesso a uma alimentação adequada, alerta UNICEF

Apenas um terço das crianças com menos de dois anos em 91 países em desenvolvimento têm acesso aos alimentos que necessitam para um crescimento saudável, revelou um relatório da UNICEF, apontando que nenhum progresso foi …

Preços das casas voltaram a aumentar no segundo trimestre

Entre abril e junho, o índice de Preços da Habitação (IPHab) cresceu 6,6% em termos homólogos. A revelação foi feita esta quarta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). O Índice de Preços da Habitação (IPHab) cresceu …

China anuncia fim de novas centrais a carvão no estrangeiro

Segundo os especialistas, o impacto da medida deverá depender da forma como será implementada, podendo ter um grande impacto na luta contra as alterações climáticas. Num anúncio bem recebido por ativistas e organizações ambientes, a China …

Roménia vai distribuir €200 mil a quem tiver vacinação completa contra a covid-19

A Roménia anunciou uma "lotaria de vacinação" que distribuirá prémios de até 200.000 euros entre aqueles que tiverem a vacinação completa, na tentativa de elevar a taxa de imunização, a segunda mais baixa da União …

Antes da invasão ao Capitólio, Bannon ajudou a planear estratégia para "matar a presidência de Biden no berço"

O estrategista-chefe da campanha de Donald Trump, Steve Bannon, revelou que falou com o ex-Presidente antes da invasão ao Capitólio, a 06 de janeiro, discutindo as condições para "matar a presidência de [Joe] Biden no …

Costa prepara novo alívio de restrições para vigorar a partir de 1 de outubro

António Costa prepara-se para anunciar, na quinta-feira, o levantamento de um conjunto de restrições que vigoraram por causa da covid-19. O primeiro-ministro, António Costa, prepara-se para anunciar na quinta-feira o levantamento de um conjunto de restrições …

IPO Porto. Cirurgias fora do horário suspensas desde julho

As intervenções cirúrgicas feitas fora do horário normal estão suspensas no bloco central do IPO do Porto desde o dia 1 de julho. Os profissionais de saúde do IPO do Porto estão indisponíveis para realizar intervenções …

Rio critica "vigarice" das sondagens. Líder do PSD acredita na vitória de Moedas

Esta tarde, ao lado de Francisco Rodrigues dos Santos e de Carlos Moedas, Rui Rio apelou a que não se acredite nas sondagens que, "ou são mal feitas, ou são encomendadas: uma vigarice". O presidente do …