Semáforos à entrada e dez metros quadrados por pessoa. Governo estuda medidas para as praias

Esta quinta-feira, à saída da reunião entre os partidos e o Governo, foram conhecidos mais alguns pormenores das medidas de desconfinamento que o Executivo vai adotar. 

O Governo quer permitir o acesso às praias sem medidas coercivas, mas com um apelo à disciplina dos portugueses, estando previsto uma indicação luminosa da lotação do espaço, avançou esta quinta-feira André Silva.

“Vemos como muito positivo a nota que o Governo deu relativamente às praias. Não haverá uma lotação propriamente obrigatória, uma lotação máxima, não existirão medidas propriamente coercivas, mas sim, mais uma vez, um apelo, a que nós também nos associamos, a que continue a existir solidariedade e acima de tudo disciplina para poderem cumprir as regras de distanciamento também na praia”, disse o deputado do PAN.

“É fundamental que possamos todos estar de férias, usufruir dos espaços públicos, nomeadamente da praia, retomar a atividade económica, mas com disciplina.”

André Silva adiantou que “haverá uma média calculada de 10 metros quadrados por pessoa nas praias” e “uma espécie de semáforo ou uma indicação luminosa da lotação da praia”.

“Numa primeira fase, e nós concordamos, o apelo é que de facto exista disciplina para que se possa garantir essa distância. Essas medidas estão ainda a ser debatidas internamente na Direção-Geral da Saúde (DGS), não estão fechadas e, portanto, não há um prazo para o efeito”, acrescentou o deputado.

O próximo verão, que se aproxima, continua a ser uma incógnita, numa altura em que o país está sob fortes medidas de restrição para evitar a propagação do novo coronavírus.

Em abril, surgiu uma notícia que dava conta que as praias portuguesas teriam uma espécie de lotação máxima, calculada com base na área, de modo a garantir o distanciamento entre os banhistas.

O manual para o regresso às praias foi feito por um conjunto de organizações, incluindo o Programa Bandeira Azul, a Agência Portuguesa do Ambiente, o Instituto de Socorro a Náufragos e a Direção-Geral da Saúde.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Em certas áreas muito frequentadas e de menor espaço no areal, no mínimo não vai ser tarefa fácil para que cada um revendique o seu espaço. Serão preciso fiscais a palmilhar o areal para fazer respeitar o distanciamento dia após dia ??????..Que critérios serão considerados para evacuar tal ou tal pessoa devido a superlotação ????…. Estou curioso de saber a natureza das medidas que irão surgir de tantas cabeças pensadoras !

RESPONDER

Costa descarta confinamento ou cercas sanitárias em Paços de Ferreira, Lousada e Felgueiras

O primeiro-ministro, António Costa, disse esta quarta-feira que não estão em cima da mesa cercas sanitárias ou confinamentos em Paços de Ferreira, Lousada ou Felgueiras, concelhos do distrito do Porto onde o número de novas …

Espanha supera um milhão de infetados. França pondera estado de emergência até fevereiro

Espanha ultrapassou esta quarta-feira um milhão de infetados por covid-19, no mesmo dia em que o Governo francês admitiu estar a ponderar manter o estado de emergência até fevereiro e algumas medidas até abril. Espanha …

Há 49 escolas com surtos ativos de covid-19

Cerca de meia centena de escolas têm surtos ativos de covid-19, avançou esta quarta-feira a diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, que fez um balanço positivo das primeiras semanas de aulas. "Neste momento, estão ativos 49 surtos …

Índia pode atingir os 600 milhões de casos de covid-19 em fevereiro, dizem especialistas

Mais de 600 milhões de indianos, mais da metade da população do país, provavelmente serão infetados com o novo coronavírus até fevereiro de 2021, segundo um painel de especialistas que aconselha o Governo do país. Segundo …

Ficheiro apreendido a Rui Pinto tinha número de telemóvel da procuradora

Um ficheiro de um dos dispositivos apreendidos ao criador do ‘Football Leaks’, Rui Pinto, contém o número de telemóvel da procuradora do Ministério Público (MP) envolvida no julgamento, Marta Viegas, confirmou a própria na 15.ª …

Rio anuncia vota contra no OE. "O PSD é mais responsável na oposição do que o PS no Governo"

O presidente do PSD anunciou esta quarta-feira o voto contra do partido na proposta de Orçamento do Estado para 2021, dizendo que esse é “o único voto coerente” e porque outra votação nem sequer “evitaria …

"A pandemia derrubou-me." "Pepe" Mujica, ex-Presidente do Uruguai, abandona a política

O ex-presidente uruguaio José "Pepe" Mujica disse que continuará a ser "conselheiro" dos companheiros de partido. José "Pepe" Mujica, ex-Presidente do Uruguai, renunciou esta terça-feira ao seu lugar no Senado e abandonou definitivamente a política ativa. …

Milhares de reclusos na Nigéria fugiram depois de invasões a prisões

De acordo com as autoridades nigerianas, cerca de 2000 presos fugiram de prisões na Nigéria, após os locais terem sido invadidos por multidões. Foi imposto um recolher obrigatório em resposta à agitação resultante de duas …

Manuel Maria Carrilho absolvido pela terceira vez do crime de violência doméstica

O ex-ministro Manuel Maria Carrilho foi esta quarta-feira novamente absolvido do caso de violência doméstica em que era suspeito de ter agredido a apresentadora de televisão Bárbara Guimarães. Em comunicado Manuel Maria Carrilho explica que o …

Maiores construtoras portuguesas juntam-se contra a "armada espanhola"

As duas maiores construtoras portuguesas, Mota-Engil e Teixeira Duarte, aliaram-se num consórcio, no âmbito de um concurso público lançado pela Infraestruturas de Portugal (IP), para tentar derrotar a concorrência espanhola. Habitualmente concorrentes na disputa pelas grandes …