No Rio de Janeiro, a ajuda humanitária está a ser travada por tiroteios

Fernando Frazão / Agência Brasil

No Rio de Janeiro, no Brasil, a ajuda humanitária à população afetada pela pandemia do novo coronavírus está a ser travada por tiroteios.

A violência com armas de fogo não é algo estranho aos habitantes do Rio de Janeiro. Desde que começou a quarentena no Brasil, no dia 13 de março, registaram-se 41 tiroteios no Complexo do Alemão, uma zona do norte da cidade. Embora o número de tiroteios tenha descido em abril, a proporção de tiroteios com a presença de agentes da polícia aumentou.

Estes confrontos, que antes já interrompiam aulas e fechavam ruas e unidades de saúde, estão agora a dificultar socorrer quem precisa de ajuda durante a pandemia causada pela covid-19.

No mês passado, o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, anunciou a entrega de cestas com bens essenciais como uma das medidas de contenção. No entanto, as cestas ainda não chegaram às pessoas, que fazem o que podem para se aguentarem.

Como resposta, o The Intercept Brasil escreve que a organização não governamental Rio de Paz decidiu ela própria distribuir cestas com bens essenciais. Para sua surpresa, a ONG teve de adiar a ajuda humanitária devido a um tiroteio que ocorreu durante uma operação do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope).

Algo semelhante aconteceu com outra ONG, no dia 30 de abril, que viu uma doação de bens impedida por tiroteio durante uma ação policial. “A polícia achou que era um camião roubado, entrou na favela e virou um tiroteio danado”, explicou um dos voluntários. Nesse dia, 100 cestas não foram entregues devido ao conflito.

Uma reportagem da revista Época concluiu que pelo menos 12 casos de mortes cometidas pela polícia do Rio de Janeiro, num único mês, apresentados à população como “confronto com criminosos”, têm graves indícios de erro policial, em que inocentes foram mortos por engano, ou execução à margem da lei”.

O Brasil registava, até esta quarta-feira, 291.579 casos diagnosticados e 18.859 óbitos pelo novo coronavírus. O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, propôs um amplo diálogo para superar a crise económica provocada pela pandemia numa reunião com governadores, prefeitos e chefes das duas casas do Congresso.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

É a quantidade de alimento que determina quem se torna a abelha-rainha

Um novo estudo sugere que é a quantidade de alimento, e não a sua qualidade, como se pensava até agora, que determina quem se torna a abelha-rainha. Quais são os fatores que determinam qual é a …

Em Miami e Nova Iorque, os polícias ajoelharam-se por George Floyd

Em Miami e em Nova Iorque, alguns agentes da autoridade juntaram-se aos manifestantes por breves momentos, para mostrar o seu respeito pela memória de George Floyd. Nos Estados Unidos, os protestos pela morte de George Floyd …

A Nova Zelândia está em cima de uma enorme bolha de lava

A Nova Zelândia situa-se no topo dos restos de uma pluma vulcânica gigante. Este processo é o responsável pela atividade vulcânica e desempenha um papel fundamental no funcionamento do nosso planeta. Nos anos 70, vários cientistas …

Petição busca estatuto de vítima para crianças em contexto de violência doméstica

Uma petição lançada na sexta-feria que reivindica a criação do estatuto de vítima para as crianças que vivem em contexto familiar de violência doméstica já foi assinada por mais de 1300 pessoas, entre elas personalidades …

Assimétrica e flutuante. A primeira casa impressa em 3D na República Checa vai "nascer" em 48 horas

A primeira casa impressa em 3D na República Checa vai estar pronta no próximo mês para demonstrar a velocidade e a eficácia de uma técnica de construção que será sete vezes mais rápida e terá …

Anonymous garantem que princesa Diana foi assassinada para abafar caso Epstein

O movimento internacional de ciberativistas Anonymous - ou alguém que alega operar em seu nome - garante que a princesa Diana, que morreu num acidente de viação em agosto de 1997, foi, na verdade, assassinada …

Empresa de mineração pede desculpa por destruir cavernas sagradas aborígenes

A empresa mineira Rio Tinto admitiu que destruiu as cavernas pré-históricas que eram locais de culto para os aborígenes australianos e pediu desculpa. As cavernas de pedra Juukan Gorge 1 e 2 – dois locais de …

Itália exige "respeito": vai abrir fronteiras, mas excluir países que impõem restrições a italianos

Apesar de acredita "no espírito europeu", o ministro dos Negócios Estrangeiros italiano sublinhou que o país está pronto "para fechar as fronteiras" àqueles que não o respeitem. A Itália vai abrir as suas fronteiras internacionais a …

As Forças Armadas sul-africanas não estavam preparadas para um inimigo invisível

A Força de Defesa Nacional da África do Sul não está preparada para combater uma pandemia silenciosa como a da covid-19. Este "inimigo invisível" veio trazer à tona as fragilidades do país. As Forças Armadas da …

Putin convoca referendo sobre alterações constitucionais para 1 de julho

A aprovação da reforma constitucional permitirá ao atual Presidente da Rússia, Vladimir Putin, cumprir mais dois mandatos suplementares a partir de 2024. Vladimir Putin anunciou a data de 1 de julho para o referendo nacional de …