Serviços de saúde recebem 192 queixas por dia

A Entidade Reguladora da Saúde (ERS) recebeu 70.111 reclamações em 2017, um crescimento de 18,4% face ao ano anterior.

No ano passado, o número de reclamações recebidas pela Entidade Reguladora da Saúde (ERS) aumentaram em 18,4% em comparação com 2016 enquanto que o número de elogios sofreu um decréscimo.

A ERS recebeu no ano passado 70.111 reclamações relativas a prestadores de saúde, públicos ou privados. Em média, a insatisfação com os prestadores de cuidados originou 192 queixas diárias, uma acréscimo em relação a 2016, quando a ERS recebeu 59.224 reclamações.

A informação consta do Relatório de Atividades e Gestão 2017 da ERS, entregue este mês no Parlamento e citado pelo Público. Segundo este documento, os temas que originaram mais queixas são os mesmo do ano anterior: procedimentos administrativos (20,3%), tempos de espera (19,5%) e questões relacionadas com a focalização no utente (17,0%).

A maior parte dos processos terminados no ano passado não precisou de intervenção adicional, mas em 3,8% das situações a análise continuou, quer através de novos processos de avaliação quer através de inquéritos ou ações de fiscalização. Ainda assim, menos de 1% das reclamações “foram objeto de encaminhamento externo”.

Das mais de 32 mil reclamações registadas no primeiro semestre de 2017, 70,5% eram dirigidas a prestadores públicos. Ainda assim, foram também as entidades públicas que receberam a maior parte dos elogios nos primeiros seis meses do ano.

O relatório não permite saber se esta tendência se manteve no resto do ano, mas mostra que o número total de elogios em 2017 desceu em comparação com o período homólogo, passando de 9438 para 8908.

Segundo o jornal, os utentes também parecem querer estar mais informados sobre os seus direitos. No ano passado, a ERS respondeu a 728 pedidos de informação por escrito, quando em 2015 e 2016 estes não chegaram aos 300 em cada um dos anos.

“Como sei que sou isento do pagamento de taxas moderadoras?”, “Tenho uma cirurgia marcada num hospital público, qual o tempo de espera para realização da mesma?”, “Não tenho médico de família, como obter uma consulta no centro de saúde?” e “Como efetuar uma reclamação?” são exemplos de perguntas colocadas à ERS.

Em relação às perguntas por chamada telefónica, registou-se um aumento de 8% (3838 chamadas) em relação a 2016.

Durante o ano passado, a ERS efetuou um total de 650 fiscalizações, com a maioria a terminar em arquivamento, dos quais 162 juntavam uma proposta de abertura de processo de contra-ordenação. Em nove dos processos foi também aplicada a medida cautelar de suspensão da atividade.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Durante um ano e meio, uma aldeia inteira perdeu a Internet todos os dias à mesma hora (e já se sabe porquê)

Durante 18 meses, os residentes de uma vila no País de Gales perderam a Internet todos os dias à mesma hora. Agora, engenheiros identificaram o motivo: uma televisão em segunda mão que emitia um sinal …

Gado na UE produz 704 milhões de toneladas de CO2 (mais do que todos os transportes juntos)

De acordo com uma nova análise da Greenpeace, animais de criação como vacas, porcos e outros, estão a emitir mais gases com efeito de estufa na Europa do que todos os transportes juntos. Na última década, …

É distraído e está sempre a perder a carteira? A Cashew Smart Wallet é para si

Uma simples carteira pode vir a melhorar os seus dias. A Cashew Smart Wallet é dotada de uma tecnologia de bluetooth que permite proteger os seus bens e ainda o ajuda caso a perca por …

Desportivo das Aves SAD desiste do Campeonato de Portugal

O Desportivo das Aves SAD vai abdicar da participação no Campeonato de Portugal (CdP), após ter falhado as negociações com o Perafita para utilizar as instalações do clube de Matosinhos. "As inscrições fechavam ontem [terça-feira] e …

Celebridades doam dinheiro para pagar dívidas a ex-presos impedidos de votar nos EUA

O bilionário Michael Bloomberg, o cantor John Legend e o basquetebolista LeBron James são algumas das celebridades que estão a doar dinheiro para pagar dívidas de ex-presidiários da Florida, impedidos de votar nas próximas eleições …

No debate sobre o Plano de Recuperação, evocou-se Sócrates e Passos

O líder do PSD questionou o primeiro-ministro se pretende "fomentar o desemprego" com o aumento do salário mínimo. O chefe do Governo manifestou-se "completamente perplexo". Na abertura do debate sobre o Plano de Recuperação e Resiliência, …

380 baleias morreram encalhadas na Austrália. Este é o maior incidente registado no país

Morreram pelo menos 380 baleias-piloto presas numa baía remota da Tasmânia. Apesar dos intensos esforços para tentar salvá-las não foi possível evitar este cenário, informou hoje um responsável pelos serviços de socorro. "Temos um número mais …

Ansu vale 400 milhões e é "sucessor" de Lopetegui

A figura mais recente do Barcelona e do futebol espanhol entrou oficialmente na equipa principal e, por isso, a cláusula de rescisão "disparou". Em Barcelona continua-se a falar muito sobre Luis Suárez. Depois de Lionel Messi, …

Deputados chumbam divulgação imediata e integral da auditoria ao Novo Banco

Os deputados da Comissão de Orçamento e Finanças (COF) rejeitaram, esta quarta-feira, o requerimento do Bloco de Esquerda (BE) para divulgação pública imediata e integral do relatório de auditoria especial ao Novo Banco enviado pelo …

Bélgica recoloca Lisboa e região Centro no "vermelho"

As autoridades belgas aliviaram ligeiramente as medidas restritivas no quadro da pandemia da covid-19, apesar do aumento do número de casos, esta quarta-feira, e recolocaram a área metropolitana de Lisboa e a região centro de …