Professores de escolas artísticas podem ter de devolver meses de salário

Uma dúzia de “técnicos especiais”, com décadas de experiência e que integrariam a carreira docente em 2018, ao abrigo de uma lei de 2014, vão ser obrigados a devolver salários de sete meses de carreira.

São especialistas em artes como gráfica, ourivesaria, madeiras ou metais, não licenciados, profissionalizados, que lecionam há décadas nas escolas artísticas de Soares dos Reis, no Porto, e de António Arroio, em Lisboa.

Uma lei de 2014 prometia acabar com as discriminações, integrando-os na carreira docente passados quatro anos. Agora, podem ter de devolver centenas de euros de salários, uma vez que, de acordo com o Jornal de Notícias, a Direção-Geral da Administração Escolar decidiu, em fevereiro, que entre 2011 e 2017 os anos não contaram.

“Abrimos uma conta solidária e vamos, com o apoio da Direção, começar a divulgar entre os colegas que se solidarizaram com os nossos seis professores nesta situação”, explica Marcelo Reis, docente na Escola Artística Soares dos Reis, preocupado com os seis professores que considera discriminados.

“Foram reconhecidos os reposicionamentos de outros professores integrados ao abrigo da mesma lei, criando-se uma exceção para os não licenciados. Mas a licenciatura não era critério de admissão e não pode ser invocado para diferenciação“, defende José Amorim de Sousa, o mais antigo e mais prejudicado do grupo.

A diferença entre o salário do índice 112 (1018 euros brutos), onde estão colocados há décadas, durante as quais eram contratados anualmente, e o índice 167 (1518 euros brutos), onde começam todos os recém-professores, significa que podem passar os próximos dois anos a levar para casa cerca de 400 euros líquidos.

“Não chegaria para viver, para vir trabalhar. Por isso, abdicámos desde já dos subsídios de férias e de Natal, prevendo que não vamos conseguir vencer mais uma injustiça”, lamenta Paula Dias, outra profissional afetada pelo congelamento quando nunca esteve congelada.

“A Direção-Geral da Administração Escolar (DGAE) não pode revogar uma lei com um e-mail. Mas quem é que nos ouve? Parece que estamos condenados”, defende Fernando Teixeira. Em 2007, chegaram a ser “despedidos durante 20 dias, para tornarmos a ser contratados para as mesmas funções a ganhar menos 50%, o que é ilegal”.

A Provedoria de Justiça recebeu mais de 20 processos no último ano e meio relativos a problemas na mobilidade intercarreiras da Função Pública. No momento em que os funcionários procuram consolidar a carreira nos locais onde trabalham há vários anos, são informados pela Direção-Geral da Administração e do Emprego Público que terão de regularizar diferenças salariais dos anos da mobilidade.

Já no INEM, tinha sido notícia que 18 funcionários teriam de devolver até 40 mil euros em salários mal calculados. O problema será transversal a vários organismos públicos.

ZAP //

 

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

As árvores não existem. Quem o diz são os terraplanistas

Uma teoria da conspiração sobre árvores está agora a intrigar o mundo. Um terraplanista explica que as árvores não existem e que não passam de arbustos. A teoria surgiu num vídeo publicado em 2016 no YouTube, …

CGTP convoca “grande manifestação” para 10 de julho

A CGTP-IN convocou uma “grande manifestação” em Lisboa, para dia 10 de julho, data em que se discute o Estado da Nação, como forma de luta à proposta de revisão do Código Laboral. Numa conferência de …

A Liberdade Iluminando o Mundo chegou a Nova Iorque há 134 anos. Vinha em 214 caixas

https://vimeo.com/342845039 A 17 de junho de 1885, a fragata Isere aportava em Nova Iorque levando a bordo 350 peças, que seguiam em 214 caixas. Depois de montado, este gigante puzzle daria forma a um dos monumentos …

INE chumba pergunta sobre origem étnico-racial no censos

O Instituto Nacional de Estatística (INE) não vai incluir no Censos 2021 uma pergunta sobre a origem étnico-racial dos cidadãos, como pretendia a maioria dos membros do grupo de trabalho criado pelo Governo para avaliar …

Já morreram 100 crianças na Índia devido a um vírus cerebral associado à lichia

Já morreram 100 crianças devido a um surto de encefalite aguda no estado de Bihar, na Índia. Destas, 20 morreram em apenas um dia, a 16 de junho, escreve a imprensa local esta segunda-feira. As primeiras …

Praça de Touros da Póvoa de Varzim vai ser demolida

A Praça de Touros da Póvoa de Varzim vai ser demolida para dar lugar a um pavilhão multiusos. O presidente da Câmara, Aires Pereira, aproveitou o Dia da Cidade, no domingo, para apresentar o novo …

Autoridade dos Transportes defende sanções quando há falhas no metro

A Autoridade da Mobilidade e dos Transportes defende a "definição de requisitos mínimos de qualidade e de sanções em caso de incumprimento" por parte das operadoras do metro junto dos utentes. Após uma avaliação dos metros …

Oliveirense sagra-se bicampeã nacional de basquetebol

A Oliveirense sagrou-se pela segunda vez consecutiva campeã portuguesa de basquetebol, ao vencer em casa do Benfica, por 97-72, no quarto jogo da final. A Oliveirense, que chegou ao intervalo com uma vantagem de 53-41, conquistou …

Ivo Vieira é o novo treinador do Vitória de Guimarães

Ivo Vieira vai orientar o Vitória de Guimarães, depois de ter assinado um contrato válido para 2019/2020, anunciou o emblema vimaranense no site oficial. "A Vitória SAD informa que chegou a acordo com o treinador Ivo …

Dono da Altice compra leiloeira Sotheby's

O dono da Altice comprou a leiloeira Sotheby's, numa operação no valor de 3,7 mil milhões de dólares, cerca de 3,3 mil milhões de euros. O acordo definitivo foi assinado entre a Sotheby's e a BidFair …