Rússia vetou resolução da ONU a invalidar referendo na Crimeia

korea.net

Vladimir Putin, presidente da Rússia

Vladimir Putin, presidente da Rússia

A Rússia vetou hoje uma resolução a denunciar o referendo a ter lugar domingo na Crimeia enquanto a China se absteve, durante a votação no conselho de segurança das Nações Unidas.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

O projeto de resolução apresentado pelos EUA, que daria o referendo que se realiza este domingo como inválido, teve 13 votos a favor, mas foi rejeitado.

A resolução destinava-se a defender a integridade territorial da Crimeia, não reconhecendo o referendo que se realiza amanhã para decidir se os cidadãos querem que o país passe a fazer parte da Rússia.

Como membro permanente do Conselho, a Rússia pode bloquear qualquer posição deste organismo.

/Lusa

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.