Tammy Duckworth fez história ao levar a filha de 10 dias para o Senado

Jim Lo Scalzo / EPA

Tammy Duckworth com a filha de dez dias no Senado

Tammy Duckworth fez história ao tornar-se a primeira senadora norte-americana a ser mãe. Agora, volta a ser notícia por levar a criança para o Senado, um dia depois de terem sido alteradas as regras sobre este tema.

Segundo a BBC, a senadora do Illinois Tammy Duckworth fez história duas vezes em poucos dias. Primeiro, a democrata tornou-se a primeira mulher no Senado dos EUA a ser mãe durante o cargo. Dez dias depois, levou a filha para o trabalho, de forma a poder participar na votação sobre a nomeação do novo administrador da NASA.

A senadora de 50 anos chegou, esta quinta-feira, ao Senado com a filha Maile nos braços, um dia depois deste órgão ter votado por unanimidade a permissão de crianças com até um ano de idade na câmara, argumentando que uma política mais favorável à família é um exemplo para a nação.

Antes de chegar ao Senado, a veterana da guerra no Iraque, que tem as duas pernas amputadas, utilizou o Twitter para brincar com a situação. “Certifiquei-me que leva um casaco para não violar o ‘dress code’ do Senado (que exige o uso de blazers). Não tenho a certeza qual será a política para babygrows com patinhos, mas acho que estamos prontas”.

Esta é a segunda filha de Tammy. A primeira, Abigail, nasceu em 2014, depois de vários tratamentos de fertilidade, quando a senadora ainda assumia funções na Câmara dos Representantes. Já nessa altura, a democrata tinha entrado para a história como sendo uma das dez eleitas a ter filhos durante o mandato.

já entrara para a história uma vez que é uma das , em 242 anos de história desde a independência dos EUA,  na Câmara dos Representantes.

O caso da senadora relançou o debate sobre as políticas de maternidade nos EUA, o único país desenvolvido em todo o mundo que não dá um período de licença com vencimento aos novos pais.

“Gostaria de agradecer aos meus colegas, de ambos os partidos, por ajudarem a trazem o Senado para o século XXI ao reconhecer que por vezes os pais recentes também têm responsabilidades no trabalho”, escreveu também a senadora no Twitter.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Macron segue os passos de Portugal e remodela o Governo francês

Depois de Portugal, foi a vez da França fazer uma remodelação governamental. Quatro ministros estão de saída, entram oito e seis mudam de pasta. A remodelação do Governo francês foi anunciada na terça-feira, duas semanas depois …

Governo quer vender fardas da PSP e GNR na Internet

A criação de uma plataforma online para a venda das fardas dos militares da GNR e dos agentes da PSP é uma das medidas que consta do Orçamento do Estado para 2019, com o objectivo …

Explosão em escola na Crimeia faz 10 mortos e centenas de feridos

Pelo menos 10 pessoas morreram e outras 50 ficaram feridas numa explosão no Instituto Politécnico da cidade de Kerch, no leste da Crimeia, de acordo com fontes médicas russas. "Como resultado de uma explosão no Instituto …

Relação confirma pena de prisão máxima para Pedro Dias

O Tribunal da Relação de Coimbra confirmou esta quarta-feira a decisão da primeira instância de condenar Pedro Dias a 25 anos de prisão por vários crimes cometidos em Aguiar da Beira, a 11 de outubro …

Benefícios fiscais só para novos contratos podem acelerar despejos

Depois de analisar as propostas do pacote de habitação, a UTAO avisa para as possíveis consequências das medidas de alívio fiscal no arrendamento, por apenas se aplicarem a novos contratos.   A Unidade Técnica de Apoio …

Subvenções vitalícias a políticos custam 7,17 milhões (e a lista continua em segredo)

O Orçamento de Estado para 2019 prevê um gasto de 7,17 milhões de euros com as subvenções vitalícias atribuídas a políticos. Um valor que desce apenas 90 mil euros, relativamente a 2018, numa altura em …

Afinal, a Google cedeu dados de bloggers ao Benfica

O Benfica chegou a acordo com a Google para a obtenção da identidade dos autores de blogues que divulgaram emails roubados ao clube. Os encarnados terão desistido da acção contra a gigante tecnológica. O Jornal de …

Centeno contraria Marcelo: “O único orçamento eleitoralista foi o de 2016”

Na sua primeira entrevista após a entrega do Orçamento de Estado para 2019, Mário Centeno rejeitou que a proposta seja eleitoralista, afirmando que o único orçamento eleitoralista nesta legislatura foi o de 2016. Ao contrário das …

Cerveja pode ficar cinco vezes mais cara devido às alterações climáticas

Más notícias para os amantes de cerveja. As alterações climáticas, além de elevarem o nível médio de mar e causarem furacões mais fortes e incêndios mais intensos, podem também prejudicar a produção e, consequente, a …

Governo acaba com curso que dava acesso direto a emprego no Estado

Na edição desta quarta-feira, o Público avança que, no Orçamento do Estado para 2019, o CEAGP será revogado e será criado um novo programa de formação destinado aos técnicos superiores. O Governo vai acabar com o …