100 dos 440 carros incendiados no Andanças vão custar um milhão às seguradoras

António José / Lusa

Dia seguinte ao incêndio no "Andanças"

Dia seguinte ao incêndio no “Andanças”

Cerca de cem automóveis destruídos pelo fogo no festival Andanças, em Castelo de Vide, têm cobertura de incêndio e vão receber um total de um milhão de euros de indemnização, informou a Associação Portuguesa de Seguradores (APS).

“Cerca de um quarto dos veículos que arderam têm cobertura de incêndio”, afirma a APS em comunicado divulgado esta terça-feira, no qual dá conta de as seguradoras terem contabilizado mais de uma centena de participações ao abrigo da cobertura de incêndio do seguro de danos próprios.

O levantamento, diz a associação, foi feito com base “em informação atualizada” sobre os seguros dos veículos que arderam na quarta-feira em Castelo de Vide.

“A estas participações corresponderá um valor de indemnizações a pagar ligeiramente superior a um milhão de euros”, afirma a APS.

O valor foi estimado depois de ter sido feito o primeiro levantamento dos danos sofridos pelos proprietários das viaturas sinistradas que tinham contratado o seguro de danos próprios com a inclusão da cobertura de incêndio.

“De acordo com os dados apurados até à data, estima-se que cerca de um quarto destes veículos possui um seguro com a cobertura de incêndio, podendo resolver por esta via a sua situação”, afirmou.

A seguradora Liberty Seguros, também em comunicado, anunciou ainda ter decidido, caso venha revelar-se necessário, assumir “todos os sinistros que tenham afetado clientes seus” no incêndio ocorrido em 3 de agosto.

Mas a seguradora ressalva que, no caso de pagar um sinistro não coberto pela apólice, nomeadamente por só cobrir danos a terceiros, se reserva do direito a ser posteriormente reembolsada dos valores pagos de quem venha a apurar-se como culpado.

A Liberty Seguros assumirá a reparação dos danos dos seus clientes mesmo que estes apenas tenham contratado apólices de responsabilidade civil contra danos a terceiros, evitando o longo tempo de espera característico destes complexos processos, situação que ilibaria a Liberty Seguros de qualquer responsabilidade num incidente como o que ocorreu no festival Andanças”, afirma a seguradora no comunicado.

Na quarta-feira à tarde, um incêndio que deflagrou num dos parques de estacionamento do festival de dança e música Andanças, em Castelo de Vide (distrito de Portalegre), destruiu 422 veículos automóveis e danificou outros nove, mas não causou danos pessoais.

/Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

É a quantidade de alimento que determina quem se torna a abelha-rainha

Um novo estudo sugere que é a quantidade de alimento, e não a sua qualidade, como se pensava até agora, que determina quem se torna a abelha-rainha. Quais são os fatores que determinam qual é a …

Em Miami e Nova Iorque, os polícias ajoelharam-se por George Floyd

Em Miami e em Nova Iorque, alguns agentes da autoridade juntaram-se aos manifestantes por breves momentos, para mostrar o seu respeito pela memória de George Floyd. Nos Estados Unidos, os protestos pela morte de George Floyd …

A Nova Zelândia está em cima de uma enorme bolha de lava

A Nova Zelândia situa-se no topo dos restos de uma pluma vulcânica gigante. Este processo é o responsável pela atividade vulcânica e desempenha um papel fundamental no funcionamento do nosso planeta. Nos anos 70, vários cientistas …

Petição busca estatuto de vítima para crianças em contexto de violência doméstica

Uma petição lançada na sexta-feria que reivindica a criação do estatuto de vítima para as crianças que vivem em contexto familiar de violência doméstica já foi assinada por mais de 1300 pessoas, entre elas personalidades …

Assimétrica e flutuante. A primeira casa impressa em 3D na República Checa vai "nascer" em 48 horas

A primeira casa impressa em 3D na República Checa vai estar pronta no próximo mês para demonstrar a velocidade e a eficácia de uma técnica de construção que será sete vezes mais rápida e terá …

Anonymous garantem que princesa Diana foi assassinada para abafar caso Epstein

O movimento internacional de ciberativistas Anonymous - ou alguém que alega operar em seu nome - garante que a princesa Diana, que morreu num acidente de viação em agosto de 1997, foi, na verdade, assassinada …

Empresa de mineração pede desculpa por destruir cavernas sagradas aborígenes

A empresa mineira Rio Tinto admitiu que destruiu as cavernas pré-históricas que eram locais de culto para os aborígenes australianos e pediu desculpa. As cavernas de pedra Juukan Gorge 1 e 2 – dois locais de …

Itália exige "respeito": vai abrir fronteiras, mas excluir países que impõem restrições a italianos

Apesar de acredita "no espírito europeu", o ministro dos Negócios Estrangeiros italiano sublinhou que o país está pronto "para fechar as fronteiras" àqueles que não o respeitem. A Itália vai abrir as suas fronteiras internacionais a …

As Forças Armadas sul-africanas não estavam preparadas para um inimigo invisível

A Força de Defesa Nacional da África do Sul não está preparada para combater uma pandemia silenciosa como a da covid-19. Este "inimigo invisível" veio trazer à tona as fragilidades do país. As Forças Armadas da …

Putin convoca referendo sobre alterações constitucionais para 1 de julho

A aprovação da reforma constitucional permitirá ao atual Presidente da Rússia, Vladimir Putin, cumprir mais dois mandatos suplementares a partir de 2024. Vladimir Putin anunciou a data de 1 de julho para o referendo nacional de …