PSD não cede “um milímetro” de espaço ao PAN

Manuel de Almeida / Lusa

Os trabalhos estão prestes a arrancar no Parlamento, mas ainda se discutem lugares no hemiciclo. Depois de o CDS, agora é o PSD a rejeitar ceder ao PAN parte do espaço que tem ocupado nos gabinetes da direção parlamentar.

O PAN tem ocupado um espaço mais longe do hemiciclo, perto da Sala do Senado mas pela distribuição agora definida passaria a ocupar uma sala no corredor do PSD.

De acordo com a súmula da conferência de líderes, o deputado André Silva lembrou, de acordo com a TSF, que tendo em conta que os trabalhos começam esta sexta-feira “seria importante deixar resolvida a questão da distribuição dos espaços de trabalho”.

Porém, o PSD não aceita ceder “um milímetro” do espaço que agora ocupa. Fernando Negrão referiu na reunião que houve uma “má interpretação da posição do seu grupo parlamentar” sobre a decisão do Grupo de Trabalho que reorganizou o espaço dos gabinetes e que os social-democratas “não poderiam ceder no seu espaço qualquer milímetro suplementar ao futuro grupo parlamentar do do PAN”.

O PSD entende que “há outros grupos parlamentares com perdas maiores, devendo ser esses acederem espaço a quem o necessitar, e não o PSD”.

Já o deputado socialista Pedro Delgado Alves referiu que estão em causa os mesmos 230 deputados, mas numa diferente configuração, com mais deputados únicos. Segundo o mesmo deputado, o Secretário-Geral encontrou uma solução, que “estará disponível dentro de um mês e meio, mal estejam concluídas as obras“.

Todos os outros partidos concordaram com a proposta do Grupo de Trabalho consideraram “equilibrada”. Telmo Correia do CDS referiu que “quem reduz o número de Deputados, deve ceder espaço e não propriamente abandonar os seus espaços tradicionais no Palácio de São Bento”. O CDS viu reduzida a sua representação de 19 para cinco deputados nestas eleições legislativas.

O PSD tentou que fosse marcada nova reunião do Grupo de Trabalho “para dirimir o problema” e disse não perceber o motivo de todos os partidos “empurrarem o PAN para o espaço do PSD”. Porém, o Presidente Ferro Rodrigues apelou à compreensão de todos para ter de se avançar aceitando o decidido por maioria.

A distribuição dos lugares no Parlamento tem sido alvo de críticas de várias frentes. O CDS disse não querer o líder do Chega no meio dos seus deputados. A solução poderia mesmo passar por abrir uma porta especial para o deputado. Ventura reagiu a esta proposta, comentando ser “ridículo”. “Acho ridículo que seja feitas obras, portas ou não. Gastar-se dinheiro só porque os deputados do CDS não se querem levantar para dar passagem. Isto é querer humilhar o Chega uma vez mais”, acrescentou o deputado.

Por outro lado, Ferro Rodrigues disse aos líderes parlamentares que o Secretário-Geral informou que “o Palácio de São Bento é um edifício classificado e, nessa medida, qualquer intervenção no mesmo está sujeita a parecer prévio da Direção-Geral do Património Cultural, não podendo ser feita a obra suscitada nas bancadas sem parecer favorável.”

André Ventura, do Chega, vai sentar-se o mais à direita possível do hemiciclo, na segunda fila, isto porque os deputados únicos não têm assento na primeira fila. O mesmo acontece com Joacine Katar Moreira, do Livre, que se sentará na segunda fila, entre o PCP e o PS, e com João Cotrim Figueiredo, do Iniciativa Liberal, que se vai senta na segunda fila, ao lado do PSD e do CDS.

O Partido Ecologista Os Verdes consegue chegar à primeira fila, estatuto só atribuído aos grupos parlamentares. Na primeira fila entra também o PAN (dois deputados na primeira e dois na segunda), mantendo a posição que teve na legislatura anterior, entre o PS e o PSD.

Já o Bloco de Esquerda mantém os seus 19 lugares o mais à esquerda possível, seguindo-se o PCP. Ao lado dos comunistas aparece o PEV. Imediatamente atrás do deputado d’Os Verdes, aparece o Livre, que fica entre os comunistas e os socialistas – e longe do Bloco de Esquerda.

Seguem-se os deputados do PS, depois os quatro do PAN, e depois o PSD. Imediatamente ao lado do PSD, na segunda fila, aparece o deputado do Iniciativa Liberal. Seguem-se os cinco deputados do CDS, no lado direito do hemiciclo, e à sua direita há agora um deputado: André Ventura, do Chega.

ZAP //

 

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. São muito piores que as crianças na creche!
    Um bando de palhaços a estoirar dinheiro aos portugues!
    Os partidos mais conhecidos a darem um excelente exemplo de democracia!!!

    • Tirou-me as palavras da boca !………. Estamos entregues a putos e suas birras !…por este andar talvez futuramente acabe a zaragata, ou pior a porrada !…O Espectáculo ainda só agora começou !

  2. Os partidos do regime estão a portar-se como se fossem os proprietários da A.R. “esquecem-se” que a A.R. é de todos nós portugueses contribuintes, a A.R. é para ser ocupada por todos os partidos que tenham deputados eleitos gostemos desses partidos ou não, foram eleitos têm o direito igual de ter espaço com o tem os partidos do regime PPD,PS,CDS,PCP ou BE, e dizem estes deputados do regime que são democratas nem quero imaginar se não fossem democratas.

  3. O problema é ainda mais grave, porque os partidos, ao perderem deputados e ao não ceder espaço deixado vago pela perda de mandatos, já estão a originar mal estar interno nas Divisões dos vários serviços inerentes ao necessário e bom funcionamento do Parlamento, deslocando-os para longe do contato direto com os próprios deputados, sem que ninguém faça algo para evitar tal tomada de atitude. É um total deixa andar e por este “andar” e com o finca pé partidário, as Divisões irão todas sair do Parlamento, para dar apoio aos deputados fora da Assembleia da República. O lema “se não os consegues vencer junta-te a eles”, não pode nem deve de ser aqui utilizado

RESPONDER

Estados Unidos vão transformar aeronaves obsoletas em "aviões arsenal"

Os Estados Unidos preparam-se para transformar algumas das suas maiores e mais obsoletas aeronaves em "aviões arsenal", que funcionarão como plataformas repletas de armas, revelaram fontes do Governo norte-americano. Foi em 2016 que esta ideia veio …

Imperador japonês paga 25 milhões de dólares por ritual secreto para dormir com deusa

Este ritual de sucessão do Imperador Naruhito aconteceu na quinta-feira e envolve dormir com uma deusa do Sol. O templo é construído para o efeito e é destruído depois. O ritual japonês altamente secreto conhecido como …

Para entrar nesta praia italiana, vai ser preciso pagar (e nem todos podem entrar)

Aos pés de uma antiga aldeia de pescadores, La Pelosa é uma atração turística muito célebre. Por isso, a autarquia decidiu tomar medidas para a proteger. A famosa praia tem sido uma vítima da erosão natural …

Laurent Simons será o mais novo licenciado do mundo. Tem 9 anos

O belga Laurent Simons tem apenas 9 anos e estás prestes a bater um recorde: em dezembro, deverá tornar-se o mais novo licenciado do mundo. O "menino prodígio", tal como é apontado pelos média internacionais, ingressou …

Preços dos passes Navegante ficam iguais em 2020

Os preços dos passes Navegante vão manter-se iguais em 2020, no âmbito da estratégia de “promoção da utilização dos transportes públicos coletivos”, anunciou esta sexta-feira a Área Metropolitana de Lisboa (AML). “A Área Metropolitana de Lisboa …

Os burros-táxi de Espanha vão ter horários de trabalho, estábulos novos e deixar de carregar turistas de 80 quilos

Os burros táxis são uma atração turística de Mijas, província de Málaga, no sul de Espanha. Agora foram definidas novas regras que têm em conta os direitos e o bem-estar dos animais. O serviço funciona como …

Vai ser preciso "ser-se rico" para visitar a famosa Ilha de Komodo

Em breve, os turistas que queiram visitar a Ilha de Komodo, o famoso lar de mais de 5.000 dragões de Komodo, terão de ser ricos. O aviso é do Governo local indonésio, que chegou mesmo …

Sócrates saúda saída da prisão de Lula. "Sei que estás em festa, pá"

O antigo primeiro-ministro José Sócrates, acusado de corrupção, considerou que a saída da prisão de Lula da Silva representou uma "reentrada no mundo" do ex-chefe de Estado brasileiro, acontecimento em relação ao qual o PS, …

Ministra da Justiça visitou mãe que abandonou bebé no lixo

A mãe que abandonou o bebé no caixote do lixo em Lisboa está bem de saúde e a receber apoio psicológico, constatou a ministra da Justiça, que esta sexta-feira visitou a jovem na cadeia de …

Ex-embaixadora dos EUA na Ucrânia acusa Trump de intimidação

Marie Yovanovitch, antiga embaixadora dos Estados Unidos na Ucrânia, denunciou esta sexta-feira a existência de uma campanha para a descredibilizar levada a cabo por Donald Trump com ajuda de ucranianos, no inquérito para a destituição …