Suspeito britânico da máfia dos bilhetes fugiu

dailymarauder / Flickr

-

O britânico Raymond Whelan, acusado de ser o fornecedor do esquema da máfia dos bilhetes do Mundial 2014 no Brasil, está foragido, informou esta quinta-feira a polícia civil do Rio de Janeiro.

Raymond Whelan é o diretor-geral da Match Services, empresa parceira da FIFA, que detém o direito de venda de bilhetes e pacotes da federação.

Segundo a polícia, Whelan fugiu para evitar a prisão, depois de a Justiça brasileira ter aceite a denúncia contra o britânico e outros 11 acusados de fazer parte do esquema.

c.v. SBT

Raymond Whelan

Raymond Whelan

A polícia revelou que quando, dando cumprimento ao mandato de prisão, se deslocou ao hotel Copacabana para deter Whelan, recebeu a notícia de que o britânico teria saído do hotel uma hora antes. Suspeita-se de que tenha sido avisado com antecedência.

Whelan, que nega ter participado na venda ilegal de bilhetes, tinha sido detido na segunda-feira, mas viria a ser libertado mais tarde com um habeas corpus.

Há suspeitas de que os envolvidos vendiam bilhetes de cortesia, oferecidos pela FIFA a ONGs, federações e jogadores, a preços que poderiam chegar a até 11 mil euros.

Segundo as investigações da polícia brasileira, os criminosos chegavam a lucrar cerca de 1 milhão de reais (330 mil euros) por jogo.

A polícia já apreendeu bilhetes, máquinas de cartões de crédito, dinheiro e computadores, e 12 pessoas já foram presas.

Investigadores da polícia civil revelaram esta segunda-feira que receberam telefonemas de vários países a oferecer ajuda nas investigações e dizendo que a Match Services já estava no seu radar.

ZAP / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Grande Crise do Ketchup. A pandemia atacou um mercado improvável (e já há um mercado negro para o molho)

Os problemas da cadeia de suprimentos estão a chegar a um canto distante do universo empresarial: os pacotes de ketchup. O ketchup é o molho de mesa mais consumido nos restaurantes dos Estados Unidos, com cerca …

Autoridades brasileiras ilibam João Loureiro

João Loureiro já não é suspeito no processo que envolve a apreensão de um avião com 500 quilos de cocaína, segundo as autoridades brasileiras. As autoridades brasileiras descartaram, este sábado, qualquer ligação do advogado português João …

No Canadá, há dois rios que se encontram (mas não se misturam)

Em Nunavut, no Canadá, há dois rios que se encontram, mas não perdem a sua aparência individual enquanto se movem sinuosamente pela tundra. O Back River flui para o norte em direção ao Oceano Ártico. Ao …

Russos acusados de explosão na República Checa são suspeitos de envenenar Skripal

Os dois suspeitos russos, envolvidos na explosão que matou duas pessoas em 2014 na República Checa, têm os mesmos passaportes que os dois homens acusados de envenenar, com o agente nervoso novichok, o espião Sergei …

Numa cidade na Nova Zelândia, a Páscoa resume-se a exterminar coelhos

Em Alexandra, na região de Otago, os coelhos são considerados pragas, uma espécie que ameaça a biodiversidade do país e a agricultura. Elle Hunt, correspondente do The Guardian em Auckland, na Nova Zelândia, escreveu um artigo …

Reavaliação de barragens da EDP ficou por fazer, depois de Governo ter recuado na decisão

No início do ano passado, o ministério do Ambiente considerou ser necessário reavaliar as barragens da EDP, mas a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) e a Parpública disseram não ter competências para fazer a avaliação …

Portugal bateu recorde de vacinação no sábado. Foram administradas 120 mil vacinas

Este sábado, Portugal registou um recorde diário de pessoas vacinadas contra a covid-19. No total, foram administradas 120 mil doses da vacina. De acordo com os números avançados pela task force responsável pelo plano de vacinação, …

Os milionários estão a fugir de Nova Iorque

A cidade de Nova Iorque está a preparar-se para enfrentar para um êxodo dos seus residentes mais ricos após as autoridades terem aprovado um orçamento que fará com que paguem a maior taxa de impostos …

Costa recusa responder a Sócrates. Carlos César reafirma "tristeza" e "raiva"

O primeiro-ministro António Costa recusou responder às críticas feitas por José Sócrates. Carlos César, presidente do PS, reafirma o que disse em 2018. Este sábado, António Costa recusou responder às críticas feitas por José Sócrates e …

Cientistas sugerem que os gorilas não batem no peito apenas para se exibir

Os cientistas sugerem que o ato de bater no peito permite aos gorilas machos sinalizar o seu tamanho e assim evitar brigas desnecessárias. De acordo com o jornal The Guardian, cientistas que estudam gorilas-das-montanhas (Gorilla beringei …