“Paz podre” e “crise de egos”. As reações dos partidos ao caso Centeno

PSD / Flickr

O líder do PSD, Rui Rio

Os partidos com assento parlamentar comentaram, esta quinta-feira, o recente episódio entre o ministro das Finanças e o primeiro-ministro.

“Mário Centeno não passou a ter condições para continuar. O primeiro-ministro é que assumiu que no seu Governo, ainda que sem condições, um ministro pode continuar a sê-lo, mesmo quando faltam mais de três longos anos para o fim da legislatura… ou quando a força do ministro é superior à do primeiro-ministro”, escreveu Rui Rio no Twitter.

No Fórum TSF, o deputado social-democrata Duarte Pacheco também considerou que o voto de confiança de António Costa no ministro das Finanças é apenas “um golpe de teatro”.

“Toda a gente percebeu que isto é um teatro, uma hipocrisia, uma paz podre. Temos um ministro das Finanças a prazo porque não é conveniente ao primeiro-ministro fazer a sua substituição neste momento”, acrescentou.

No mesmo fórum, a deputada do CDS Cecília Meireles avaliou este recente episódio como “uma telenovela, com uma crise de egos, em que, afinal, aparentemente, acabou tudo mais ou menos resolvido”.

Por isso, para a democrata-cristã o importante agora é definir prioridades, porque “o que não está resolvido é como é que as medidas que o Governo desenhou para ajudar a economia estão a chegar ou não estão a chegar.”

“Desarticulação” e “irresponsabilidade”

Do lado da CDU, o deputado comunista Duarte Alves considerou que esta situação entre Costa e Centeno revelou “desarticulação” dentro do Governo, sobretudo “numa matéria tão importante como esta do Novo Banco”, afirma ao Fórum TSF.

Para o Bloco de Esquerda, nas palavras da deputada Mariana Mortágua, ficou a ideia de que o Governo tem um ministro “a prazo”. A bloquista reiterou que o partido vai propor um novo projeto-lei, apesar do anterior ter sido “sempre chumbado”.

“Não pode haver uma nova injeção no Novo Banco sem que esse assunto seja discutido e votado na Assembleia da República“, esclareceu à rádio.

Por fim, o porta-voz do PAN, André Silva, considera que o Presidente da República não esteve bem ao “comentar” o papel do ministro das Finanças e que o Governo não pode ter em mãos uma crise política no momento em que enfrenta uma pandemia.

“Temos uma imagem junto dos mercados a manter. Esta situação é de uma enorme irresponsabilidade por parte do Governo”, considerou, citado pela TSF, acrescentando que as declarações de Marcelo Rebelo de Sousa não o espantam, uma vez que faz parte do “namoro” entre Costa e o chefe de Estado.

“Apanharam-nos pelas costas”, diz PS

Em declarações à mesma rádio, o deputado do PS João Paulo Correia reitera a confiança do partido em Mário Centeno e considera que o ministro saiu “reforçado” da reunião em São Bento.

Sobre o pedido de demissão defendido pelo líder do PSD, o socialista diz que “é falso que a bancada do PS não tenha defendido Mário Centeno” e afirma que “Rui Rio não teve coragem de dizer isso lá dentro [no Parlamento]”, aliás, “ninguém do PSD teve coragem de fazer o ataque ao PS lá dentro”.

Apanharam-nos pelas costas, foram declarações abusivas”, diz ainda, acrescentando que “já foram muito os episódios em que se anunciou a saída do ministro das Finanças do Governo” e “todos foram explorados primeiramente pelo PSD”.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Se fosse só a Paz podre, mas o pior é que os políticos e são ainda mais podres, não tem homens com eles no sitio para fazerem uma limpeza dentro dos seus partidos e renovar,nem falo na justiça que essa ainda mais podre está. Ainda gostava que os partidos explicassem o que é que o País já ganhou com as demissões, já quase há 45 anos que assisto ao folclore de demissões o que depois acontece é só mudarem o penico, mudam as pessoas mas tudo continua igual, nunca fui adepto de demissões mas sou sim adepto que quem faça mal corrija o que fez mal, mas a classe política gosta mais de chafurdar na trampa que apontar soluções e ideias para melhorar o País, são todos bons quando são oposição quando no governo não há diferença são todos farinha do mesmo saco.

  2. Numa altura em que se pedem sacrifícios aos portugueses e muitos já passam fome injectam-se 850 milhões no Novo Banco sendo parte para pagar prémios aos administradores que o continuam a falir. E como forma de desviar a atenção disto simulam um mal entendido entre Costa Marcelo e Centeno aproveitando Costa e Marcelo o momento para se promoverem mutuamente politicamente. Este país é pior que um cancro!

RESPONDER

Juiz Carlos Alexandre aceita proposta de pagamento de caução de Joe Berardo

O juiz Carlos Alexandre aceitou, esta quarta-feira, a proposta e a forma de pagamento da caução de cinco milhões de euros apresentada pelo empresário madeirense no processo da Caixa Geral de Depósitos. A decisão favorável do …

Mais 13 mortes e 3452 casos de covid-19 nas últimas 24 horas

Portugal registou, esta quarta-feira, mais 13 mortes e 3452 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 3452 novos …

MPT junta-se a PDR e pedem que Nós, Cidadãos! seja banido das autárquicas pelo TC

O MPT juntou-se ao PDR e ambos pedem que o Nós, Cidadãos! seja impedido de "apresentar candidaturas" às eleições autárquicas de setembro. Em junho, o PDR deu entrada com um pedido no Tribunal Constitucional (TC) para …

Relatório revela envolvimento da Igreja Católica em 100 casos de pedofilia na Polónia

Uma comissão estatal que analisou as denúncias de crimes de pedofilia registadas na Polónia entre 2017 e 2020 denunciou na terça-feira que quase um terço dos casos estudados, num total superior a 300 processos, envolvem …

Polícias voltam aos protestos por causa do subsídio de risco em dia de nova reunião com o Governo

Elementos da PSP e da GNR voltam esta quarta-feira aos protestos por causa do subsídio de risco, uma concentração que vai decorrer enquanto os sindicatos e associações socioprofissionais estão reunidos no Ministério da Administração Interna …

Vieira continua em domiciliária. MP vai pedir reforço de garantias de caução

O Ministério Público (MP) vai pedir reforço de garantias de caução por entender que o uso das ações da SAD do Benfica não é a forma apropriada. O Correio da Manhã avança, esta manhã, que o …

Investigadores suecos pagam 23 dólares a quem se vacinar contra a covid-19

Recompensa surge no âmbito de uma pesquisa que pretende avaliar o nível de eficácia de diferentes incentivos à vacinação contra a Covid-19. O estudo conta com a participação de 8.200 voluntários com menos de 60 …

Costa diz que Estado se curva "perante a memória" de Otelo. Mas BE condena ausência de luto nacional

O primeiro ministro, António Costa, e o presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, decidiram não declarar luto nacional pela morte de Otelo Saraiva de Carvalho, Capitão de Abril. A líder do BE e o …

Catarina Martins volta a bater o pé e Jerónimo sublinha: "Ainda não há Orçamento"

Marcelo Rebelo de Sousa recebeu, esta terça-feira, o Bloco de Esquerda, o PCP e o CDS, em mais uma ronda de reuniões com os partidos com assento parlamentar. Se o objetivo do Presidente da República era …

Simone Biles, Jogos Olímpicos de Tóquio 2020

Simone Biles. O ouro olímpico não é sinónimo de paz, muito menos interior

Na sequência do escândalo Nassar, a opinião pública dos EUA concordou que não valia tudo no caminho até ao ouro olímpico — principalmente quando está em causa a dignidade humana. Com a sua principal estrela …