Rio, Montenegro, Rangel e Santana preparam-se para correr pela sucessão

Miguel A. Lopes / Lusa

Passos Coelho, líder do PSD, admite não se recandidatar

André Ventura admite avançar contra Rui Rio caso este seja o único candidato. Mas três outros nomes se levantam: Montenegro, Rangel e Santana Lopes entre os apontados à corrida.

Em entrevista ao jornal i esta quarta-feira, André Ventura teceu duras críticas ao ex-autarca do Porto, que deverá avançar pela liderança dos sociais democratas, com a saída de Pedro Passos Coelho.

Apesar de ter perdido nas eleições autárquicas para a CDU, André Ventura foi dos poucos a conseguir resultados melhores do que os das últimas eleições, em 2013. Por isso, disse ao partido que “pusesse os olhos” nos resultados da sua retórica em Loures, “os melhores resultados dos últimos 20 anos”.

Agora, o candidato derrotado, que começou por ser apoiado por uma coligação PSD/CDS, mas que acabou só com o apoio do PSD, já que o CDS retirou o apoio, devido às declarações por muitos consideradas racistas, promete agora agir contra Rui Rio, se for este o único candidato à liderança do PSD. “Estou disponível para avançar caso ninguém avance contra Rui Rio”.

Para Ventura, Rio não é alternativa, já que terá “um discurso que se confunde com o do governo” e que “não serve o melhor interesse do Partido Social Democrata”.

Quem, por outro lado, poderá servir o melhor interesse será Luís Montenegro, uma candidatura que “faria todo o sentido”, aponta o candidato derrotado em Loures.

André Ventura quer ainda eleições “primárias abertas a militantes e simpatizantes para que a escolha tenha efetivamente legitimação social ampla”. E garante ainda estar “certo de que Rui Rio não temerá eleições primárias no PSD e aceitará ir a jogo, num debate aberto à sociedade”.

Para já, depois de Passos confirmar que não se irá recandidatar à liderança do partido, o nome de Rui Rio é o mais falado. Mas outros nomes começam a ser ouvidos, como o de Paulo Rangel, Luís Montenegro, e até Santana Lopes.

Dos três, Luís Montenegro será o que mais dificilmente entra na corrida. No Conselho Nacional do PSD, Montenegro reforçou os rumores que por aí corriam e contavam que este não se candidataria à sucessão de Passos.

Ao fazer um discurso de elogio ao ainda líder dos sociais democratas, que não trazia uma única linha que pudesse ser lida como um sinal de que estará disponível para se candidatar à liderança do PSD, as dúvidas praticamente dissiparam-se, apesar da pressão à volta deste que é apontado como um dos principais nomes para a sucessão de Passos, lê-se no Expresso.

No entanto, logo a seguir, entrou “em campo” um nome que já se fazia ouvir, mas que ainda não era claro. Assumindo uma posição quase oposta à de Rui Rio (que é apontado como o social-democrata que mais facilmente pode chegar a entendimentos com António Costa) o eurodeputado Paulo Rangel elogiou Passos, mas mais do que isso, falou no futuro do PSD.

O PSD nunca poderá renunciar à oposição“, disse Rangel, não renegando “estes anos” – numa referência à liderança de Passos Coelho.

Mas foi quando o eurodeputado recusou explicitamente reinventar o Bloco Central, que a sala foi ao rubro, irrompendo num enorme aplauso, naquilo que o Expresso aponta como uma “resposta direta a Rui Rio”.

No entanto, além do de Rangel e de Montenegro, há um outro nome que, não saindo da penumbra, também não se fica por lá.

Na terça-feira à noite, ao comentar, na SIC Notícias, a anunciada não recandidatura de Passos, Pedro Santana Lopes alertou para a possibilidade de haver surpresas até porque, para já, ainda está tudo em aberto.

O próprio provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa admitiu que, neste momento, há que “ponderar, obviamente” uma candidatura à liderança.

“Pode surgir alguém inesperado e não ser nenhum dos nomes já aventados”, assumiu Santana. “Consenso não há rigorosamente nenhum e não vai haver só um candidato“, afirmou o ex-líder.

CF, ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

"Risco de readmissão é grande". Quase um terço dos infetados voltou ao hospital (e um em cada oito morreu)

De acordo com um estudo recente realizado no Reino Unido, quase um terço das pessoas que tiveram alta de um internamento por problemas de saúde relacionados com a covid-19, em Inglaterra, regressaram ao hospital pela …

Fecho das escolas "seria a medida mais forte de saúde pública"

O encerramento das escolas "seria a medida mais forte de saúde pública a ser tomada" perante a existência de um "teto falso" na deteção de novos casos e o aparecimento da variante inglesa, defendeu hoje …

"Ato ditatorial" e "humilhação cruel". Mourinho criticado por optar por Gedson em vez de Dele Alli

O ex-futebolista Stan Collymore chamou Mourinho de ditador e criticou o facto de ter deixado Dele Alli de fora dos convocados em detrimento de Gedson Fernandes. Stan Collymore, antigo jogador do Liverpool, criticou José Mourinho pela …

Preços das casas devem descer neste ano (e deixam a banca em risco)

Após se terem aguentado mais ou menos estáveis em 2020, apesar da pandemia de covid-19, os preços das casas devem começar a descer neste ano com o prolongar da crise sanitária. Uma situação que preocupa …

Sem promessas para 2022, Governo admite criar “escalões intermédios” na Função Pública

A ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública, Alexandra Leitão, admitiu, em entrevista ao ECO, rever a tabela salarial da Função Pública e criar “escalões intermédios para as progressões intermédias”. Em entrevista ao jornal …

@AnaMartinsGomes. A gladiadora do Twitter é candidata a Belém

Se há arena onde a candidata socialista a Belém se sente confortável, é o Twitter. Palco de grandes partilhas e encruzilhadas, é inegável que essa rede social marca o caminho da diplomata. Ana Gomes é conhecida …

Rui Rio apela ao Governo por "confinamento a sério" e lembra que este "não existe para ser popular"

Rui Rio desafia o Governo a "impor um confinamento a sério em nome do interesse nacional". Na sua conta no Twitter, o líder do PSD escreve que "um Governo não existe para ser popular mas …

FC Porto ameaça não ir a jogo. Sporting acusa "dragões" de "pressão inaceitável"

O Sporting acusou segunda-feira o FC Porto de estar a "pressionar, de forma absolutamente inaceitável, as autoridades da Saúde e a Liga" para que Nuno Mendes e Sporar falhem hoje as meias-finais da Taça da …

Empresas de comércio e serviços propõem suspensão de alguns impostos

Com o novo confinamento geral, a maioria das empresas de comércio e serviços volta a fechar portas. Por isso, pedem-se mais apoios ao Governo, considerando que os já anunciados são insuficientes. Em declarações à rádio Renascença, …

Benfica anuncia surto e pode parar duas semanas. Vieira é um dos infetados

Foram identificados 17 novos casos de covid-19 no SL Benfica. Em comunicado, o clube remete à DGS a decisão de parar durante duas semanas. O Benfica detetou 17 novos casos de covid-19 entre jogadores, equipa técnica …