Rio, Montenegro, Rangel e Santana preparam-se para correr pela sucessão

Miguel A. Lopes / Lusa

Passos Coelho, líder do PSD, admite não se recandidatar

André Ventura admite avançar contra Rui Rio caso este seja o único candidato. Mas três outros nomes se levantam: Montenegro, Rangel e Santana Lopes entre os apontados à corrida.

Em entrevista ao jornal i esta quarta-feira, André Ventura teceu duras críticas ao ex-autarca do Porto, que deverá avançar pela liderança dos sociais democratas, com a saída de Pedro Passos Coelho.

Apesar de ter perdido nas eleições autárquicas para a CDU, André Ventura foi dos poucos a conseguir resultados melhores do que os das últimas eleições, em 2013. Por isso, disse ao partido que “pusesse os olhos” nos resultados da sua retórica em Loures, “os melhores resultados dos últimos 20 anos”.

Agora, o candidato derrotado, que começou por ser apoiado por uma coligação PSD/CDS, mas que acabou só com o apoio do PSD, já que o CDS retirou o apoio, devido às declarações por muitos consideradas racistas, promete agora agir contra Rui Rio, se for este o único candidato à liderança do PSD. “Estou disponível para avançar caso ninguém avance contra Rui Rio”.

Para Ventura, Rio não é alternativa, já que terá “um discurso que se confunde com o do governo” e que “não serve o melhor interesse do Partido Social Democrata”.

Quem, por outro lado, poderá servir o melhor interesse será Luís Montenegro, uma candidatura que “faria todo o sentido”, aponta o candidato derrotado em Loures.

André Ventura quer ainda eleições “primárias abertas a militantes e simpatizantes para que a escolha tenha efetivamente legitimação social ampla”. E garante ainda estar “certo de que Rui Rio não temerá eleições primárias no PSD e aceitará ir a jogo, num debate aberto à sociedade”.

Para já, depois de Passos confirmar que não se irá recandidatar à liderança do partido, o nome de Rui Rio é o mais falado. Mas outros nomes começam a ser ouvidos, como o de Paulo Rangel, Luís Montenegro, e até Santana Lopes.

Dos três, Luís Montenegro será o que mais dificilmente entra na corrida. No Conselho Nacional do PSD, Montenegro reforçou os rumores que por aí corriam e contavam que este não se candidataria à sucessão de Passos.

Ao fazer um discurso de elogio ao ainda líder dos sociais democratas, que não trazia uma única linha que pudesse ser lida como um sinal de que estará disponível para se candidatar à liderança do PSD, as dúvidas praticamente dissiparam-se, apesar da pressão à volta deste que é apontado como um dos principais nomes para a sucessão de Passos, lê-se no Expresso.

No entanto, logo a seguir, entrou “em campo” um nome que já se fazia ouvir, mas que ainda não era claro. Assumindo uma posição quase oposta à de Rui Rio (que é apontado como o social-democrata que mais facilmente pode chegar a entendimentos com António Costa) o eurodeputado Paulo Rangel elogiou Passos, mas mais do que isso, falou no futuro do PSD.

O PSD nunca poderá renunciar à oposição“, disse Rangel, não renegando “estes anos” – numa referência à liderança de Passos Coelho.

Mas foi quando o eurodeputado recusou explicitamente reinventar o Bloco Central, que a sala foi ao rubro, irrompendo num enorme aplauso, naquilo que o Expresso aponta como uma “resposta direta a Rui Rio”.

No entanto, além do de Rangel e de Montenegro, há um outro nome que, não saindo da penumbra, também não se fica por lá.

Na terça-feira à noite, ao comentar, na SIC Notícias, a anunciada não recandidatura de Passos, Pedro Santana Lopes alertou para a possibilidade de haver surpresas até porque, para já, ainda está tudo em aberto.

O próprio provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa admitiu que, neste momento, há que “ponderar, obviamente” uma candidatura à liderança.

“Pode surgir alguém inesperado e não ser nenhum dos nomes já aventados”, assumiu Santana. “Consenso não há rigorosamente nenhum e não vai haver só um candidato“, afirmou o ex-líder.

CF, ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Afinal comer um ovo por dia é mau outra vez

Afinal, comer um ovo por dia não é assim tão bom para a saúde como estudos recentes sugeriam. O maior consumo de ovos e colesterol pode aumentar o risco de doenças cardíacas e de morte …

Na Colômbia, há um "arco-íris líquido" que é descrito como a 8ª maravilha do mundo

Escondido nos confins da Serra da Macarena, na Colômbia, está o rio Caño Cristales. De dezembro a maio, o curso de água é como outro qualquer, apesar de estar rodeado de um dos ecossistemas mais …

Com uma nova interface neural, a telepatia já é possível

Uma equipa internacional de cientistas deu um passo adiante no desenvolvimento de interfaces neuronais para propor uma interface que envolve a transferência de informação entre as pessoas diretamente. As interfaces cérebro-computador podem melhorar as habilidades individuais …

Bombeiros profissionais ameaçam deixar de prestar serviço voluntário nas corporações

Os bombeiros voluntários das associações humanitárias admitem deixar de prestar serviço voluntário nas corporações, caso a Liga dos Bombeiros Portugueses continue por concluir o acordo coletivo de trabalho, que está em negociação há mais de …

Baleia encontrada morta nas Filipinas com 40 quilos de plástico no estômago

Uma baleia foi encontrada morta na sexta-feira, na costa sudeste das Filipinas, com 40 quilos de plástico no estômago, informou a imprensa local. O cetáceo, uma baleia-bicuda-de-cuvier, apareceu na sexta-feira à beira-mar no município de Mabini, …

Macron convoca reforços após novos confrontos de coletes amarelos

A nova manifestação de "coletes amarelos", no sábado, registou distúrbios violentos na capital francesa. Como resposta, o presidente francês Emmanuel Macron convocou um reforço das forças de segurança. O dia de sábado marcou mais um protesto …

Pedidos de nacionalidade portuguesa aumentaram 50% em dois anos

Nos últimos dois anos, o número de pedidos de nacionalidade portuguesa aumentou cerca de 50%, avança o jornal Público esta segunda-feira. Se em 2016 foram 117.629 os cidadãos estrangeiros que pediram a nacionalidade portuguesa, em 2018 …

Não há democracia na Coreia do Norte? "É uma opinião", diz Jerónimo

Jerónimo de Sousa evitou classificar o regime de Kim Jong-un em termos "de ser ou não ser" uma democracia. A Coreia do Norte é ou não uma democracia? "É uma opinião", respondeu Jerónimo de Sousa. Numa …

Afinal, o esparguete à bolonhesa não existe

Quando se trata de refeições italianas clássicas, a maioria das pessoas pensa em pratos simples como uma pizza Margherita, lasanha e esparguete à bolonhesa. Contudo, segundo Virginio Merola, presidente de Bolonha, em Itália, o esparguete à bolonhesa …

Javalis tomaram o lugar dos coelhos. "Muitos animais estão doentes"

Para já, não há perigo de saúde pública, mas os javalis carregam doenças que podem passar a outros animais. Se antes se matavam mil coelhos, abatem-se agora 10 javalis. Jacinto Amaro, presidente da Fencaça - Federação …