Professores estão satisfeitos com veto de Marcelo, mas mantém ações de luta

Tiago Petinga / Lusa

O veto de Marcelo Rebelo de Sousa “foi uma boa notícia”, mas Mário Nogueira, da Fenprof, diz que “nada está resolvido” no que diz respeito à recuperação do tempo de serviço dos professores.

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) vai manter as ações de luta programadas na defesa da contagem do tempo de serviço dos professores, adiantou à Lusa o secretário-geral da estrutura sindical.

Mário Nogueira disse que a Fenprof tenciona esperar por desenvolvimentos durante o próximo mês e promover uma “grande manifestação nacional” de docentes em meados de fevereiro.

O veto presidencial ao diploma do Governo que contava parcialmente o tempo de serviço congelado dos professores é encarado pelo líder sindical como “uma boa notícia”, mas ainda não uma vitória.

Na quarta-feira, Mário Nogueira considerou “absolutamente adequada” e “correta” a decisão do Presidente da República e referiu que, no dia 3 de janeiro, os docentes vão estar à porta do Ministério da Educação para dizer ao Governo: ‘Estamos aqui para iniciar essa negociação’”.

Os sindicatos de professores ameaçaram, na semana passada, “bloquear o normal desenvolvimento do ano letivo” se o Governo não abrir negociações sobre a recuperação do tempo de serviço congelado, mas não só, até ao final de janeiro.

Em conferência de imprensa em Lisboa, depois de terem estado reunidos com o Governo – que havia dado por encerradas as negociações com os professores – os sindicatos unidos em plataforma deixaram um ultimato ao Ministério da Educação, dizendo que cabe ao executivo “escolher o que quer fazer” e que se durante o mês de janeiro não forem reabertas negociações, haverá consequências para o “normal desenvolvimento do ano letivo”.

Falando em nome da plataforma, Mário Nogueira, disse que as medidas que podem vir a bloquear o ano letivo estavam a ser discutidas pelos sindicatos e em fase de recolha de sugestões dos professores.

Ainda para 3 de janeiro está previsto o reinício da greve a todo o trabalho que não esteja previsto no horário de trabalho de 35 horas semanais, nos mesmos moldes em que esta decorreu ao longo de todo o 1.º período escolar.

A 9 de janeiro os sindicatos são ouvidos na Assembleia da República, pela comissão parlamentar de Educação.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Sr. Presidente você não é o Presidente de todos os Portugueses? Agora vetou mostrando que está ao lado dos sindicatos e eles vão-lhe responder com mais greves. Sr. Presidente quando é que pensa em defender as crianças e os Pais Portugueses? Quando a hipocrisia se esconde atrás de um sorriso a humanidade perde sentido.

RESPONDER

Presidente da federação russa de atletismo suspenso por obstruir investigação

O presidente da federação de atletismo da Rússia e outros seis elementos da federação foram, esta quinta-feira, suspensos, devido a irregularidades relacionadas com uma investigação antidoping. O presidente da federação de atletismo da Rússia, Dmitri Shliajtin, foi …

Avó e tios do bebé deixado no lixo estão a tentar a guarda da criança

O embaixador de Cabo Verde em Portugal explicou, esta sexta-feira, que a mãe e os irmãos da cabo-verdiana suspeita de abandonar o filho num ecoponto estão a tentar obter a guarda da criança por acreditarem …

Esta tecnologia de edição de genoma pode mudar o mundo (mas o seu criador tem receio disso)

A inovação de Kevin Esvelt tem potencial para ser usada tanto para o bem como para o mal. Os perigos que pode advir dela, deixam o biólogo reticente em relação a esta tecnologia, que também …

Governo quer "conciliação" entre tribunais criminais e de família em casos de violência doméstica

O Governo quer que os juízes de instrução possam determinar simultaneamente as medidas de coação a um agressor em contexto de violência doméstica e as medidas provisórias relativas às crianças, seja de promoção e proteção …

Sp. Braga critica autarquia por transmitir jogo do Flamengo em ecrã gigante

O Sporting de Braga acusou a Câmara Municipal de Braga de desrespeitar o clube e os seus adeptos por colaborar na organização da transmissão da final da Taça dos Libertadores de futebol, entre Flamengo e …

Hermínio Loureiro pede suspensão de mandatos na FPF e COP

Hermínio Loureiro pediu a suspensão dos mandatos de vice-presidente da FPF e do COP, esta sexta-feira, na sequência da acusação do Ministério Público na operação Ajuste Secreto. Numa carta enviada à FPF, a que a agência …

Oxford escolhe "emergência climática" para Palavra do Ano 2019

A Palavra do Ano 2019 escolhida pelos Dicionários de Oxford foi "emergência climática", "situação na qual é requerida uma ação urgente", revelou na quinta-feira esta componente da editora da Universidade homóloga. A Palavra Oxford do Ano …

Erro no IRS de 2015. Contribuintes podem contestar nova liquidação

O novo apuramento do imposto abrange cerca de dez mil declarações no valor de 3,5 milhões de euros. A Autoridade Tributária e Aduaneira já enviou uma carta aos contribuintes cuja liquidação do IRS relativo a 2015 …

Jesus vai receber título de cidadão honorário do Rio de Janeiro

O técnico português do Flamengo será condecorado, na próxima segunda-feira, com o título de cidadão honorário do Rio de Janeiro. A distinção a ser entregue pela Câmara Municipal do Rio de Janeiro foi anunciada num cartaz …

Governo compromete-se a concluir processo de regularização dos precários

O Governo comprometeu-se com a conclusão, no início da legislatura, do Programa de Regularização Extraordinária dos Vínculos Precários na Administração Pública (PREVPAP), mas sem avançar uma data concreta. O debate temático sobre o PREVPAP, que decorreu …