Subsídio de risco pago aos profissionais de saúde é uma “esmola”

Minsa

O subsídio extraordinário de risco para os profissionais de saúde envolvidos no combate à covid-19 já começou a ser pago em alguns hospitais, mas está a ser alvo de críticas.

Os sindicatos falam em valores “irrisórios”, que em alguns casos não passam dos 5 euros diários, e queixam-se que há profissionais de saúde que ficaram de fora. À semelhança do que aconteceu no ano passado com o prémio covid, acusam o Governo de propaganda, discriminação e exigem transparência, avança o Jornal de Notícias.

O subsídio extraordinário, aprovado no Orçamento do Estado de 2021, começou a ser pago em alguns hospitais no final de março e destina-se a todos os profissionais de saúde do SNS que “pratiquem atos diretamente e maioritariamente relacionados com pessoas suspeitas e doentes infetados com a doença covid-19”.

Abrange médicos enfermeiros e outros profissionais do Serviço Nacional de Saúde (SNS) e prevê que estes trabalhadores recebam um valor que corresponde a 20% da remuneração base mensal, metade do indexante de apoios sociais (IAS), com um texto máximo de 219 euros.

No entanto, segundo escreve o diário, há casos em que o acréscimo do subsídio de risco não ultrapassa os cinco euros por dia. O valor é de 6,30 euros brutos a mais por dia de trabalho, o que, deduzidos os descontos fiscais, resulta num valor final inferior a cinco euros.

Noel Carrilho, presidente da da Federação Nacional dos Médicos (FNAM), fala em valores “irrisórios” e em “propaganda”, enquanto o Sindicato Independente dos Médicos (SIM) denuncia o que considera uma “esmola” para os profissionais de saúde.

Liliana Malainho Liliana Malainho, ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Ainda se queixam… Têm emprego garantido, ad eternum, com 45 dias de férias… Risco? Qual risco? O único risco é não serem despedidos! Enquanto a generalidade dos portugueses está cada vez pior, estas Suas Excelências querem enriquecer! Viva o Xuxalismo!!

RESPONDER

Marcelo sobre festejos do Sporting: "Quem deve prevenir não conseguiu prevenir"

O Presidente da República defendeu, esta quarta-feira, que "quem deve prevenir" aglomerados de pessoas como os dos festejos do Sporting, em Lisboa, "não conseguiu prevenir", esperando que tal "não tenha custos" para a saúde pública …

Em 2040, reformas vão cair para metade em Portugal

A Comissão Europeia prevê que, até 2040, os pensionistas passem a viver com pouco mais de metade do salário que tinham. Discrepância entre os últimos rendimentos do trabalho e a pensões de reforma dos portugueses …

Bruxelas piora previsões para défice português, mas melhora as do desemprego

A Comissão Europeia piorou hoje em duas décimas as previsões para o défice português, esperando um saldo negativo das contas públicas de 4,7% este ano. Contudo, melhorou as da dívida pública em três pontos percentuais, …

Barcelona empata com o Levante e "despede-se" do título espanhol

O FC Barcelona deu hoje um gigante passo atrás na corrida ao título espanhol de futebol, ao empatar 3-3 no reduto do Levante, depois de estar a ganhar por 2-0 e 3-2, em encontro da …

Crónica ZAP - Linha de Fundo por Teófilo Fernando

Linha de Fundo: 11.05.2021

Festa verde e assunto encerrado. Sporting quebra jejum de 19 anos e volta a celebrar a conquista de um título de campeão nacional. O novo desafio de Mourinho. As finais da Champions e Liga Europa. …

Certificado covid-19. Preço para os testes na UE gera discórdia

O Certificado Verde Digital, proposto pela Comissão, deverá passar a chamar-se Certificado Covid19 da UE, admitiu a presidência portuguesa da União Europeia. Os eurodeputados querem testes gratuitos para quem viaja, mas essa proposta esbarra nos …

Paulo Fonseca em negociações com o Lyon

O ainda treinador da AS Roma, que vai ser substituído por José Mourinho na próxima temporada, já estará em negociações com o Lyon. Segundo o jornal Record, Paulo Fonseca não só figura na lista de prioridades …

"Incongruente" e "inadequada". Antigos militares criticam reforma das Forças Armadas

Antigos militares consideram que o melhor seria suspender a proposta do Governo que admitem que "nem em tempo de guerra tem lugar". Um grupo de antigos militares GREI - Grupo de Reflexão Estratégica Independente - sugere …

Manchester City conquista título no sofá e com costela portuguesa. É o terceiro em quatro anos

O Manchester City garantiu esta terça-feira a conquista do seu sétimo título de campeão inglês de futebol, e terceiro em quatro anos, face ao desaire do Manchester United na receção ao Leicester (1-2), na 36.ª …

Venda da Groundforce pode ficar nas mãos do administrador de insolvência

A apreciação judicial do pedido de insolvência da Groundforce feito pela TAP ainda deverá demorar alguns meses. Até lá, o acionista maioritário terá de conseguir vender a sua parte, ou a decisão poderá passar para …