Quase um ano depois, túmulo de Jesus é finalmente revelado

Abir Sultan / EPA

Túmulo de Jesus, na Igreja do Santo Sepúlcro, em Jerusalém

Túmulo de Jesus, na Igreja do Santo Sepúlcro, em Jerusalém

O restauro do edifício e da cúpula que salvaguardam o local onde Jesus Cristo terá sido sepultado, na Igreja do Santo Sepúlcro, em Jerusalém, está terminado.

“É possível, atualmente, ver-se a cor e textura, as inscrições e as pinturas a fresco”, disse a arqueóloga Antonia Moropoulou, responsável pela intervenção, que esta quarta-feira desvendará o resultado final.

O edifício, localizado onde, segundo a tradição cristã, Jesus Cristo foi enterrado e ressuscitou ao terceiro dia, foi alvo de obras de restauro que se prolongaram por dez meses, durante os quais foram limpos os mármores da estrutura e se reforçou a sua estabilidade, noticiou a agência espanhola Efe.

Foram também substituídas as telas danificadas, e tapadas as gretas com argamassa, preenchidas as fissuras e reforçados os suportes para que o “monumento dure para sempre”, realçou a arqueóloga grega.

Os andaimes, colocados pelas autoridades britânicas, em 1947, foram retirados em finais de fevereiro, assim como as lonas e redes que tapavam o edifício serão tiradas em breve, tornando visíveis ao público os materiais da construção.

No topo da cúpula está colocada uma cruz grega, que ali não se encontrava anteriormente às obras de restauro e que, segundo o arqueológo Eugenio Alliata, frade franciscano, poderia ter pertencido ao projeto original.

Com um orçamento inicial de três milhões de euros, a equipa de restauro contou com um financiamento total de seis milhões, 80% destes provenientes de donativos do estrangeiro, disse à Efe Bonnie Burham, ex-presidente do Fundo de Monumentos Mundiais (World Monuments Funds – WWF).

Moropoulos afirmou-se satisfeita com os trabalhados e pediu à “comunidade cristã que mantenha” o restauro feito.

Em estudo está o projeto de “estabilização das fundações”, que a arqueóloga responsável entregou aos três guardiães da igreja – o ortodoxo grego, o apostólico arménio e o católico. Este estudo e a sua concretização visam evitar uma maior deterioração do edifício no futuro, apesar da grande complexidade que se revela a obra que implica drenagem de águas e os despejos subterrâneos acumulados nas fundações.

A igreja do Santo Sepulcro manteve-se aberta ao culto e aos peregrinos durante todo o processo de restauro e apenas esteve encerrada durante 36 horas, quando foi levantada a lápide que tapava a vala original de Jesus Cristo, o que não acontecia há 500 anos.

// Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Grande aldrabice…o túmulo ? Mas se Jesus foi enterrado na Índia, com 112 anos de idade, como é que conseguem insistir com uma mentira que conduziu à morte de centenas de milhares de vidas de homens que iam matar e morrer para defenderem esse famigerado túmulo em Israel?

RESPONDER

Imprimiram corais artificiais em 3D que podem salvar recifes

Uma equipa de cientistas inspirou-se na natureza para desenvolver estruturas em forma de coral, impressas em 3D, capazes de produzir grandes quantidades de algas microscópicas. Investigadoras da Universidade de Cambridge e da Universidade da Califórnia desenvolveram …

Avalanches submarinas prendem microplásticos no fundo do oceano

As avalanches de sedimentos submarinos transportam os microplásticos para o fundo do oceano e um projeto de colaboração entre as Universidades de Manchester, Utrecht e Durham e o Centro Nacional de Oceanografia acaba de revelar …

Aos 107 anos, Cornelia Ras conseguiu vencer a covid-19

Cornelia Ras, que contraiu o novo coronavírus em meados de março, pode ser a mulher mais velha do mundo a vencer a covid-19. Nunca se é velho demais para vencer o novo coronavírus e a holandesa …

Coreia do Norte pode estar a usar fábricas de fertilizantes para extrair urânio

Um novo estudo norte-americano mostra que a Coreia do Norte pode estar a utilizar fábricas de fertilizantes para produzir mais material nuclear, extraindo urânio de ácidos fosfóricos. Segundo noticiou o Newsweek, na opinião da investigadora Margaret …

Distância social de 1,5 metros é insuficiente para travar contágio

O estudo realizado por investigadores e engenheiros especializados em dinâmica de fluidos concluiu que a distância deve ser de, pelo menos, quatro metros. Um estudo divulgado esta quinta-feira alerta que a distância social de 1,5 metros …

Estados Unidos registam 9 desempregados por segundo

O desemprego está a atingir números preocupantes nos Estados Unidos: só na última semana, 6,6 milhões de pessoas declararam estar sem emprego para poder receber apoios, um número semelhante ao da semana anterior. De acordo com …

Chineses desistem de comprar o BNI Europa. Está agora em mãos angolanas

O contexto de incerteza, provocado pela pandemia de covid-19, levou o Grupo chinês KWG a desistir de comprar 80,1% da participação do BNI Europa. O grupo chinês KWG desistiu de comprar 80,1% da participação do BNI …

Tesla usa peças do Model 3 para construir um ventilador

A Tesla também está a tentar contribuir para colmatar a escassez de ventiladores com um novo protótipo, feito com partes do Model 3. A Tesla construiu um ventilador com recurso a componentes automóveis. A fabricante elétrica …

Há acordo no Eurogrupo: 500 mil milhões de euros "disponíveis imediatamente"

Os ministros das Finanças da Zona Euro chegaram a acordo, esta quinta-feira, sobre os apoios económicos para fazer face à pandemia de covid-19. O Eurogrupo chegou a acordo sobre o pacote de ajuda económica para a …

Se recebeu uma chamada da Tunísia, não devolva. É fraude

Clientes de várias operadoras nacionais têm recebido, nas últimas semanas, um "anormal" volume de chamadas internacionais. As operadoras suspeitam de fraude. Segundo o Jornal de Notícias, várias pessoas têm recebido chamadas de u número internacional que …